NFL

Redzone: trajetória do Atlanta Falcons até o Super Bowl LI

Atlanta Falcons

(Crédito: Instagram/reprodução)

Prosseguindo com nossa série de especiais da semana do Super Bowl LI, nesta quinta-feira (2) chegou a vez de relembrarmos a trajetória do Atlanta Falcons até a grande decisão.

Quem viu o time terminar com campanha de 11-5, tendo a segunda melhor campanha de toda a Conferência Nacional (NFC) durante a temporada regular, pode achar que os representantes da Geórgia começaram com tudo na disputa. Mas não foi bem assim.

Na estreia, atuando em casa no Georgia Dome, o Atlanta Falcons não foi páreo para o Tampa Bay Buccaneers, seu rival de divisão NFC South, e perdeu pelo placar de 31 a 24, em jogo no qual o quarterback Jameis Winston, dos Bucs, lançou para quatro touchdowns. Matt Ryan, líder de ataque dos Falcons, teve uma grande apresentação, conectando para dois TDs, mas o ataque terrestre dos donos da casa produziu apenas 52 jardas totais.

Apesar do revés na abertura, os Falcons logo se recuperaram nas semanas seguintes e derrotaram Oakland Raiders (35 a 28), New Orleans Saints (45 a 32), Carolina Panthers (48 a 33) e Denver Broncos (23 a 16). O ataque, que foi uma unidade espetacular durante a competição, começava a mostrar suas garras. Destaques para os embates contra os rivais de divisão: contra os Saints, foram 45 pontos e 152 jardas terrestres do running back Devonta Freeman, enquanto que, contra os Panthers, foram 48 pontos e 503 jardas lançadas por Ryan. O wide receiver Julio Jones recebeu para absurdas 300 jardas.

Nas semanas 6 e 7, os tropeços voltaram a aparecer. Primeiro, os Falcons perderam por 26 a 24 para o Seattle Seahawks, fora de casa, e depois foram derrotados em casa pelo San Diego Chargers por 33 a 30, em jogo com direito a prorrogação, ficando neste momento com 4-3.

Vitórias sobre Green Bay Packers (33 a 32) e uma bela revanche contra os Buccaneers (43 a 28) melhoraram a campanha para 6-3, mas o time voltou a bobear e, antes da semana de folga (bye foi na semana 11), Atlanta caiu para o Philadelphia Eagles, fora de casa, por 24 a 15.

O descanso ajudou a equipe da Geórgia e, na semana 12, a recuperação veio com um atropelo sobre o Arizona Cardinals, quando o triunfo foi por 38 a 19. Nesta partida, Taylor Gabriel recebeu os dois touchdowns lançados por Matt Ryan e o jogo corrido funcionou bem, produzindo 116 jardas e três TDs.

Os Falcons novamente tropeçaram na semana 13, quando foram derrotados pelo Kansas City Chiefs, em casa, em jogo apertado (29 a 28). Porém, o time fechou a temporada regular com tudo e venceu quatro em sequência. Resultados positivos contra Los Angeles Rams (42 a 14), San Francisco 49ers (41 a 13), Carolina Panthers (33 a 16) e New Orleans Saints (38 a 32) deixaram o ataque ainda mais afiado e a campanha ficou em 11-5, o que garantiu folga à equipe na primeira semana dos playoffs.

PLAYOFFS DOS FALCONS

As quase duas semanas de descanso não tiraram o ritmo dos Falcons, muito pelo contrário. E, no dia 14 de janeiro, na rodada de divisão dos playoffs da NFC, Matt Ryan voltou a ter uma partida espetacular e acertou 26 passes de 37 para 338 jardas e três touchdowns na vitória por 36 a 20 sobre o Seattle Seahawks. Nesta partida, Atlanta fez os defensores de Seattle parecerem de papel e produziu 422 jardas totais.

O Atlanta Falcons foi com tudo para a final da Conferência Nacional e tinha outra pedreira pela frente: o Green Bay Packers. Será mesmo que era pedreira? O time comandado pelo técnico Dan Quinn não deixou dúvidas de quem manda no pedaço e os Falcons atropelaram os rivais de Wisconsin pelo placar de 44 a 21.

No embate, Ryan teve uma apresentação quase perfeita e acertou 27 passes de 38 para 392 jardas e quatro touchdowns. O wide receiver Julio Jones novamente mostrou que é um dos melhores da NFL e fez nove recepções para 180 jardas e dois touchdowns. A jovem defesa do time da Geórgia também apareceu e forçou dois turnovers.

Agora, é hora de mostrar se todas essas ‘goleadas’ durante a temporada regular e os playoffs vão aparecer novamente contra o New England Patriots no dia 5 de fevereiro, no NRG Stadium, em Houston.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top