NFL

Após deixar Saints, Rishard Matthews se aposenta; veja mais movimentações na NFL

Rishard Matthews, wide receiver da NFL

O wide receiver Rishard Matthews anunciou sua aposentadoria da National Football League nesta segunda-feira (12), dois dias depois de ser dispensado pelo New Orleans Saints sob designação de “deixou o time”.

Em uma postagem no Instagram, Matthews escreveu que estava cansado de sentir que era descartável como jogador da NFL e que, embora ele sempre será um fã de futebol americano, ele não sentirá falta da “falsidade” ou da “lavagem cerebral” que ele teve que encarar na liga.

Em um trecho de um comunicado, intitulado “Não Existe Mais”, o WR escreveu.

“Esse esporte deu tanto a mim e minha família, mas isso não existe mais… bater seu corpo repetidas vezes para grupos de pessoas distribuírem uma pequena porcentagem de seus ganhos que elas nem precisam para mim não existe mais… O treinamento sem fim e horas de distância da família não existe mais”.

“A lavagem cerebral e a divisão de cultura por uma pequena peça de joalheria não existe mais… Estar ao redor de tanto ego até mesmo para entender que alguém tem a mesma pele que você não existe mais… Pessoas me usando para entretenimento e não entendendo que sou um homem negro nos Estados Unidos não existe mais”.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Rishard Matthews the football player No Longer Exist & it’s okay. In life regardless of the right or wrong decisions I’ve made. I’ve always moved forward with the understanding that regardless of what I’m going through someone is going through something a shit ton worse than my bull shit. For athletes it’s important to understand & Move the fuck on. One of the Greatest Coaches I’ve been around Coach Rizzi used to say when it’s time to make a play in sports. You think people give a fuck that your tired or hurt. FUCK NO. Apply that to life. Whatever happens. There’s another day & plenty others after that. Move the fuck on No Body Gives A fuck about You Or your problems ✌🏾✌🏾

Uma publicação compartilhada por Rishard Matthews (@rishardmatthews) em

Atualmente com 29 anos de idade, Matthews chegou aos Saints em junho, depois de passar por um teste durante o minicamp. Mas o wideout estava jogando com os reservas durante o training camp.

O recebedor fez uma recepção para sete jardas em apenas 20 snaps nos quais esteve em campo durante a derrota para o Minnesota Vikings, na noite da última sexta, na estreia de ambas as equipes na pré-temporada.

Matthews foi o principal wide receiver do Tennessee Titans nas temporadas 2016 e 2017, mas ele pediu para ser dispensado no ano passado devido à pouca utilização dele no novo ataque da organização de Nashville. Então, em 2018, ele fez apenas cinco recepções para 24 jardas em um total de oito jogos com as camisas dos Titans e do New York Jets.

O wide receiver também pediu uma troca antes de sua temporada final no Miami Dolphins, em 2015, mas acabou ficando por lá por mais uma temporada.

Selecionado pelos Dolphins na sétima rodada do draft de 2012, com a 227ª escolha geral, Rishard Matthews soma 230 recepções para 3.160 jardas e 21 touchdowns em 87 jogos durante seus sete anos na NFL.

Confira mais notícias de transações e lesões na NFL nesta segunda (12):

– O New England Patriots adquiriu o tight end Eric Saubert, que está entrando em seu terceiro ano na NFL, em uma troca com o Atlanta Falcons. Como compensação, os Pats enviaram uma escolha condicional de sétima rodada de draft ao rival da Geórgia, como apurou o jornalista Mike Reiss, da ‘ESPN’ norte-americana.

Saubert estava em um grande grupo de TEs em Atlanta, liderado por Austin Hooper e Luke Stocker. Na franquia de Foxborough, ele vai se juntar a um grupo que vai tentar suprir a ausência de Rob Gronkowski, aposentado nesta offseason.

A troca se dá quatro dias depois que Matt LaCosse, um dos principais tight ends dos Patriots, saiu mancando de campo na estreia do time na pré-temporada com uma aparente lesão na perna.

Saubert entrou na NFL ao ser selecionado na quinta rodada do draft de 2017 pelos Falcons. Ele participou de todos os 16 jogos da temporada regular do ano passado, totalizando cinco recepções para 48 jardas. Saubert também contribuiu nos special teams e é visto como um atleta versátil.

Em outra notícia dos Patriots, o offensive tackle Isaiah Wynn participou em treinos coletivos pela primeira vez. Selecionado com a 23ª escolha geral do draft de 2018, ele perdeu toda a sua temporada de calouro devido a uma ruptura no tendão de Aquiles sofrida em agosto.

“Foi bom poder fazer um pouco mais”, falou Wynn após o treino.

Os Pats também anunciaram o fechamento de um novo contrato com o offensive lineman Cole Croston e dispensou o defensive back D’Angelo Ross.

– No Oakland Raiders, o cornerback Nevin Lawson foi suspenso pelos primeiros quatro jogos da temporada 2019 por violar a política de substâncias para melhoria de desempenho da NFL. A suspensão foi confirmada por Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

O CB foi informado da iminente suspensão na semana passada, de acordo com Rapoport.

Lawson assinou com os Raiders em março, depois de ser dispensado pelo Detroit Lions. Em sua carreira de cinco anos na NFL até agora, ele foi titular em 54 jogos (14 em 2018) e somou 194 tackles e um sack.

Nevin Lawson vai perder a estreia na temporada, contra o Denver Broncos, e as partidas contra Kansas City Chiefs, Minnesota Vikings e Indianapolis Colts.

– O Jacksonville Jaguars teve uma boa notícia nesta segunda, com o retorno do left tackle Cam Robinson às atividades. O jogador de linha ofensiva saiu da lista de jogadores sem condições físicas de desempenhar (PUP list).

Robinson rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho na semana 2 da temporada 2018 e estava fora desde então. Ele vai participar de forma limitada das atividades, enquanto a franquia da Flórida adota a cautela com seu retorno.

– O wide receiver Emmanuel Sanders, do Denver Broncos, passou por uma longa recuperação de ruptura no tendão de Aquiles nesta offseason e, nesta segunda, ele deu um grande passo rumo à sua volta, participando dos treinos coletivos.

Mas o recebedor revelou ao jornalista Mike Klis, do ‘9News’, que ele também passou pela cirurgia no tornozelo direito conhecida como “tightrope”. Esse procedimento foi realizado no outro pé da lesão de Aquiles e serviu para corrigir uma lesão que o incomodou por anos. Sanders inicialmente lesionou seu tornozelo direito em outubro de 2017 e perdeu quatro jogos naquele ano.

“Meu tornozelo (direito) me deu problemas durante todo o ano passado. Eu vim para o camp pensando: ‘que diabos vou fazer para passar por esta temporada?’. Sinto que essa foi a razão pela qual eu rompi meu tendão de Aquiles”, ressaltou.

– No Dallas Cowboys, o técnico Jason Garrett trouxe uma atualização sobre o wide receiver lesionado Amari Cooper, que está lidando com um problema no calcanhar e não treina desde o dia 2 de agosto.

“Ele está fazendo progresso. Nós certamente não vamos apressar seu retorno. Não antecipo ele fazendo algo hoje, mas ele está chegando cada vez mais perto. Ele está trabalhando em separado. Então, não achamos que isso seja algo de longo prazo, mas simplesmente queremos deliberar sobre trazê-lo de volta”, falou Garrett, segundo o site oficial da franquia texana.

DeAndre Baker, cornerback selecionado pelo New York Giants na primeira rodada do draft deste ano, sofreu uma entorse no joelho, mas seu ligamento cruzado anterior está intacto, segundo Tom Pelissero, da ‘NFL Network’. O técnico Pat Shurmur disse que ele será avaliado dia a dia.

Já o wide receiver Amba Etta-Tawo rompeu o tendão de Aquiles no treino, segundo vários veículos de impresa, e o recebedor de 25 anos de idade ficará fora da temporada. Etta-Tawo estava no meio de sua segunda passagem pelos Giants, após assinar no final de julho devido à falta de WRs no elenco.

– O jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, apurou que o tackle Sam Young, ex-Miami Dolphins, está fechando com o San Francisco 49ers. Os Niners colocaram Shon Coleman na injured reserve depois que ele sofreu uma fratura na fíbula e um deslocamento no tornozelo direito.

– No Houston Texans, o defensive end J.J. Watt está de volta aos treinos, depois de lidar com rigidez na virilha.

– No Atlanta Falcons, o técnico Dan Quinn disse aos jornalistas que o wide receiver Calvin Ridley “pareceu bem” no treino de domingo, seu primeiro desde que ele lesionou o músculo posterior da coxa no dia 25 de julho.

– O Tennessee Titans anunciou a contratação do linebacker James Folston e a dispensa do linebacker Jordan Williams.

– O Indianapolis Colts vai participar de treinos conjuntos com o Cleveland Browns nesta semana, antes do jogo de pré-temporada entre as duas equipes, no sábado, mas o quarterback Andrew Luck seguirá sendo poupado, como disse o técnico Frank Reich. O head coach acrescentou que o wide receiver calouro Parris Campbell (músculo posterior da coxa) sofreu um pequeno contratempo em sua recuperação neste domingo.

– Ex-Oakland Raiders e Houston Texans, o safety Marcus Gilchrist fez testes no Tampa Bay Buccaneers nesta segunda, de acordo com Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

– O Detroit Lions fechou com o cornerback Jamar Summers e dispensou o cornerback Marcus Cooper Sr., como anunciou a equipe.

– No Cleveland Browns, o defensive end Chad Thomas sofreu uma lesão no pescoço durante o treino desta segunda e foi imobilizado e removido de campo. Apesar disso, um porta-voz da franquia disse aos repórteres que o defensor tinha movimentos e estava sentindo suas extremidades. Thomas foi transportado ao University Hospitals para passar por exames. Posteriormente, Tom Pelissero, da ‘NFL Network’, apurou que o DE retornou às instalações do time e está apenas com uma entorse no pescoço, que será avaliada dia a dia.

O tight end David Njoku (joelho) ficou fora do treino desta segunda e, de acordo com Pelissero, o atleta está apenas lidando com dores e os Browns estão apenas sendo cautelosos. Não há “grande preocupação”.

– O Arizona Cardinals anunciou a chegada do outside linebacker Jeff Holland, que tinha sido dispensado pelo Denver Broncos.

– O Green Bay Packers fechou com o fullback Tommy Bohanon nesta segunda, como anunciou o general manager Brian Gutekunst.

– O Los Angeles Chargers fechou com o defensive end Thomas Costigan nesta segunda, como anunciou o time, e o tight end Andrew Vollert foi dispensado com designação de lesionado.

Comments
To Top