NFL

Sammy Watkins sonha com contratos ‘estilo NBA’ para jogadores da NFL

Sammy Watkins, wide receiver do Buffalo Bills

(Crédito: Instagram/reprodução)

A free agency da NBA foi aberta no último sábado (1), com contratos gigantes saindo já nas primeiras horas, e o wide receiver Sammy Watkins, do Buffalo Bills, não escondeu sua inveja, de certa forma, dos faturamentos astronômicos dos astros do basquete.

Pelo seu Twitter oficial, o recebedor expressou seu desejo de, um dia, ver os jogadores da National Football League recebendo pagamentos mais consideráveis.

“Temos que receber mais. Tenho certeza que a classe de 2014 mudará o mercado”, escreveu o wideout na rede social.

Selecionado com a quarta escolha geral do draft de 2014, Watkins também deu um retweet em uma publicação de Jake Steinberg, promotor de jogadores da NFL, que escreveu uma crítica.

“Os jogadores da NFL têm o direito de ficar chateados. Eles recebem o menor pedaço da torta. A NFL tem receita anual de US$ 12 bilhões. A NBA tem US$ 5 bilhões”, escreveu.

No último mês de maio, os Bills resolveram não exercer a opção pelo quinto ano do contrato de calouro de Watkins, referente a 2018, e essa opção teria pagado ao wide receiver um valor de US$ 13,3 milhões. Agora, o wide receiver dos Bills pode se tornar um agente livre irrestrito após a temporada 2017 da NFL.

Ao longo do seu contrato de calouro, o camisa 14 vai faturar um valor de US$ 19,9 milhões, todo o montante completamente garantido.

Contudo, alguns jogadores da NBA conseguiram contratos acima de US$ 100 milhões nesta free agency, incluindo um de US$ 201 milhões assinado por Stephen Curry, e essa diferença ainda é gritante. E parece incomodar bastante os jogadores da NFL.

Em três temporadas na NFL até agora, Sammy Watkins soma 153 recepções para 2.459 jardas e 17 touchdowns em 37 partidas disputadas.

Comments
To Top