NFL

Sam Bradford encerra boicote e comparece às atividades dos Eagles nesta segunda

(Crédito: Instagram/reprodução)

(Crédito: Instagram/reprodução)

Depois de se ausentar por duas semanas e de ter expressado seu descontentamento com o fato de a franquia ter subido no draft de 2016 para selecionar um quarterback, Sam Bradford retornou às atividades do Philadelphia Eagles nesta segunda-feira (9).

Como o agente Tom Condon, representante do signal caller, revelou a Sal Paolantonio, jornalista da ‘ESPN’ norte-americana, Bradford rescindiu seu pedido de troca apresentação à organização e se apresentou no NovaCare Complex.

Em seu Twitter oficial, o Philadelphia Eagles publicou um vídeo em que o QB aparece participando do treinamento:

“Estou empolgado por voltar ao campo hoje com meus companheiros de time e treinadores. O lado negócio do futebol americano é, algumas vezes, uma consideração necessária. Minha atenção e esforços estão focados na participação e na preparação para uma temporada de título. Estou comprometido com meus companheiros e com a organização Eagles por nada menos do que isso”, declarou Sam Bradford, em comunicado oficial.

Bradford mandou mensagens de texto aos treinadores e afirmou que compareceria ao treinamento nesta segunda, como informou Adam Caplan, da ‘ESPN’. Vale mencionar que, anteriormente, ele não estava nem respondendo mensagens e nem atendendo ligações dos técnicos.

O boicote de Sam Bradford às atividades de offseason do Philadelphia Eagles começou depois que a equipe fechou uma troca para ficar com a escolha número 2 do draft, que o time acabou usando para selecionar o quarterback Carson Wentz, de North Dakota State. A escolha do jovem QB se deu menos de dois meses depois de os Eagles fecharem um contrato de dois anos, com valor de US$ 36 milhões, com Bradford.

Inicialmente, Tom Condon afirmou que seu cliente não compareceria a todas as atividades voluntárias e OTAs do time, retornando apenas ao minicamp obrigatório, em junho. Porém, com a mudança de pensamento do jogador, o agente frisou que Bradford está empenhado em defender o time da Filadélfia em 2016 e cumprir seu contrato.

Doug Pederson, técnico dos Eagles, já afirmou anteriormente que Sam Bradford é o quarterback titular da equipe para 2016 e que esse planejamento não mudou com a chegada de Carson Wentz. O treinador, contudo, confessou que Bradford estava perdendo um “tempo valioso” ao não se apresentar às atividades.

O outside linebacker Connor Barwin, companheiro de time de Bradford, afirmou em entrevista à rádio ‘94.1 WIP-FM’, na manhã desta segunda, que ele não crê que não haverá nenhum problema no vestiário em relação ao fato de o quarterback ter apresentado um pedido para ser trocado.

“No final das contas, tudo com o que realmente nos importamos no vestiário é quem é o melhor quarterback que vai nos ajudar a vencer jogos. E eu acho neste momento que estamos animados e sabemos que draftamos Carson Wentz, mas acho que a maioria deste vestiário – se não todos nós – compreendemos que Sam é nosso quarterback titular e ele vai ser o melhor quarterback para nos ajudar a vencer na próxima temporada. Então todos estamos animados por tê-lo de volta”, observou o defensor.

Atualmente com 28 anos de idade, Sam Bradford chegou ao Philadelphia Eagles em 2015, depois de cinco temporadas no St. Louis Rams (atual Los Angeles Rams) e, em 14 jogos como titular na franquia da Pensilvânia, o signal caller liderou o time em sete vitórias e sete derrotas, completando 65% de seus passes para 3.725 jardas e 19 touchdowns, com 14 interceptações sofridas.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

NFL, NBA MMA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: contact@quintoquartobr.com
Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top