NFL

Ron Rivera se diz surpreso com demissão e elogia Dave Gettleman; veja as manchetes da terça-feira

Ron Rivera, técnico do Carolina Panthers, e Dave Gettleman

(Crédito: Twitter/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Ron Rivera, head coach do Carolina Panthers, se disse “surpreso” pela demissão do general manager Dave Gettleman e deixou claro que não teve participação na tomada de decisão. Além disso, ele elogiou o executivo.

“A decisão foi tomada e é isso que vamos fazer”, comentou Rivera. “O principal é que Dave fez um grande trabalho para nós. Ele me ajudou a crescer como treinador, a juntar as peças finais do quebra cabeça e nos ajudou a chegar ao Super Bowl. Mas isso é futebol americano. Você precisa ser produtivo. Tenho que fazer a gente voltar ao eixo. . . vou trabalhar duro para fazer isso, assim como nossa equipe técnica”.

– O proprietário Jerry Richardson não está perdendo tempo para achar o substituto de Dave Gettleman. Segundo Tom Pelissero, da ‘NFL Network’, o dono do Carolina Panthers está se reunindo com o ex-GM Marty Hurney nesta terça-feira. Se tudo der certo, Hurney deve ser nomeado o general manager interino da franquia de Charlotte.

– Ezekiel Elliott, running back do Dallas Cowboys, está apelando da condenação do delito de dirigir com excesso de velocidade. Um oficial estima que Elliott estava dirigindo a 100 mph (160 km/h) em uma zona de velocidade de 70 mph.

– Jadeveon Clowney, defensive end do Houston Texans, finalmente terá a oportunidade de jogar com J.J. Watt e está animado com isso. “Estou ansioso para isso. Nós seremos uma defesa especial. Eu só quero ver a gente como a defesa número 1 de novo”.

– Matt Ryan, quarterback do Atlanta Falcons, foi o MVP da última temporada, mas não está preocupado com seu próximo contrato. “Esse é o lado dos negócios da coisa. Eu nunca estive muito preocupado com isso. Sempre tento deixar meus empresários cuidarem do lado do negócio para mim. Apenas tento tomar conta do que posso controlar e isso é jogar bem e estar no caminho certo”.

– Michael Vick deu seus conselhos para o quarterback Colin Karpernick conseguir um emprego na NFL. “A primeira coisa que temos que fazer é um corte de cabelo em Kaepernick. Escute, não estou tentando ser politicamente correto. Eu não acho que ele deve se representar assim em termos de corte de cabelo. Sabe por que não? Você está lidando com muita controvérsia em torno desta questão. A coisa mais importante que ele precisa fazer é tentar ser apresentável”.

Como resposta, Kaepernick publicou um texto falando sobre a Síndrome de Estocolmo, dando a entender que Vick mudou o seu comportamento conforme ele foi tratado durante e após o escândalo da rinha de cães que acabou em sua prisão.

– Mark Bavaro, lenda do New York Giants, está impressionado com Evan Engram, tight end calouro. “Ele é impressionante. Eu não sei como ele vai estar quando estiver com os pads e jogando futebol americano. Mas ele pode se mover. Ele pode correr e pode receber. Ele é impressionante.

– Donald Penn, left tackle do Oakland Raiders, só tem um objetivo: vencer o Super Bowl. “Eu realmente quero ganhar agora, porque não planejo jogar muito mais. Eu quero vencer o Super Bowl. Essa realmente é uma das únicas razões para eu estar jogando. Não é pelo dinheiro. Eu quero ganhar o Super Bowl”.

– O running back Melvin Gordon acredita que o Los Angeles Chargers está indo na direção certa para mudar de cara. “Legal. É o que é. Ele (Anthony Lynn) o treinador de um jogador. Ele de um estilo diferente, uma energia diferente. Estou para ver o que vai acontecer e o que teremos de história nesse ano”.

– O Departamento de Transportes de Nova Jersey aprovou o pedido do New York Jets para adicionar um heliporto na sua instalação de treinamento.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top