NFL

Mason Rudolph não vai jogar contra os Chargers; veja boletim de lesões

Mason Rudolph, quarterback do Pittsburgh Steelers

O quarterback Mason Rudolph, do Pittsburgh Steelers, está oficialmente fora do Sunday Night Football contra o Los Angeles Chargers e isso significa que Devlin Hodges, que se tornou o terceiro QB dos Steelers no meio da temporada, fará sua primeira partida como titular.

“Esta é uma liga oportunista. Caras, eles assumem papeis de titular por causa do azar de outra pessoa. Carreira são construídas assim. (Hodges) entra no huddle como uma criança, mas ele joga grande”, falou o offensive lineman Ramon Foster nesta sexta-feira (11).

Calouro não draftado, Hodges assumiu o comando do ataque no terceiro quarto da derrota para o Baltimore Ravens, depois que Rudolph sofreu uma concussão após uma pancada dada pelo safety Earl Thomas. O defensive back, aliás, foi multado nesta sexta em US$ 21 mil pelo lance, mas planeja apelar da multa.

Apesar do trauma na cabeça, Rudolph treinou durante esta semana de forma limitada. Mas Hodges foi quem teve a maior parte das repetições no ataque titular dos Steelers.

Hodges foi elevado ao elenco ativo de 53 jogadores quando o titular Ben Roethlisberger foi para a injured reserve depois de passar por cirurgia no cotovelo e Rudolph assumiu o posto de titular.

Na reta final do embate contra os Ravens, Hodges completou sete passes de nove para 68 jardas.

Os Steelers também elevaram o quarterback Paxton Lynch, que estava no elenco de treinamento (practice squad), juntamente com o running back Trey Edmunds. E, para abrir espaço no elenco ativo, a equipe dispensou o offensive lineman Fred Johnson e o linebacker Jayrone Elliott.

Ainda no DM dos Steelers, o wide receiver James Washington (ombro) e o linebacker Mark Barron (músculo posterior da coxa) estão fora do SNF, juntamente com Rudolph. O cornerback Steve Nelson (virilha) foi listado como questionável.

Confira mais notícias de lesões ao redor da NFL nesta sexta (11) de semana 6:

– No Los Angeles Rams, o técnico Sean McVay disse que o running back Todd Gurley é dúvida e o cornerback Aqib Talib está fora do jogo de domingo contra o San Francisco 49ers.

Gurley está lidando com uma lesão na coxa que ele sofreu na semana 5, durante a derrota para o Seattle Seahawks. Já Talib tem uma contusão na costela que ele sofreu na mesma partida.

Questionado se o status de Gurley será decidido pouco antes do jogo, McVay afirmou: “ele é dúvida agora, então teremos um pouco mais de clareza e é realmente meio que apenas usar nosso tempo para tomar essa decisão”.

Se Gurley não puder atuar contra os Niners, Malcolm Brown e Darrell Henderson, escolha de terceira rodada de draft, vão substituí-lo. Já para a vaga de Talib, que vai jogar é Troy Hill, titular em sete jogos em 2018.

E, em meio à preparação para o embate contra os 49ers, McVay disse que três jogadores foram evacuados de suas residências por causa do Saddleridge Fire, incêndio florestal que já queimou mais de 4.700 acres de terra no sul da Califórnia. São eles Gurley, Samson Ebukam e John Johnson.

– No New York Jets, o quarterback Sam Darnold vai entrar em campo no domingo com uma precaução extra, após seu retorno de mononucleose. O signal caller vai utilizar pads customizados contra o Dallas Cowboys.

Um dos efeitos colaterais da doença é o aumento do baço. E foi esse problema que o impediu de voltar já na semana passada, quando a equipe médica do time o vetou. Agora liberado para jogar, Darnold quer assegurar de estar protegido quando enfrentar o forte pass rush dos Cowboys, com Demarcus Lawrence e companhia.

Também nos Jets, o defensive lineman Henry Anderson (ombro), o linebacker C.J. Mosley (virilha) e o guard Kelechi Osemele (ombro/joelho/doença) foram listados como dúvida para o duelo contra os Cowboys.

– No New Orleans Saints, o running back Alvin Kamara perdeu o treino desta sexta-feira e agora há dúvidas em relação ao seu status para o jogo de domingo contra o Jacksonville Jaguars. Kamara foi listado oficialmente como questionável devido a uma contusão no tornozelo, como anunciou a franquia da Louisiana.

O jornalista Tom Pelissero, da ‘NFL Network’, apurou que a lesão não é considerada séria e que Kamara ficou de fora do treino desta sexta apenas por precaução. Questionado se Kamara estava lesionado nesta semana, o técnico Sean Payton se recusou a entrar em detalhes nesta sexta.

Kamara soma 101 toques na bola para 583 jardas a partir da linha de scrimmage em cinco jogos até agora na temporada.

– O Washington Redskins mais uma vez está mudando seu planejamento com quarterbacks e Case Keenum voltará a ser titular neste final de semana, depois de Colt McCoy iniciar o jogo na semana passada. O técnico interino Bill Callahan anunciou que Keenum será titular e o calouro Dwayne Haskins será o reserva.

Atualmente com campanha pífia de 0-5, os Redskins jogam contra o Miami Dolphins (0-4), que também não venceu ainda na temporada, e o duelo é de desesperados. O time da capital dos Estados Unidos não começa uma temporada 0-6 desde 1998, quando iniciou com 0-7.

Nos primeiros três jogos e meio da temporada, Keenum completou 68,1% de seus passes para 970 jardas, sete touchdowns e quatro interceptações. Ele cometeu cinco turnovers nos últimos dois jogos como titular.

– O Philadelphia Eagles colocou o running back Corey Clement na injured reserve devido a uma lesão no ombro. Clement originalmente lesionou o ombro na semana 2 contra o Atlanta Falcons e jogou com a contusão nas últimas semanas, mas a decisão de retirá-lo do restante da temporada foi tomada depois que nenhum progresso estava sendo feito na reabilitação.

Boston Scott foi promovido do elenco de treinamento (practice squad) pelos Eagles para assumir o posto de Clement no elenco ativo.

Os Eagles estão com apenas dois homens à disposição no backfield ofensivo, já que Darren Sproles está sendo avaliado semana a semana depois de sofrer uma contusão no quadríceps contra o New York Jets, no último domingo.

Além de Clement e Sproles, o cornerback Ronald Darby (músculo posterior da coxa), o wide receiver DeSean Jackson (abdômen), o defensive tackle Timmy Jernigan (pé) e o cornerback Avonte Maddox (concussão/pescoço) estão fora do duelo contra o Minnesota Vikings.

– No Kansas City Chiefs, o wide receiver Tyreek Hill parece estar cada vez mais próximo do retorno. O jogador, afastado desde a semana 1, quando lesionou a clavícula, treinou de forma limitada nos últimos dois dias e terá seu status definido no domingo, pouco antes do jogo contra o Houston Texans. O anúncio foi feito pelo técnico Andy Reid nesta sexta.

Hill treinou com o scout team e um pouco com o ataque titular nesta semana, segundo Reid.

O jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, apurou mais cedo que há “otimismo” de que Hill conseguirá voltar a jogar neste domingo.

Enquanto há esperança de que Hill irá jogar, o defensive tackle Chris Jones (virilha), o left tackle Eric Fisher (virilha) e o linebacker Dorian O’Daniel (músculo posterior da coxa) estão fora do jogo de domingo. Já o wide receiver Sammy Watkins (músculo posterior da coxa) e o guard Andrew Wylie (tornozelo) foram listados como dúvida.

– No Dallas Cowboys, o linebacker Leighton Vander Esch está voltando aos treinos, depois de perder os últimos dois dias de atividades devido a uma doença. O offensive tackle La’el Collins (joelho) trabalhou em separado nesta sexta e foi listado como questionável para o jogo contra o NY Jets, assim como o tackle Tyron Smith (tornozelo) e o wide receiver Randall Cobb (quadril/costas).

Em entrevista à rádio ‘105.3 The Fan’, Jerry Jones, proprietário e general manager da franquia texana, afirmou que seus tackles titulares devem jogar contra os Jets.

– No Minnesota Vikings, o wide receiver Adam Thielen voltou aos treinos, depois de perder as atividades de quinta devido a uma doença, segundo Tom Pelissero, da ‘NFL Network’. Thielen não foi listado no relatório de lesionados dos Vikings, o que significa que ele deve atuar no domingo contra o Philadelphia Eagles. O linebacker Kentrell Brothers (músculo posterior da coxa/punho) foi listado como questionável.

– No Carolina Panthers, o defensor Christian Miller (tornozelo) não vai atuar no domingo contra o Tampa Bay Buccaneers, em Londres. O cornerback Donte Jackson e o tackle Dennis Daley treinaram de forma limitada nesta sexta devido aos problemas na virilha e ambos foram listados como questionáveis. O safety Eric Reid (tornozelo), o linebacker Shaq Thompson (tornozelo) e o tight end Chris Manhertz (concussão) foram listados como questionáveis.

– No Houston Texans, o técnico Bill O’Brien disse aos repórteres que o wide receiver Kenny Stills (músculo posterior da coxa) terá seu status definido no domingo. Stills ficou de fora da vitória sobre o Atlanta Falcons, no final de semana passado, depois de sofrer a lesão logo no começo do jogo da semana 4 contra os Panthers.

– No Cleveland Browns, o offensive tackle Kendall Lamm (joelho), o cornerback Denzel Ward (músculo posterior da coxa) e o cornerback Greedy Williams (músculo posterior da coxa) foram listados como questionáveis.

– No Baltimore Ravens, o técnico John Harbaugh disse que o wide receiver Marquise Brown (tornozelo) e o linebacker Patrick Onwuasor (tornozelo) terão seu status decidido no domingo antes do duelo contra o Cincinnati Bengals. Haubaugh esperava que eles treinassem nesta sexta, mas eles não puderam.

– No Jacksonville Jaguars, o cornerback Jalen Ramsey (costas) foi listado como questionável antes do jogo de domingo contra o New Orleans Saints. Ele perdeu os últimos dois jogos devido à contusão.

– No Cincinnati Bengals, o defensive end Carlos Dunlap, o defensive tackle Ryan Glasgow (coxa), o tackle Cordy Glenn (concussão), o wide receiver A.J. Green (tornozelo), o tackle Andre Smith (tornozelo) e o defensive end Kerry Wynn (concussão) foram descartados para o duelo contra o Baltimore Ravens. O safety Shawn Williams (coxa) foi listado como questionável.

– No Tennessee Titans descartou o pass rusher Cameron Wake (músculo posterior da coxa) e outside linebacker Sharif Finch (ombro) para o domingo. O defensive back Chris Milton (panturrilha) foi listado como questionável.

– Mesmo vindo de uma semana de folga, o Miami Dolphins tem 11 jogadores listados como questionáveis antes do jogo contra o Washington Redskins, entre eles o running back Kalen Ballage (pé), o cornerback Xavien Howard (joelho) e o wide receiver Albert Wilson (panturrilha/quadril).

– No Tampa Bay Buccaneers, o pass rusher Shaquil Barrett, cujos nove sacks lideram a NFL, foi listado como questionável para o jogo em Londres contra o Carolina Panthers devido a uma contusão no oblíquo. Também foram listados como questionáveis o safety Mike Edwards (músculo posterior da coxa) e o running back T.J. Logan (tornozelo).

– No Los Angeles Chargers, o safety Nasir Adderley (músculo posterior da coxa), o kicker Michael Badgley (virilha) e o running back Justin Jackson (panturrilha) foram todos listados como dúvidas para o SNF contra o Pittsburgh Steelers. O defensive end Melvin Ingram (músculo posterior da coxa) e o tight end Hunter Henry (joelho) foram listados como questionáveis.

– No San Francisco 49ers, o tight end George Kittle (virilha) foi listado como questionável, mas o técnico Kyle Shanahan disse que ele deve atuar no domingo contra o Los Angeles Rams.

– No Atlanta Falcons, o técnico Dan Quinn disse à imprensa que o cornerback Desmond Trufant (dedo do pé) não vai jogar no domingo contra o Arizona Cardinals.

– O New York Giants anunciou que fechou com o running back Javorius Allen e dispensou o running back Jon Hilliman. Hilliman foi titular no Thursday Night Football da noite passada contra o New England Patriots e somou apenas 11 corridas para 38 jardas. Menos de 24 horas mais tarde, ele foi cortado.

– O Seattle Seahawks anunciou que colocou o guard/center Ethan Pocic (costas) na injured reserve e dispensou o safety Adrian Colbert. Em uma decisão correspondente, o time promoveu o guard Jordan Roos e o tight end Jacob Hollister do elenco de treinamento (practice squad) para o elenco ativo.

– No Denver Broncos, uma notícia de elenco. A franquia do Colorado acertou uma extensão de contrato de três anos com o fullback Andy Janovich, que agora tem vínculo com o time até a temporada 2022 da NFL.

Segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, o acordo tem valor de US$ 5,7 milhões. A média é de US$ 1,9 milhão por temporada, com garantias totais de US$ 3,22 milhões, o que o deixa como terceiro fullback mais bem pago da NFL.

Selecionado na sexta rodada do draft de 2016, Janovich logo se tornou um grande bloqueador pelos Broncos, ajudando dois running back a chegarem às 1.000 jardas terrestres (Phillip Lindsay em 2018 e C.J. Anderson em 2017).

Para conferir o boletim completo de lesionados para os jogos deste domingo, clique aqui.

Comments
To Top