NFL

Scramble semana 16 da temporada 2019 da NFL: Packers amassam Vikings em Minnesota

Green Bay Packers

Já estamos em dezembro. E não adianta ficar mal porque não vamos voltar no tempo. Então o jeito é absorver o máximo possível da NFL e nós do Quinto Quarto te ajudamos com isso.

Não conseguiu ver o Monday Night Football? É uma pena, porque foi bom, mas a gente conta como foi…

Minnesota Vikings (10-5) 10 x 23 Green Bay Packers (12-3)

– O Green Bay Packers conseguiu o que precisava para levar o título da divisão NFC North pela primeira vez desde 2016 e o sexto da ‘era Rodgers'. O time do técnico Matt LaFleur dominou o Minnesota Vikings e venceu em pleno U.S. Bank Stadium.

– Antes de destacar outros pontos importantes do jogo, vamos começar por… ZA’DARIUS SMITH. O linebacker dos Packers teve uma atuação defensiva monstruosa e saiu de campo com nada menos do que 3,5 sacks em cima de Kirk Cousins (vale destacar que o total de sacks dos Packers foi de 5 no jogo). Além disso, o camisa 55 também deu sete tackles totais, cinco tackles para perda de jardas e cinco pancadas no QB. UAU!

– A defesa dos Packers como um todo teve uma atuação muito consistente, cedendo apenas sete first downs e 139 jardas totais aos Vikings. O ataque dos Vikings somou 82 jardas de passe e 57 jardas corridas (que falta que Dalvin Cook e Alexander Mattison fizeram).

– O quarterback Kirk Cousins, aliás, teve mais uma atuação horrorosa no horário nobre. Ele acertou apenas 16 passes certos de 31 para 122 jardas, um touchdown e uma interceptação. Foi pressionado a noite inteira (culpa da linha ofensiva sobretudo, que tomou um BAILE do front seven dos Packers) e sackado nas cinco oportunidades mencionadas. Assim, ele fica com 0-9 em sua carreira no Monday Night Football.

– O grande destaque dos Packers na parte ofensiva foi o running back Aaron Jones, que correu 23 vezes para 154 jardas e dois touchdowns. Ele desafogou o ataque de Green Bay e foi fundamental para o controle do relógio. Os Packers tiveram 37min32s de posse de bola contra 22min28s dos Vikings. Brutal.

– Os Packers abusaram dos turnovers no primeiro tempo e sofreram três (uma interceptação de Rodgers e dois fumbles perdidos). Mas o time protegeu a bola muito melhor depois do intervalo e ficou mais tranquilo.

– Aaron Rodgers não foi brilhante, longe disso, saindo de campo com 26/40, 216 jardas e uma interceptação, mas soube comandar o ataque nas horas decisivas.

Perdeu o Sunday Night Football? Não perdeu grandes coisas, mas…

Chicago Bears (7-8) 3 x 26 Kansas City Chiefs (11-4)

– Olha, se teve um Sunday Night Football tão sonolento quanto este nesta temporada, eu não me lembro. Pelo menos teve pontos dos Chiefs. Mas vamos lá…

– Foi um domínio completo do time de Andy Reid, que era o único que disputava alguma coisa na partida. E aí fica fácil entender a diferença de vontade das duas equipes.

– Os Chiefs foram para o vestiário vencendo por 17 a 0, tomaram um FG no finalzinho do terceiro quarto, mas fecharam a vitória fácil com um TD e um FG no quarto final.

– Patrick Mahomes fez uma partida quase perfeita, mas sem grandes brilhos. Foram 23 passes certos de 33 para 251 jardas e dois touchdowns. Ele também anotou um touchdown corrido.

– Mitchell Trubisky voltou a mostrar que ele é beeeeem mais ou menos (para falar o mínimo). Ele acertou apenas 18 passes de 34 para 157 jardas. Sem touchdowns e interceptações (pelo menos isso).

– Os Chiefs abusaram das faltas, com nove para uma perda de 71 jardas totais, mas acabou que elas não fizeram muita diferença em um jogo tão desequilibrado.

– Com 11-4, os Chiefs ficam com a terceira campanha da Conferência Americana (AFC). E os Bears, agora com 7-8, só cumprem tabela, pois entraram já eliminados em campo.

3 coisas sobre os jogos de 15h do domingo

Atlanta Falcons (6-9) 24 x 12 Jacksonville Jaguars (5-10)

Cleveland Browns (6-9) 15 x 31 Baltimore Ravens (13-2)

Tennessee Titans (8-7) 28 x 38 New Orleans Saints (12-3)

Indianapolis Colts (7-8) 38 x 6 Carolina Panthers (5-10)

Miami Dolphins (4-11) 38 x 35 Cincinnati Bengals (1-14) – Prorrogação

Washington Redskins (3-12) 35 x 41 New York Giants (4-11) – Prorrogação

1 – Precisamos começar pelos Browns. Na verdade o normal seria pelos Ravens ou outro jogo, mas Cleveland merece atenção pela implosão completa e talvez final da era Freddie Kitchens. Teve começo bom, limitando Lamar Jackson, empolgação que deu lugar a perplexidade com dois TDs a jato dos rivais de divisão e um segundo tempo patético, que teve até Odell Beckham Jr. discutindo com Kitchens sem medo das câmeras. O time não estava matematicamente eliminado, mas agora está enterrado e vendo os Ravens chegar a 11 vitórias seguidas, garantindo o topo da AFC. Logo eles, que são os Browns que foram embora para Baltimore.

2 – O Tennessee Titans abriu 14 a 0 e estava se sentindo bem contra os Saints, mas Drew Brees aqueceu as turbinas com três passes para TD, Alvin Kamara correu para dois touchdowns e com um terceiro quarto onde levaram 21 pontos, os Titans perderam a segunda seguida em casa. Para sua sorte…

3 – O Pittsburgh Steelers também não conseguiu vencer. Os Jets abriram 10 a 0 e Devlin Hodges novamente teve jogo ruim. Mike Tomlin não quis aguentar e colocou Mason Rudolph em campo, que entrou muito bem e logo conseguiu liderar o time para empatar o jogo. Só que o QB dos Steelers teve que sair do jogo com uma lesão do jogo e Hodges voltou no começo do último período. Nada feito de novo e derrota sofrida para Pittsburgh.

[custom-twitter-feeds]

Escuta nosso podcast maravilhoso enquanto você vê os jogos, faz as compras no supermercado ou nada na piscina (ok, essa é uma má ideia). Nós passamos por todos os jogos com opiniões esdrúxulas, palpites furados e dicas de apostas que de vez em quando dão certo.

Não viu o último jogo de sábado? A gente conta, seu dorminhoco…

San Francisco 49ers (12-3) 34 x 31 Los Angeles Rams (8-7)

– Foi um JOGAÇO para fechar o sábado (21) de semana 16 da temporada 2019 da NFL. No Levi’s Stadium, o San Francisco 49ers não teve facilidades, mas com um field goal no final, a equipe de Kyle Shanahan venceu o Los Angeles Rams pelo placar de 34 a 31.

– E foi uma partida digna de rivais de divisão. E, como esperado, foi um confronto recheado de pontos. Sobretudo na primeira metade. Os dois primeiros quartos tiveram 45 pontos ao todo. E o jogo terminou com 65 no total. Isso mostra o quanto as duas equipes estavam precisando do resultado.

– Os Rams surpreenderam de certa forma, fazendo um jogo parelho contra um rival teoricamente mais qualificado. E o running back Todd Gurley fez uma boa apresentação, anotando dois TDs terrestres.

– Contudo, o quarterback Jared Goff voltou a demonstrar problemas quando esteve sob pressão. Quando trabalhou no play-action ou saiu do pocket, o camisa 16 se portou bem. Mas, caso contrário, ele voltou a ter suas panes mentais. Ele lançou uma pick-six e fechou a partida com 27 passes certos de 46 para 323 jardas, dois touchdowns e uma interceptação.

– Do lado dos Niners, também houve problemas. Jimmy Garoppolo não fez uma grande apresentação em termos gerais, sofrendo duas interceptações, mas ele acertou 16 passes de 27 para 248 jardas e um TD. E apareceu quando mais importava.

– No final do jogo, com o placar empatado em 31 pontos, o QB dos 49ers converteu duas terceiras descidas para 16 jardas e levou o time à zona de field goal, quando o kicker Robbie Gould garantiu o resultado positivo.

Curiosamente, os Niners não haviam convertido nenhuma terceira descida para 15 ou mais jardas na temporada. Só na última campanha de um dos jogos mais importantes do ano, foram duas.

– O front seven dos Rams (dá-lhe Aaron Donald) aplicou seis sacks em Garoppolo, mas o ponto frágil ao longo do jogo foi a secundária de Los Angeles. Foram duas INT, mas também muitas big-plays cedidas.

– Com o resultado positivo, os Niners voltam a ter a campanha número 1 (pelo menos até este domingo, quando Saints jogam). Já os Rams dizem adeus a qualquer chance de pós-temporada.

Perdeu mais um jogo? Vamos lá

New England Patriots (12-3) 24 x 17 Buffalo Bills (10-5)

– Os Patriots podiam chegar na semana 17 empatados na liderança da AFC East, algo tão comum nos últimos anos como você nos trair lendo textos de sites rivais de futebol americano (não faça isso conosco). Mas o perigo acabou com a vitória contra os Bills com uma virada no quarto final.

– O terceiro quarto terminou com o placar em 17 a 13 para os Bills, inclusive com um TD do linha ofensiva Dion Dawkins como a cereja do bolo. Josh Allen não era brilhante, mas estava seguro, enquanto o ataque dos Pats voltava a não empolgar.

– Mas uma campanha que terminou à beira da red zone com um field goal diminuiu a desvantagem e depois de forçar um punt, Brady e Edelman combinaram para 30 jardas em um passe e o jogo corrido assumiu a bronca, com Sony Michel e Rex Burkhead criando jardas e o último entrando na end zone para o TD que decidiu o jogo e mais um título da AFC East para New England.

Você perdeu o primeiro jogo? Nós te ajudamos com isso

Tampa Bay Buccaneers (7-8) 20 x 23 Houston Texans (10-5)

– Foi um jogo tão Bucs que até parece clichê. Jameis Winston não deixou o relógio nem dar um minuto para lançar uma interceptada por Bradley Roby, que levou até a end zone. Essa foi a primeira das quatro interceptações da tarde. Os Bucs ainda tiveram um fumble perdido e um field goal bloqueado.

– Mas os Texans e Deshaun Watson (19 de 31, 184 jardas, 0 TDs e uma INT) não estavam a fim de um jogo fácil.  O ataque não foi tão bem no primeiro tempo e uma interceptação faltando 56 segundos para o intervalo possibilitou uma campanha rápida dos Bucs para TD e empate em 17.

– O segundo tempo foi menos animado. Os dois times conseguiram um field goal logo de cara mas os ataques estagnaram até que uma campanha que começou na linha de 12 para os Texans foi impulsionada por um ganho de 39 jardas em passe de Watson para DeAndre Carter. O TD não veio, mas o field goal de 37 jardas de Ka'imi Fairbairn fez os Texans passarem à frente. E com 1:31 faltando, Jameis completou o show com sua interceptação final. Vitória dos Texans, que conquistam a AFC South e agora só precisam pensar em melhorar seu posicionamento na AFC.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

NFL, NBA MMA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: contact@quintoquartobr.com
Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top