NFL

Sebastian Janikowski não é ativado da IR e pode não atuar mais no Oakland Raiders

Sebastian Janikowski, kicker do Oakland Raiders

(Crédito: Oakland Raiders/divulgação)

O veterano kicker Sebastian Janikowski, líder em pontos da história do Oakland Raiders, não vai mais atuar na temporada 2017 da National Football League e, possivelmente, sequer vai atuar mais com a camisa da franquia californiana.

A organização de Oakland abriu nesta terça-feira (28) a janela de treinos para o cornerback Antonio Hamilton, tirando o defensor da injured reserve. Desta forma, os Raiders ativaram o segundo jogador da IR, chegando ao limite de dois permitidos pela liga por temporada, e impedindo que Janikowski tenha a chance de ser ativado.

O safety calouro Obi Melifonwu tinha sido o primeiro ativado da injured reserve.

Janikowski aceitou um corte salarial de US$ 1 milhão ao final do training camp para reduzir o ganho do ano final de seu contrato para US$ 3 milhões em 2017. O kicker de 39 anos foi para a injured reserve no dia anterior à estreia dos Raiders na temporada devido a uma lesão nas costas.

O italiano Giorgio Tavecchio, que passou os últimos quatro training camps com o Oakland Raiders, foi promovido do elenco de treinamento (practice squad) e não decepcionou. O jovem converteu 12 de 15 field goals até agora, sendo três de quatro de pelo menos 50 jardas, e 25 de 26 extra points chutados, mostrando que pode ser o kicker do time para o futuro.

Sebastian Janikowski foi selecionado na primeira rodada do draft de 2000 pelo Oakland Raiders, com a 17ª escolha geral. Quem o escolheu foi Al Davis, proprietário dos Raiders.

Além de Janikowski, apenas dois jogadores daquele draft de 2000 seguem em atividade na NFL: o punter Shane Lechler, atualmente no Houston Texans e draftado na quinta rodada pelo Oakland Raiders, e o quarterback Tom Brady, astro do New England Patriots, que foi selecionado na sexta rodada daquele ano.

Na época em que Janikowski foi selecionado, o então técnico Jon Gruden, dos Raiders, preferia o wide receiver Sylvester Morris ou o running back Shaun Alexander. Morris atuou por apenas uma temporada na NFL, pelo Kansas City Chiefs, e Alexander teve uma carreira de nove anos, tendo sido o MVP da liga com a camisa do Seattle Seahawks em 2005.

Apesar disso, Janikowski com certeza teve mais sucesso do que ambos em nível profissional.

“Obrigado a Deus pelos torcedores dos Raiders, eles ouviram Al Davis e não a mim. Eu vou dizer que ele estava certo”, falou Gruden, em uma entrevista de rádio anos depois.

Nascido na Polônia, Janikowski soma 1.799 pontos em 268 partidas de temporadas regulares com a camisa dos Raiders. Sua pontuação e seus 414 field goals certos de 515 chutados (80,4%) o deixam em décimo na história da NFL.

Foram 17 temporadas com a camisa de Oakland até agora.

Em 12 de setembro de 2011, o field goal de 63 jardas convertido por Janikowski em Oakland igualou um recorde do mais longo na história da NFL. Matt Prater acertou um de 64 jardas dois anos mais tarde e estabeleceu uma nova marca.

Os 55 field goals de 50 ou mais jardas de distância convertidos pelo canhoto Janikowski são um recorde da NFL.

Antes desta temporada, Janikowski, que vai completar 40 anos de idade no dia 2 de março, tinha perdido apenas quatro jogos em sua carreira, sendo dois como calouro, um em 2001 e outro em 2011.

Durante o minicamp, em junho deste ano, o kicker veterano disse que “esperava” ainda estar chutando com a camisa dos Raiders quando eles se mudarem para Las Vegas em 2020.

“Esse é o meu objetivo”, ele disse na época.

Questionado por quanto tempo mais ele queria atuar com a camisa da franquia, Janikowski deu um sorriso e falou: “até eles me chutarem para fora”.

Comments
To Top