NFL

Scramble semana 17 da temporada 2019 da NFL: vitória dos Niners sobre Seahawks em um SNF épico

 

San Francisco 49ers comemoram

(Crédito: Twitter/reprodução)

A partir de segunda-feira só pensaremos nos playoffs da temporada 2019 da NFL. Mas ainda havia coisas a serem definidas neste domingo de semana 17. Para ser mais exato, duas vagas de playoffs, uma na AFC (wild card) e outra na NFC (campeão da NFC Leste) e todo o pareamento dos cabeças de chave.

Você está pronto para isso? Então acompanhe a gente pelas redes sociais e por este post, que terá nosso feed do Twitter. E se você quiser ouvir o podcast enquanto os jogos rolam para zoar nossas opiniões e previsões absurdas, sinta-se à vontade.

Perdeu o último jogo da temporada regular de 2019? Lamentamos (em março você vai se culpar por isso), mas a gente conta como foi o SNF épico…

Seattle Seahawks (11-5) 21 x 26 San Francisco 49ers (13-3)

– Confesso que eu (Bruno) tive que esperar uns 15 minutos após o término do jogo para começar a escrever esse resumo. Meu, QUE SUNDAY NIGHT FOOTBALL PARA FECHAR A TEMPORADA REGULAR DE 2019!

– O San Francisco 49ers dominou completamente o Seattle Seahawks em grande parte da noite, mas os mandantes renasceram das cinzas e ficaram muito perto da virada. Centímetros, literalmente.

– Em situação de quarta descida para o goal da linha de cinco jardas (por causa de uma falta de atraso de jogo, já que Seattle chegou a estar na linha de meia jarda), Russell Wilson lançou uma bola para Jacob Hollister e ele ganhou mais de quatro jardas e ficou a centímetros de cruzar o plano de goal com a bola. Com a jogada decisiva da defesa dos Niners (leia-se linebacker calouro Dre Greenlaw), o resultado foi garantido. E, assim, o título da divisão NFC West é da franquia californiana.

– Os Seahawks foram para o vestiário perdendo por 13 a 0 no intervalo e não fizeram nada, nem ofensiva e nem defensivamente, nos primeiros dois quartos. O primeiro TD veio a 5min46s do término do terceiro quarto, mas a resposta de SF foi relâmpago, com outro TD.

– No último quarto, dois TDs dos Seahawks (e um dos Niners) recolocaram os mandantes no jogo, mas a virada não rolou por pouco.

– Foi uma partida épica, inclusive pelo fato de Marshawn Lynch ter anotado um TD em seu retorno aos Seahawks, mas a verdade é que os Niners fizeram as coisas ficarem confortáveis em boa parte da noite. Jimmy Garoppolo e companhia mandaram bem no ataque e a defesa foi muito bem com Nick Bosa e seus ‘parças’.

– Garoppolo, aliás, teve mais uma atuação de franchise QB, acertando 18 passes de 22 para 285 jardas. Mesmo sem passes para TD, o rating foi de 118.8. Ele foi decisivo.

– O ataque terrestre dos Niners voltou a funcionar perfeitamente e foram 128 jardas em 24 carregadas (5,3 jardas por corrida) e três TDs.

– Os Seahawks foram bem mal na defesa, cedendo muitas big plays, e tomaram quase 400 jardas nas costas. O ataque também deixou a desejar nos primeiros dois quartos, mas melhorou consideravelmente no segundo tempo.

– Wilson fez suas mágicas em grande parte da noite, mas teve números bons (nada mais). Foram 25 passes certos de 40 para 233 jardas e dos TDs. Ele também correu para 29 jardas.

– Marshawn Lynch correu para 34 jardas e um TD, empolgando a torcida, mas claramente não teve a explosão de antigamente. O melhor running back de Seattle foi Travis Homer, com 10 corridas para 62 jardas e cinco recepções para 30 jardas.

– Agora, os playoffs aguardam esses dois times. Os Niners, campeões da NFC West e donos da melhor campanha da NFC, folgam na primeira rodada e só jogam em casa na pós-temporada. Já os Seahawks se preparam para jogar no domingo que vem, quando visitam o Philadelphia Eagles no Lincoln Financial Field.

3 coisas sobre os jogos das 18h do domingo

Baltimore Ravens (14-2) 28 x 10 Pittsburgh Steelers (8-8)

Dallas Cowboys (8-8) 47 x 16 Washington Redskins (3-13)

Houston Texans (10-6) 14 x 35 Tennessee Titans (9-7)

Jacksonville Jaguars (6-10) 38 x 20 Indianapolis Colts (7-9)

Denver Broncos (7-9) 16 x 15 Oakland Raiders (7-9)

Los Angeles Rams (9-7) 31 x 24 Arizona Cardinals (5-10-1)

New York Giants (4-12) 17 x 34 Philadelphia Eagles (9-7)

1 – Só dos Eagles terem chegado vivos na semana 17 foi um milagre. E eles ainda perderam Miles Sanders e Brandon Brooks no primeiro tempo. Aí coube a Boston Scott aparecer e ter três touchdowns corridos e ainda 84 jardas aéreas para ajudar um Carson Wentz que viu seu ataque cair aos pedaços semana após semana. Os Eagles estão nos playoffs. Vamos ver quem aparece para jogar.

2 – Derrick Henry é humano? Tudo bem, os Texans não jogavam por mais nada, mas 211 jardas e 3 TDs na semana 17 para classificar seu time para os playoffs sempre precisa ser valorizado. Os três TDs vieram no segundo tempo para afastar o perigo de um Texans competitivo e que agora espera os Bills. Já os Titans vão encarar os Patriots, que jogará pela primeira vez no wild card round desde 2009.

3 – RGIII não nos lembrou seu ano de calouro, tendo míseras 96 jardas de passe. Mas isso não foi problema porque os Ravens correram sobre os Steelers, que ainda disputavam uma vaga na pós-temporada. Foram 233 jardas terrestres, com 130 de Gus Edwards e mais 50 de Griffin. Os Steelers tiveram uma excelente recuperação, mas não deu para chegar aos playoffs.

4 coisas sobre os jogos das 15h do domingo

Green Bay Packers (13-3) 23 x 20 Detroit Lions (3-12-1)

Tampa Bay Buccaneers (7-9) 22 x 28 Atlanta Falcons (7-9) – Prorrogação

Carolina Panthers (5-11) 10 x 42 New Orleans Saints (13-3)

Buffalo Bills (10-6) 6 x 13 New York Jets (7-9)

Cincinnati Bengals (2-14) 33 x 23 Cleveland Browns (6-10)

Kansas City Chiefs (12-4) 31 x 21 Los Angeles Chargers (5-11)

Minnesota Vikings (10-6) 19 x 21 Chicago Bears (8-8)

New England Patriots (12-4) 24 x 27 Miami Dolphins (5-11)

1 – O New England Patriots vai jogar no wild card round depois de 10 anos. O time de Foxborough perdeu para o Miami Dolphins em casa e foi ultrapassado pelo Kansas City Chiefs, que tornou-se o cabeça de chave número 2 da AFC e folgará no próximo fim de semana. Os Patriots agora não só terão que atuar contra o pior wild card – ainda por definir – como terão que encarar um Divisional Round longe de Foxborough, caso vençam.

2 – A desgraça do Cleveland Browns não tem fim. O time perdeu para o Cincinnati Bengals, que era já era o pior time da temporada e encerrou a temporada forçando três interceptações de Baker Mayfield e com 162 jardas terrestres de Joe Mixon, mais 2 TDs. Os Browns vão ter muito a pensar nos próximos meses.

3 – O New Orleans Saints pode ser o time mais quente da NFC atualmente. Drew Brees e companhia comandaram um atropelo nos Panthers, abrindo 42 a 3 no terceiro quarto, em Carolina. Brees teve mais 3 TDs para a conta e Alvin Kamara correu para dois touchdowns, dobrando a sua marca na temporada até esta semana. Kamara é bem-vindo no bonde que tem Michael Thomas, Jared Cook, Taysom Hill e o camisa 9.

4 – Os Packers quiseram seguir os Patriots no domingo desgracento, mas conseguiram evitar o pior. O time de Aaron Rodgers chegou a ficar 17 a 3 atrás no terceiro quarto, mas conseguiu a vitória com um field goal no fim contra os Lions, que terminaram com apenas três vitórias. Davante Adams com 93 jardas e 1 TD, Aaron Jones com 100 jardas terrestres e Aaron Rodgers passando mais (323 jardas hoje, 1 TD e uma INT) deixaram os Packers com uma folguinha no wild card round.

[custom-twitter-feeds]

1 Comment

1 Comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

NFL, NBA MMA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: contact@quintoquartobr.com
Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


To Top