NFL

Resumo e destaques da pré-temporada do Chicago Bears

Justin Fields no Chicago Bears

Um nome chamou atenção na pré-temporada do Chicago Bears. Trata-se de Justin Fields, quarterback selecionado na primeira rodada do draft deste ano. De maneira geral, a torcida recebeu duas notícias, uma boa e uma ruim. A boa notícia é que Fields se desenvolveu bem durante a pré-temporada, atuou bem nas partidas e deixou boa impressão para o futuro. No entanto, a notícia ruim é de que o quarterback titular do time será Andy Dalton. Ao contrário do que a mídia em Chicago especulava antes do training camp. Ademais, a linha ofensiva dos Bears sofreu bastante com lesões durante toda a pré-temporada.

DESTAQUES DO TRAINING CAMP

Durante os treinos, chamou atenção a mobilidade e atleticismo de Fields. Bem como a rápida sintonia que ele criou com o tight end Jesse James. Por outro lado, Andy Dalton e Nick Foles tiveram alguns bons momentos e muitos momentos ruins. Em síntese: o ataque como um todo sofreu bastante nos exercícios contra a defesa. Dessa forma, os wide receivers tiveram um número consideravelmente alto de drops.

Por fim, os destaques defensivos foram os linebackers. Menção honrosa para Alec Ogletree, que conseguiu várias interceptações. Juntamente com, Khalil Mack, que esbanjou grande forma física e mostrou muito apetite contra seus oponentes.

ESTREIA DE JUSTIN FIELDS

Na primeira partida da pré-temporada do Chicago Bears, o time saiu de campo com um resultado positivo. Uma vitória contra o Miami Dolphins por 20 x 13. Primeiramente, Fields foi o grande destaque do jogo. Ele completou 14 de 20 passes, somou 142 jardas aéreas e 33 jardas corridas. E ainda anotou um passe e uma corrida para touchdown no seu jogo de estreia na NFL.

O ataque aéreo foi impulsionado por Jesse James, com uma recepção para touchdown. E também pelo wide receiver, Rodney Adams, que foi o mais acionado do time com seis alvos, quatro recepções e 57 jardas na partida. Outro calouro que teve boa presenca foi o running back, Khalil Herbert. Ele conquistou 38 jardas em seis carregadas e 11 jardas aéreas em três recepções.

Além disso, a defesa conseguiu forçar um fumble e conquistar uma interceptação sobre Tua Tagovailoa. E o kicker brasileiro, Cairo Santos, acertou um field goal de 53 jardas.

LEI DO EX NA SEGUNDA PARTIDA

Na segunda partida, houve revés contra o Buffalo Bills. Uma derrota expressiva, por 41 x 15. Este resultado caiu como uma bomba em Chicago. Uma vez que expôs muitas fragilidades de marcação e cobertura do Chicago Bears. Afinal de contas, o time cedeu três touchdowns corridos contra um ataque reserva. A propósito, quem comandou o passeio foi Mitchell Trubisky, fazendo jus a implacável lei do ex.

Como conclusão, o único destaque dos Bears no jogo foi o wide receiver, Rodney Adams, novamente. Ele anotou um touchdown e terminou a partida com 89 jardas aéreas.

VITÓRIA CONTRA O TENNESSEE TITANS

O terceiro jogo entregou uma falsa ilusão. A vitória contra o Tennessee Titans por 27 x 24 foi ofuscada em virtude dos Titans estarem lidando com um surto de Covid-19. Por conta disso, os Bears não colocaram Andy Dalton em campo e pouparam outros titulares também. Em suma, o destaque do jogo foi o tight end, Jesper Horsted, com três recepções para touchdown. Ainda que, Justin Fields tenha participado do jogo, com um passe para touchdown. Entretanto, foi Nick Foles quem esteve mais tempo em ação, e contribuiu com dois passes para touchdown.

Foto destaque: Divulgação/Chicago Tribune

1 Comment

1 Comment

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Popular

    To Top