NFL

Todd Gurley está “amando” o ataque do treinador Sean McVay; veja as manchetes do fim de semana

Todd Gurley, running back do Los Angeles Rams

(Crédito: Twitter/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Todd Gurley, running back dos Rams, não teve uma boa primeira temporada em Los Angeles, contudo ele pretende que tudo melhore com a chegada do novo treinador Sean McVay. “Espero que sim. Diga ao treinador que nós queremos um ataque mais amigável para Todd”, disse Gurley ao ser perguntado se ele se animou com a chegada do novo head coach. O tailback de 22 anos ainda afirmou que está “definitivamente amando” o estilo de ataque de McVay.

– Tajae Sharpe e Sebastian Tretola – respectivamente, wide receiver e defensive lineman do Tennessee Titans – descreveram a ação judicial que os acusa de agressão como “uma cobrança de dinheiro”. Além disso, eles alegaram autodefesa no caso.

– Rashad Jennings, ex-running back do New York Giants, espera assinar com uma equipe da NFL antes do início da temporada. “Estou na melhor forma da minha vida. Agora é free agency e estou indo para minha nona temporada. Eu entendo como isso funciona. Eu sinto que eu irei para algum time nos próximos dois meses”.

– Cliff Avril, pass rusher do Seattle Seahawks, foi citado na história de um suposto desentendimento no vestiário da franquia do estado de Washington, que estaria dividido. Apesar disso, ele negou as alegações feitas. “Eu acho que é tudo falso. Acho que está tudo morto. Foi um período morte (sem notícias) que as pessoas precisavam de algo para falar”.

– Após Justin Pugh, offensive lineman do New York Giants, ter provocado o fato de ele ter visto vários bonés dos Jets no aeroporto intactos e nenhum do ‘Big Blue', Muhammad Wilkerson respondeu. O defensive lineman dos Jets afirmou que Pugh ganhou um “ponto vermelho” no calendário e deu a data quando as duas equipes irão se enfrentar.

– Há menos de um mês de entrar no Hall da Fama do futebol americano profissional, Terrell Davis recebeu a sua jaqueta dourada. “O bebê está aqui”, publicou ele no Twitter.

– O deputado William Durr foi uma das oito pessoas que morreram em um tiroteio no Mississipi e Dak Prescott, quarterback do Dallas Cowboys tentou ajudar o filho de dez anos do político. O jogador realizou uma reunião secreta para passar um tempo com a família de Durr.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top