NFL

Houston Texans começa a negociar com Laremy Tunsil; veja boletim

Laremy Tunsil, offensive lineman do Houston Texans

O left tackle Laremy Tunsil e o Houston Texans começaram a conversar sobre uma extensão de contrato de vários anos, com as duas partes já tendo trocado propostas preliminares. A informação é da jornalista Josina Anderson, da ‘ESPN’ norte-americana.

Tunsil, que foi adquirido pelos Texans em 2019 por um enorme pacote de escolha de draft (incluindo duas de primeira rodada), deve se tornar um left tackle mais bem pago da National Football League.

Para atingir tal patamar, ele teria que superar os US$ 18 milhões por ano que Lane Johnson, right tackle do Philadelphia Eagles, faturou quando assinou seu novo contrato em 2019.

A franquia texana ainda tem mais de US$ 34 milhões de espaço disponível no salary cap, ainda que eles ainda esperem acertar uma extensão de contrato com o quarterback Deshaun Watson nesta offseason.

Em sua coletiva de imprensa de encerramento da temporada 2019, o head coach Bill O’Brien afirmou com todas as letras que os Texans querem Tunsil em Houston “por um bom tempo”.

Se Tunsil e a organização não chegarem a um acordo de renovação nesta offseason, o tackle atuaria em 2020 sob a opção do quinto ano de seu contrato, que tem valor de US$ 10,35 milhões.

Na temporada passada, Tunsil ajudou na melhora da linha ofensiva dos Texans, que cedeu 68 sacks em 2018, maior marca da liga, mas reduziu esse número para 49 em 2019 (25ª marca da NFL).

Apesar disso, segundo o ‘NFLPenalties.com’, Tunsil liderou a liga com 17 faltas em 2019, incluindo 14 saídas falsas.

No ano passado, Tunsil foi nomeado ao seu primeiro Pro Bowl, sendo o primeiro offensive lineman dos Texans a conseguir isso desde Duane Brown em 2014.

Confira mais movimentações na NFL nesta segunda (30):

– O Pittsburgh Steelers anunciou oficialmente a assinatura de contrato de dois anos do tight end Eric Ebron.

A franquia também anunciou as contratações do defensive end Dewayne Hendrix, do safety Tyree Kinnel e do linebacker/long snapper Christian Kuntz. Todos são contratos de um ano de duração.

– O Denver Broncos recontratou o outside linebacker Jeremiah Attaochu sob contrato de um ano. O punter Sam Martin fechou seu contrato de três anos. Os anúncios foram feitos pela franquia do Colorado.

– O Los Angeles Rams recontratou o defensive back Donte Deayon sob contrato de um ano de duração, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’. Os Rams também fecharam com o guard Austin Blythe um contrato de um ano, com valor de US$ 3,9 milhões, sendo US$ 3,5 milhões garantidos, de acordo com Tom Pelissero, da ‘NFL Network’.

– O contrato do San Francisco 49ers com o pass rusher Kerry Hyder é de um ano de duração, com valor de US$ 1,5 milhão, sendo US$ 550 mil garantidos, de acordo com Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

– O New York Giants contratou o offensive tackle Cameron Fleming sob contrato de um ano de duração, com valor de US$ 3,5 milhões, sendo US$ 2 milhões garantidos e até US$ 4 milhões no geral com incentivos. As informações são de Tom Pelissero, da ‘NFL Network’.

– O Arizona Cardinals fechou com o center Max Garcia e o offensive tackle Marcus Gilbert, ambos recebendo contratos de um ano de duração. O acordo de Garcia tem valor de US$ 1,25 milhão (US$ 600 mil garantidos) e um valor máximo de US$ 2,25 milhões. Já o de Gilbert é de US$ 1,05 milhão (US$ 150 mil garantidos) e um valor máximo de US$ 3,75 milhões.

– O Indianapolis Colts fechou um contrato de um ano, com valor de US$ 1,75 milhão, com o defensive lineman Sheldon Day. O acordo inclui US$ 1 milhão garantido, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

Comments
To Top