NFL

Vita Vea não tem problema grave na panturrilha; veja boletim de lesões

Vita Vea, defensive tackle calouro do Tampa Bay Buccaneers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O defensive tackle Vita Vea, selecionado pelo Tampa Bay Buccaneers na primeira rodada do draft de 2018 da National Football League, oficialmente foi diagnosticado com uma distensão na panturrilha esquerda e ficará fora “por algumas semanas”, como disse uma fonte à ‘ESPN’ norte-americana nesta terça-feira (31).

O defensor não deve perder nenhum jogo da temporada regular de 2018 devido ao problema.

“Foi melhor do que pensávamos”, declarou o técnico Dirk Koetter, dos Bucs, que inicialmente temia por uma ruptura no tendão de Aquiles do jogador.

Vea foi capaz de sair mancando do campo de treinamento, no último domingo (29), mas ele teve que ser levado de carrinho-maca até o vestiário. A lesão com o DT ocorreu durante uma jogada de corrida em um treinamento de 11 contra 11.

“O que Vita descreveu quando isso aconteceu foi o que você pensaria se um cara rompe seu Aquiles, o que seria uma lesão de recuperação de um ano. Graças a Deus, não foi isso. É uma lesão na panturrilha. Ele ficará fora agora, mas não é o que poderia ter sido. Então, neste aspecto, nós estamos melhor do que pensávamos”, ressaltou Koetter.

Vita estava utilizando uma bota protetora e montado em uma scooter durante o treino desta terça. Ele passou a maior parte da atividade sem colocar peso na perna, mas até conseguiu colocar algum peso sobre ela enquanto deixava o campo.

Selecionado com a 12ª escolha geral do draft, Vita Vea deve chegar aos Bucs para ser titular imediatamente ao lado do defensive tackle Gerald McCoy.

Confira mais notícias de lesões na NFL nesta terça (31):

– No Seattle Seahawks, o wide receiver Doug Baldwin deve perder “algumas semanas” devido a uma lesão no joelho, como afirmou o técnico Pete Carroll nesta terça-feira.

Baldwin não participou dos últimos três dias do training camp dos Seahawks.

Carroll não deu detalhes sobre a natureza da contusão além de descrever como um joelho dolorido, mas ele chamou a situação de “um pequeno problema”.

O head coach dos Seahawks também trouxe um prognóstico do defensive end Dion Jordan, provável titular do time e atualmente na lista de jogadores sem condições físicas de desempenhar (PUP). Carroll descreveu a lesão de Jordan como um “problema de estresse” não relacionada à cirurgia no joelho pela qual o pass rusher passou nesta offseason.

Uma fonte com conhecimento da situação disse ao jornalista Tom Pelissero, da ‘NFL Network’, que a reação de estresse é localizada na canela do jogador.

– O Green Bay Packers pode começar a temporada regular de 2018 sem Jake Ryan. O técnico Mike McCarthy afirmou que o linebacker titular segue passando por exames, mas o temor é que Ryan tenha sofrida uma “lesão séria no joelho”, segundo informações do jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

Ryan se lesionou no treino da última segunda e uma potencial perda do linebacker deixaria com os Packers com um buraco imenso para preencher no meio da defesa.

O linebacker foi titular em 12 jogos na temporada 2017 e se provou efetivo contra o jogo terrestre, somando 81 tackles combinados. Ao longo das últimas três temporadas, ele disputou 43 jogos com a camisa dos Packers (27 como titular), totalizando 213 tackles combinados.

Enquanto os Packers aguardam os próximos dias para saber mais sobre a lesão de Ryan, há motivos para otimismo em relação ao safety Kentrell Brice, que também saiu lesionado do treino da última segunda.

Os exames de raios-x não apontaram fratura e haverá uma ideia melhor sobre o retorno do defensor quando o inchaço diminuir, segundo Rapoport.

– O training camp passa, o training camp voa, e o Los Angeles Chargers segue sendo atacado por lesões. O cornerback Trevor Williams lesionou o tornozelo esquerdo no treino desta terça e teve que ser ajudado para sair de campo.

Atualmente com 24 anos de idade, Williams sofreu a lesão enquanto marcava o wide receiver Mike Williams.

Ao final do treino, Trevor Williams tinha uma bota protetora no pé esquerdo e precisou de muletas para entrar no ônibus que levou o time ao hotel.

O técnico Anthony Lynn afirmou que o cornerback sofreu uma entorse no tornozelo e o head coach disse esperar que a contusão não seja mais grave.

– O San Francisco 49ers anunciou nesta terça que o defensive limeman Arik Armstead está sendo avaliado “semana a semana” depois de sofrer uma lesão no músculo posterior da coxa.

– O guard Brandon Brooks, do Philadelphia Eagles, estava presente no treino desta terça, participando sem limitações, depois de ser enviado ao hospital durante a atividade do último domingo devido à desidratação. A informação é de James Palmer, da ‘NFL Network’.

– O técnico Vance Joseph, do Denver Broncos, disse que espera que o cornerback Tramaine Brock (músculo posterior da coxa) fica afastado por cerca de uma semana, segundo a jornalista Aditi Jhabvala, do ‘The Athletic’.

– O Tennessee Titans colocou o cornerback Tye Smith na injured reserve devido a uma lesão não divulgada.

– O Oakland Raiders cortou o offensive lineman Vadal Alexander com uma designação de lesão não relacionada ao futebol americano (NFI).

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top