MLB

Tim Tebow aconselhou Kyler Murray seguir seu coração na escolha entre NFL e MLB

Tim Tebow, defensor externo de ligas menores do New York Mets

(Crédito: Twitter/reprodução)

Kyler Murray optou por escolher o futebol americano em vez do beisebol. Antes de definir que não se apresentaria ao Oakland Athletics para tentar se tornar um astro da NFL, o quarterback de Oklahoma recebeu conselho de de outro jogador que foi astro de dois esportes: Tim Tebow, que também tem o Heisman Trophy em seu currículo.

Tebow, que depois de ser quarterback na NFL se tornou defensor externo das ligas menores do New York Mets, aconselhou o prospecto de 21 anos a seguir o seu coração na hora de definir o seu futuro. Os dois conversaram durante entrevista na ‘ESPN’.

“Kyler, eu acho que ele é um jovem muito bom e acho que foi uma decisão difícil para ele. Ele ama os dois esportes e tenho alguma relação com isso. Ele escolheu algo que ele vem sendo muito bom e dominante recentemente. Quando ele falou sobre isso e conversamos sobre isso, apenas dei a ele o conselho para ele seguir seu coração. Qualquer que seja sua paixão”, comentou Tim Tebow, que também é analista de college football.

O outfielder, que foi para o beisebol depois de sua passagem pelo Denver Broncos e pelo New York Jets entre 2010 e 2012, foi All-Star da Double-A no ano passado e foi promovido para a Triple-A recentemente.

Depois de ser draftado em 2018, Murray assinou contrato de ligas menores com os A’s com bônus de assinatura de US$ 4,66 milhões, valor que terá que ser devolvido. Ele recebeu a oportunidade de jogar mais um ano no college e venceu o Heisman Trophy.

“Quer saber? Não faça isso pelos seus agentes, amigos ou até mesmo sua família. Faça isso pelo seu coração. Não deixe as pessoas definirem você. Você vai ter treinadores e todo mundo dizendo o que eles acham, mas o mais importante é você seguir o seu coração e sua paizão. Não sei, espero que ele tenha feito isso”, completou Tebow ao lembrar o que falou para Kyler Murray.

Comments
To Top