NFL

Semana 15 NFL – O que fez o Quinto Quarto sorrir e o que quebrou as nossas pernas

O domingão de semana 15 NFL chegou ao fim e, agora, vamos destacar pontos legais e outros nem tanto das partidas. É a nossa famosa coluna “O que fez o Quinto Quarto sorrir/o que quebrou as nossas pernas”.

Nas nossas segundas-feiras, trazemos este conteúdo para te contar um pouco do que nos deixou felizes e o que nos deixou com o pé atrás. Bruno Bataglin, nosso editor da NFL, é o responsável pelos pontos positivos. E Miguel Amado, apresentador do QQ Expresso, fica com os temas que nos deixaram raivosos.

Então, vamos lá conferir os temas do domingão de semana 15 NFL…

SEMANA 15 NFL – O QUE FEZ O QUINTO QUARTO SORRIR

por Bruno Bataglin

New Orleans Saints x Kansas City Chiefs foi tudo o que esperávamos

Alguns já falavam dessa partida como uma possível prévia do Super Bowl LV. E, se ela acabar sendo (só saberemos no final de janeiro), teremos mais uma partidaça. Porque foi um grande duelo entre um dos melhores times da Conferência Nacional (NFC) e o melhor time da Conferência Americana (AFC), além de atual campeão do SB.

No Mercedes-Benz Superdome, Saints e Chiefs travaram um embate de 61 pontos no total e decidido por apenas três de diferença (um 32 a 29 a favor dos Chiefs). E olha que os Saints poderiam ter vencido, não fossem algumas faltas bobas (entre elas a burrada de Cameron Jordan, que deu um soco no offensive lineman Andrew Wylie e foi ejetado no último quarto).

Fato é que o que mais pesou para os Chiefs (prepare-se para ficar surpreso) foi Patrick Mahomes (RÁ!). O astro não fez sua melhor partida, mas ainda assim conectou 26 passes de 47 para 254 jardas e três touchdowns. Ele também correu para mais 37.

Já Drew Brees, do lado dos Saints, estava claramente limitado voltando de lesão nas costelas. O camisa 9 errou alguns passes bobos e acertou apenas 15 de 34 lançamentos. Ainda assim, ele manteve New Orleans no jogo com 234 jardas e três conexões para TD, com apenas uma interceptação.

Bem que Super Bowl poderia ser esse mesmo (e não estou falando como torcedor dos Saints, juro).

Contratar Andy Dalton foi a melhor coisa que o Dallas Cowboys fez em 2020

A temporada 2020 não tem sido nada fácil para o Dallas Cowboys. Mas, com uma vitória por 41 a 33 sobre o San Francisco 49ers, o time texano ainda segue com chances de levar a NFC East e ir aos playoffs. Por mais incrível que pareça com uma campanha 5-9 antes dos dois jogos finais.

Mas, se tudo de ruim aconteceu com Dallas, incluindo a devastadora lesão de Dak Prescott, algo fica de positivo que a franquia conseguiu: trazer o quarterback Andy Dalton. Titular por anos no Cincinnati Bengals, ele ficou disponível na free agency e os Cowboys o trouxeram a preço de banana para ser um reserva de luxo.

E ele vem fazendo a diferença. Ele está longe de ser genial, mas está mantendo a equipe competitiva nesta reta final. Contra os Niners, foram 19 passes certos de 33 para 209 jardas e dois TDs. E isso depois de acertar 16 lançamentos de 23 para 185 jardas e dois TDs na vitória sobre o Cincinnati Bengals, seu ex-time, na semana 14.

Dalton é um feixe de luz em meio às trevas que os Cowboys vinham vivendo…

Ryan Tannehill novamente foi muito bem

Ao lado de Josh Allen, do Buffalo Bills, Ryan Tannehill é para mim o MVP de 2020 entre os que não se chamam Patrick Mahomes ou Aaron Rodgers. O quarterback do Tennessee Titans vem sempre mantendo um nível muito bom de atuações e neste domingo não foi diferente.

Na vitória por 46 a 25 da franquia de Nashville sobre o Detroit Lions, Tannehill completou 21 passes de 27 para 273 jardas e três touchdowns. Assim, ele chegou às 3.482 jardas de passes, 31 touchdowns e sofreu apenas cinco interceptações. Números sólidos e o passer rating de 110.4 na temporada até agora prova isso.

O camisa 17 é um dos grandes responsáveis pelo fato de os Titans estarem tão competitivos dentro de uma forte AFC. O outro é o running back Derrick Henry, já que a defesa de Tennessee não vêm muito bem em 2020.

Tannehill não terá nem seu nome citado na briga por MVP, mas ele merece ser lembrado.

SEMANA 15 NFL – O QUE QUEBROU AS NOSSAS PERNAS

por Miguel Amado

O Los Angeles Rams é uma vergonha…

Na batalha pela NFC West, os Rams estavam bem posicionados. O time venceu os Seahawks na semana 10 e só precisava bater os Jets para ter as mesmas 10 vitórias de Seattle e vencer no desempate. Mas os Jets apareceram, Jared Goff teve péssima partida, Sean McVay tomou algumas decisões questionáveis e aqui estamos: os Rams ficaram com nove vitórias, os Jets… já falamos deles e os Seahawks agora são líderes. Teremos o segundo duelo direto agora na semana 16 e depois, na 17, Los Angeles pega o Arizona Cardinals e Seattle pega os Niners para encerrar a temporada. Ou seja, Russell Wilson tem a faca e o queijo na mão.

… e o New York Jets é mais ainda porque deve perder a escolha número 1 do NFL Draft 2021

Um tank é algo que denigre o esporte. Nenhum treinador pode colocar um time para perder. Nenhum jogador pode entregar uma partida. Tudo isso é horrível.

Tiramos isso do caminho? Ok. Os Jets não podiam vencer uma partida porque os Jaguars estavam ali, à espreita. Mas Sam Darnold entregou um bom jogo e basicamente tirou Trevor Lawrence da próxima década da história de uma franquia amaldiçoada. O jeito certo de fazer um tank é colocando o sub-20 para jogar e dizer que você está desenvolvendo jogadores. Dói falar isso, mas era o certo. Os Jets, como sempre, erraram.

O Tampa Bay Buccaneers venceu, mas que desempenho enganoso

Há semanas já fazemos piadas no podcast sobre como o Atlanta Falcons vai entregar uma partida. O time ficou 17 pontos à frente dos Buccaneers e obviamente perdeu. Mas vamos falar do Tompa Bay, que está 9-5 mas ninguém está confiando muito nessa equipe. Contra uma equipe não-pipoqueira, ficar assim atrás do placar pode significar a eliminação. Tom Brady teve 390 jardas e até conectou com Antonio Brown para seu primeiro touchdown desde a semana 2 de 2019. Onde essa equipe irá parar?

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top