NFL

Ron Rivera não liga para se classificar para os playoffs com campanha ruim

Crédito: Reprodução

Crédito: Reprodução

Até a semana 16 da NFL, os Panthers tem uma campanha 5-8-1, e ainda tem chances de se classificar para os playoffs via campeão da divisão. E o técnico do time, Ron Rivera, não liga para críticos do atual sistema de classificação para a pós-temporada da NFL.

Em coletiva para a mídia de Cleveland, cidade do time que os Panthers irão enfrentar na semana 16, o treinador passou mais de 2 minutos discursando sobre a atual estrutura de playoffs na NFL.

Rivera foi enfático.

“Então porque ter divisões?” disse ele. “Divisões representam áreas, se você tira-las, você acaba com as chances de bons times do passado de irem para a pós-temporada. Eu já estive envolvido em um time 8-8 que se classificou para os playoffs, e mandou um jogo em casa. Todos falávamos que iríamos perder. Fomos lá e vencemos o adversário.”

Ele estava se referindo ao time dos Chargers que em 2008 foi aos playoffs com uma campanha 8-8 e venceu os Colts em uma partida de wildcard, na prorrogação.

“Que tal os times que estão com 14-e alguma coisa e jogam em diviões em que todos os outros adversários estão com um aproveitamento abaixo de 50%? O quão justo é isso? Você fica lá falando que é o melhor em uma divisão com times péssimos, então você já tem mais ou menos 6 vitórias garantidas no ano. O quão justo é isso?”

“Ainda existe emoção em nossa divisão. É isso que a liga procura por isso. Quer criar interesse no fã a todo momento”

“Claro que nosso aproveitamento é negativo. Mas isso realmente representa nosso potencial? E se de repente nós aparecermos por aí e vencermos um time que vem quente?”

Ele provavelmente estava se referindo aos Seahawks de 2010 que venceu um jogo de wildcard depois de ter se classificado para os playoffs com uma campanha 7-9.

“Aparentemente alguém acha que isso não é justo. Mas não somos nós que fazemos as regras”

“Enquanto não houver uma mudança, é assim que funciona. E eu não vou me desculpas por isso. Não mesmo.”

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

To Top