NFL

Tony Romo faturou US$ 64 por uma campanha jogada em 2016; veja as manchetes da quarta-feira

Tony Romo, quarterback do Dallas Cowboys

(Crédito: Twitter/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Tony Romo só jogou uma partida na temporada passada. Já classificado, o Dallas Cowboys colocou ele na semana 17 contra o Philadelphia Eagles. Na única campanha em que jogou, ele conduziu a franquia texana a um touchdown, tendo terminado o ano com três passes certos em quatro tentados para possantes 29 jardas e um touchdown. Além disso, Romo fez um passe profundo para Dez Bryant que levou a um pass interference.

Como Tony Romo jogou 0,47% dos snaps dos Cowboys em 2016, ele recebeu incríveis US$ 64,11 baseado no sistema de remuneração da liga que se pauta pelo tempo de jogo do atleta.

– Todd Marinovich, ex-quarterback de USC e Los Angeles Rams, se declarou culpado das acusações que enfrenta após ser preso por ser visto tentando entrar na casa de um estranho enquanto estava nu.

Se declarando culpado para as acusações de nudez pública, drogas e invasão, o ex-jogador de 47 anos foi condenado a 90 dias de prisão. A sentença pode ser suspensa ao término dos seis meses em uma clínica ambulatorial.

– Mesmo com um bom espaço no seu salary cap, o Cincinnati Bengals deixou alguns bons jogadores irem para outras equipes na free agency e o defensive end Carlos Dunlap questionou o planejamento da sua equipe. “Eu não entendo o plano, mas não é o meu papel também”.

– Calais Campbell assinou contrato com o Jacksonville Jaguars sem ter conversado com o head coach Doug Marrone ou com o vice-presidente Tom Coughlin. “Depois que eu assinei, eu falei com todo mundo. Mas antes de assinar, eu não falei com ninguém. Eu falei com pessoas que jogaram para eles”, revelou o defensive tackle.

– Com visita marcada ao New Orleans Saints na quinta-feira, o cornerback Malcolm Butler estaria pensando muito bem em jogar na franquia da Louisiana e a ideia estaria “esquentando”, segundo um relato.

– D.J. Swearinger, safety do Washington Redskins, assinou um grande contrato, sendo US$ 9 milhões garantidos, e parte desse montante será destinado para ele utilizar seu número favorito. Ele terá que pagar US$ 75 mil a Su’a Cravens para vestir o número 36.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top