NFL

Scramble #1: Brees lidera Saints em jogo louco com 13 TDs, Bengals 100% e mais

Crédito: Instagram/reprodução

Crédito: Instagram/reprodução

New Orleans Saints (4-4) 52 x 49 New York Giants (4-4)

Como será que é passar para seis TDs, 350 jardas, errar 11 passes em 40 tentados, não ser interceptado e mesmo assim perder o jogo? Manda um Whatsapp para Eli Manning para descobrir. A razão para a derrota foi que o quarterback rival passou para sete TDs, 511 jardas e mesmo sendo interceptado uma vez conseguiu a vitória no fim.

Drew Brees agora é o oitavo quarterback a passar para sete touchdowns em um jogo, um recorde conjunto da liga. Desde o começo da partida ficou claro que os ataques atropelariam as defesas de pelada e os dois QBs tiraram sua casquinha. Odell Beckham Jr., que assim como Eli, também nasceu na cidade dos Saints, conseguiu 130 jardas em oito recepções e impressionantes três TDs. Dwayne Harris dois e Shane Vereen completaram a lista. Já nos Saints foi mais dividido: Brandin Cooks e Willie Snead conseguiram dois cada, Benjamin Watson (147 jardas no jogo), Marques Colston (114 jardas) e C.J. Spiller tiveram um cada.

Mas quem decidiu tudo foi um kicker: Kai Forbath, faltando cinco segundos, entrou em campo e fez um field goal de 50 jardas para impedir que esse duelo de ataques fosse para tempo extra.

Atlanta Falcons (6-2) 20 x 23 Tampa Bay Buccaneers (3-4) – Prorrogação

Dessa vez não deu para os Falcons virarem nos minutos finais. E não deu para os Bucs entregarem um jogo ganho (dessa vez apenas por 17, contra 24 na semana passada contra os Redskins). Mas foi quase. Dez pontos atrás no último quarto, os Falcons, que jogavam em casa, conseguiram um FG e logo depois empatar com um passe de Matt Ryan (37/45, 397 jardas, 2 TDs e uma INT) para Julio Jones, que teve mais um jogo monstruoso: 162 jardas, 12 recepções e um TD.

Mas Jameis Winston – 16/29, 177 jardas, 1 TD – e companhia conseguiram se impôr na prorrogação, com o QB liderando uma bela campanha que culminou com um field goal com Connor Barth de 31 jardas. Os Falcons tiveram mais uma chance mas nem o FG conseguiram e perderam em casa.

Cleveland Browns (2-5) 20 x 34 Arizona Cardinals (6-2)

Com um belo segundo quarto, parecia que os Browns poderiam vencer os favoritos Cardinals em Cleveland. Mas com um segundo tempo horrível e o oposto dos visitantes, Carson Palmer e cia saíram do Ohio com a sexta vitória na temporada. Palmer teve 4 passes para TD, um para Michael Floyd (109 jardas, quatro recepções), outro para Larry Fitzgerald (84 jardas, nove recepções) e dois para o tight end Troy Niklas.

Chris Johnson também foi de suma importância, somando 109 jardas pelo chão em 30 carregadas. Toda essa produção ofensiva ofuscou Josh McCown (18/34, 211 jardas, 3 TDs e uma interceptação) e o fato de terem entregue a bola em quatro turnovers. Johnny Manziel entrou em campo depois que o jogo estava decidido e o titular baleado e passou seis vezes, acertando metade para 12 jardas.

St. Louis Rams (4-3) 27 x 6 San Francisco 49ers (2-6)

A vida está uma desgraça para Colin Kaepernick mesmo. E ótima para Todd Gurley. Todos sabiam que a principal estratégia dos Rams seria correr com a bola. E mesmo assim Gurley foi imparável, com 133 jardas corridas em 20 carregadas, abrindo o ataque para os passes também funcionarem: Tavon Austin teve um TD de 66 jardas e Nick Foles, mesmo não sendo espetacular, foi seguro, com 14 passes certos em 23, 191 jardas e um TD.

Já os Niners tiveram o segundo jogo seguido sem touchdown. Kaepernick acertou menos da metade de seus passes (20/41) para 162 jardas. Pelo chão a equipe não conseguiu nada também, só 38 jardas. E assim a temporada começa a ficar perdida mesmo.

Chicago Bears (2-5) 20 x 23 Minnesota Vikings (5-2)

Os Vikings continuam firmes e fortes na temporada 2015/16. Em mais um duelo de divisão, a equipe foi até o Soldier Field e venceu por 23 a 20. Os dois destaques foram o veterano Adrian Peterson, que correu para 103 jardas, e o novato Stefon Diggs, que mais uma vez foi explosivo e somou 95 jardas em seis recepções e um TD.

Com uma corrida de 4 jardas de Jay Cutler (22/33, 211 jardas e um TD), os Bears lideravam por sete pontos no meio do último quarto. Mas Teddy Bridgewater (17/30, 187 jardas, 1 TD e 1 INT) achou Diggs, que fez um TD de 40 jardas para empatar o jogo e na campanha seguinte, Blair Walsh deu a vitória aos Vikings com um FG de 36 jardas.

Baltimore Ravens (2-6) 29 x 26 San Diego Chargers (2-6)

No duelo de duas equipes decepcionantes na temporada, vitória do Baltimore Ravens com um field goal de 39 jardas de Justin Tucker, no final da partida. Phillip Rivers teve mais uma partida acima de 300 jardas (301, 28/37 e 3 TDs), mas apesar do Baltimore Ravens ter um ataque abaixo da média, a defesa dos californianos mais uma vez entregou a paçoca.

O final foi eletrizante: quatro pontos atrás no último quarto, os Ravens invadiram o território defensivo dos visitantes e Joe Flacco entrou na end zone. Mas a defesa de Baltimore estava a fim de grandes emoções e Rivers mais uma vez colocou a carga em cima de seu lombo – com a ajuda de Malcom Floyd (92 jardas, sendo a mais longa um TD de 70) na tarde – e conseguiu um field goal que mandaria o jogo para a prorrogação. Mas a defesa permitiu que Flacco andasse 59 jardas liderando a campanha da vitória culminada por Tucker, que mais uma vez deu uma vitória no fim para os Ravens.

Pittsburgh Steelers (4-4) 10 x 16 Cincinnati Bengals (7-0)

Não foi um jogo bonito, mas não só de jogos bonitos se faz uma boa campanha e os Bengals saíram de um dos duelos mais complicados com uma vitória importantíssima sobre os Steelers em Pittsburgh. E isso foi apesar da má partida de Andy Dalton: 23/38, 231 jardas, 1 TD e 2 INT.

Aliás, dos dois QBs. Ben Roethlisberger (28/45, 262 jardas) voltou de lesão e mostrou ainda estar fora de ritmo, sendo interceptado três vezes, duas no último quarto. E justamente nos 15 minutos finais Dalton foi bem, colocando 10 pontos no placar, sendo 7 com menos de três minutos faltando em um passe para A.J. Green, que teve uma bela partida estatisticamente: 11 recepções para 108 jardas e o TD que deu a liderança a sua equipe.

Houston Texans (3-5) 20 x 6 Tennessee Titans (1-6)

Depois de uma semana conturbada, com até demissão de quarterback, os Texans se recuperaram com uma vitória contra o rival de divisão Titans. A fórmula da vitória foi simples: ataque seguro e eficiente e defesa imponente.

Brian Hoyer acertou 23 passes em 35, para 235 jardas e 2 TDs. Na defesa, Whitney Mercilus teve 3,5 sacks e J.J. Watt mais 2,5 fazendo a vida do reserva Zach Mettenberger um inferno o jogo inteiro. Com 171 jardas e uma interceptação, o segundo anista não conseguiu impedir a sexta derrota seguida de sua equipe.

Kansas City Chiefs (3-5) 45 x 10 Detroit Lions (1-7) – clique aqui e saiba como foi o jogo em Londres.

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top