NBA

Tom Benson explica por que não deseja deixar controle de times com filha e netos

(Crédito: New Orleans Saints/divulgação)

(Crédito: New Orleans Saints/divulgação)

Dono do New Orleans Saints e do New Orleans Pelicans, Tom Benson não quer mesmo deixar nenhuma parte do controle de seus times para sua filha e seus netos. Em depoimento dado em março, que foi tornado público apenas nesta semana, Benson alega que membros de sua família “tentaram matá-lo”.

Benson, que está em meio a uma disputa judicial sobre quem vai herdar as franquias esportivas depois que ele falecer, deu detalhes sobre por que ele decidiu retirar sua filha Renee, além de seus netos Ryan e Rita LeBlanc, de qualquer participação acionária nas equipes.

“Bem, eles tentaram me matar por uma coisa”, disse o empresário bilionário de 88 anos de idade, em depoimento concedido no dia 28 de março. “Eles me atacaram, vocês têm que saber. É por isso que não quero deixar nada para eles. Ok? Eu descobri que eles não me amavam muito, tentando me apunhalar, queriam tomar conta de tudo, me trouxeram ao tribunal falando que eu era louco. Vocês não precisam mais do que isso”, completou.

Segundo Tom Benson, seus parentes não o atacaram, mas sim pegaram e agrediram sua esposa Gayle. Um incidente teria ocorrido durante um jogo dos Saints em 2014, dentro de um camarote no Mercedes-Benz Superdome.

“Ela ficou tão mal, Renee a balançou. Eu disse: ‘Isso basta. Vamos embora’. Gayle e eu deixamos o jogo”, prosseguiu o dono do New Orleans Saints.

Benson afirmou que foi depois de uma discussão ríspida entre sua esposa e Renee, uma briga que Tom afirmou que ocorreu uma noite depois da agressão, que ele decidiu mudar quem iria herdar o quê.

“Na realidade, eu os cortei de tudo. Eu não os recebo para jogo dos Saints, dos Pelicans ou qualquer outra coisa”, admitiu Tom Benson.

O depoimento dado por Tom Benson fez parte de uma ação movida contra Bobby Rosenthal, seu administrador de longa data, que fez uma troca de bens originalmente definidos para irem para os três membros da família. Porém, Benson deseja que os bens sejam transferidos para sua esposa.

A disputa na Justiça entre Tom Benson e seus familiares vem desde janeiro de 2015, quando ele decidiu os expulsar como seus sucessores no império de negócios e substitui-los por Gayle, sua terceira esposa, com quem ele se casou em 2004.

Os herdeiros, por sua vez, tentaram declarar que Benson é mentalmente incapacitado de comandar os negócios, alegando que ele estava em declínio físico e mental e sendo indevidamente influenciado por Gayle e outros dentro da organização. Mas a ação deles foi rejeitada por uma corte civil de Nova Orleans e uma corte de apelações do estava. A Suprema Corte da Louisiana negou a petição deles para ouvir mais um recurso.

Comments
To Top