NFL

Texans renovam com Andre Hal e C.J. Fiedorowicz; veja outras transações

Andre Hal, safety do Houston Texans

(Crédito: Instagram/reprodução)

Não bastasse a renovação gigante com o wide receiver DeAndre Hopkins, o Houston Texans resolveu estender os vínculos de outros jogadores nesta quinta-feira (31) e selou renovações de contrato com o safety Andre Hal e o tight end C.J. Fiedorowicz, além do fullback Jay Prosch.

A extensão de Hal é de três anos, com valor de US$ 15 milhões, sendo US$ 7 milhões garantidos, segundo informações do jornal ‘Houston Chronicle’ e da ‘ESPN’ norte-americana. Já Fiedorowicz acertou uma extensão de três anos, com valor de US$ 21,5 milhões, incluindo US$ 10 milhões garantidos.

No caso de Jay Prosch, a extensão também é de três anos, com valor total de US$ 5,75 milhões. De acordo com Adam Schefter, da ‘ESPN’, o acordo inclui US$ 2,7 milhões garantidos.

Selecionado na sétima rodada do draft de 2014, com a 216ª escolha geral, Andre Hal é o free safety titular dos Texans e, na temporada 2016, ele somou 48 tackles combinados e duas interceptações em 15 jogos na temporada regular, tendo feito mais uma interceptação nos playoffs, durante a derrota para o New England Patriots.

Fiedorowicz foi selecionado na terceira rodada do draft de 2014, com a 65ª escolha geral, e estava entrando no ano final de seu contrato de calouro. No ano passado, ele somou 54 recepções para 559 jardas e quatro touchdowns, melhores números de sua carreira.

Em suas primeiras duas temporadas na NFL, Fiedorowicz foi mais um tight end bloqueador, mas ele disse há um ano que estava trabalhando para ajudar mais no jogo aéreo.

Em 46 jogos de temporadas regulares em sua carreira até agora, Fiedorowicz soma 75 recepções para 754 jardas e seis TDs.

Já Jay Prosch, que foi selecionado na sexta rodada do draft de 2014, com a 211ª escolha geral, soma 10 corridas para 42 jardas em sua carreira profissional até agora.

Confira outras transações da NFL nesta quinta (31):

– O Kansas City Chiefs anunciou que dispensou o offensive lineman Jah Reid.

– O Detroit Lions trocou o offensive lineman Laken Tomlinson com o San Francisco 49ers e recebeu uma escolha de quinta rodada do draft de 2019 como compensação no negócio.

– O Carolina Panthers adicionou US$ 2 milhões em incentivos no contrato do tight end Greg Olsen, que agora tem a oportunidade de faturar US$ 8,75 milhões baseado em bônus por produtividade.

Comments
To Top