NFL

Seahawks desativam Kam Chancellor para a temporada e cortam Malik McDowell

Kam Chancellor

(Crédito: Twitter/reprodução)

O safety Kam Chancellor basicamente anunciou sua aposentadoria semanas atrás, ainda que não tenha sido nada muito oficial. Mas ele ainda tinha uma remotíssima chance de atuar na temporada 2018 da NFL. Tinha, mas não tem mais.

O Seattle Seahawks colocou o defensor na lista de reservas/sem condições físicas de desempenhar (PUP list), como anunciou o time nesta quinta-feira (26).

A decisão oficialmente encerra a temporada 2018 de Chancellor e ele não vai contar no elenco de 90 jogadores desta offseason.

Chancellor chegou aos Seahawks em 2010, ao ser selecionado na quinta rodada do draft, e logo se tornou um dos melhores safeties de toda a NFL. Ele foi selecionado para o Pro Bowl em quatro oportunidades durante sua carreira profissional.

Ao lado de Earl Thomas, ele formou uma parte fundamental da secundária poderosa dos Seahawks que ficou conhecida como ‘Legion of Boom’. O grupo também contava com o cornerback Richard Sherman, que acertou com o San Francisco 49ers nesta offseason.

Os Seahawks vão iniciar 2018 sem Chancellor e Sherman, e, atualmente, também estão sem Thomas, que está em meio a uma disputa contratual com a organização.

Os safeties Tedric Thompson e Bradley McDougald devem ser os dois principais do elenco na abertura do training camp da franquia do estado de Washington.

As movimentações de elenco nos Seahawks nesta quinta não pararam por aí.

O time de Seattle também anunciou as dispensas do defensive end Malik McDowell com uma designação de lesão não relacionada ao futebol americano (NFI) e do cornerback DeAndre Elliott com uma designação de teste físico falho.

A dispensa de McDowell não chega a surpreender, já que o jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, havia noticiado em abril que a expectativa era a de que a organização cortasse o jogador selecionado na segunda rodada do draft de 2017, com a 35ª escolha geral. Ele foi o atleta selecionado em posição mais alta pelos Seahawks no ano passado.

McDowell sequer chegou a jogar com a camisa de Seattle, depois de sofrer uma concussão severa em um acidente de ATV (espécie de buggy) e passar sua temporada de calouro na lista de lesionados por razões não relacionadas ao futebol americano (NFI list).

Assim, a dispensa do defensive lineman era uma mera formalidade, já que não havia nenhum sinal de que ele estava próximo de ser clinicamente liberado.

Para ocupar as vagas deixadas por McDowell e Elliott, os Seahawks trouxeram os tight ends Kayaune Ross e Je’Ron Hamm.

Comments
To Top