NFL

Randy Moss vai entrar para o Ring of Honor do Minnesota Vikings

Randy Moss, ex-wide receiver do Minnesota Vikings

(Crédito: Instagram/reprodução)

Personalidade que teve uma carreira controversa, Randy Moss vai entrar para o Ring of Honor do Minnesota Vikings, depois de uma separação amarga com a franquia em sua época de jogador ficar no passado.

Durante sua entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira (14), Moss refletiu sobre sua carreira marcante como wide receiver e não escondeu a emoção ao agradecer Dennis Green. O ex-jogador precisou de quase 30 segundos para se recompor ao falar do falecido técnico que foi um dos grandes responsáveis por selecioná-lo na 21ª posição geral do draft de 1998 da NFL.

Green, 2, contou com um explosivo Randy Moss já em sua temporada de estreia, quando os Vikings tiveram uma campanha de 15-1 em 1998.

E, nesta quarta, Moss lamentou o fato de nunca ter tido uma chance de dizer adeus a Dennis Green, agradecendo o ex-treinador por lhe dar uma chance depois que ele não foi selecionado no topo do draft por causa de preocupações em relação ao seu histórico com a Justiça.

“Eu tinha 6 anos (quando comecei) a jogar esse esporte. Eu realmente não sei por que fui tratado da maneira que fui no dia do draft, mas o técnico Green me deu uma oportunidade, cara. E eu disse a ele: ‘Coach, você não vai se arrepender disso’. Então, vocês me perguntam o que eu diria a ele? Cara, eu provavelmente apenas cairia em seus braços e lhe daria um abraço. Não há palavras que possa dizer a ele”, declarou. “O homem faleceu sem que eu tenha, realmente, realmente, lhe dado o meu amor e meu obrigado pelo que ele fez por mim e por minha família. Há muitos times por aí que me desprezaram pelas razões erradas. Coach Green me deu essa oportunidade, então, quando todos os torcedores dos Vikings estão sentados aqui, voltando no passado, lembrando dos times em que joguei (…) cara, como quer que vocês se sintam em relação a mim, podem sentir. Mas, se vocês sentem algo bom em relação a mim, Coach Green é que me trouxe aqui. E, independentemente dos talentos que consegui mostrar, ele me ajudou a fazer isso. Vocês veem como fico emocionado ao falar dele? Sou muito grato por ter conhecido o Coach Green”, prosseguiu.

Atualmente comentarista da ‘ESPN’ dos Estados Unidos, Randy Moss é o segundo na história do Minnesota Vikings com 9.316 jardas recebidas e 92 recepções para touchdown. Ele chegou a cinco Pro Bowls em suas primeiras sete temporadas na franquia de Minneapolis, mas foi trocado com o Oakland Raiders antes da temporada 2005. Posteriormente, em 2010, ele retornou aos Vikings, mas sua volta durou pouco depois que ele criticou o técnico Brad Childress, após uma derrota para o New England Patriots, e foi dispensado no dia seguinte.

Os Vikings convidaram Moss para suas festividades pré-jogo antes da segunda partida do time na nova casa, no U.S. Bank Stadium, no ano passado, e enquanto o ex-wide receiver estava na cidade para encontros de negócios relacionados ao Super Bowl LII, que será disputado em fevereiro, em Minneapolis, a franquia o surpreendeu dizendo que ele entraria para o Ring of Honor.

O Minnesota Vikings anunciou que tanto Moss quanto Ahmad Rashad, que vestiu a camisa da equipe entre 1976 e 1982, vão entrar para o Ring of Honor nesta temporada, se juntando a outros 21 jogadores. Os dois wide receivers, inclusive, serão os primeiros atletas a entrarem para o Ring of Honor da franquia desde 2013.

Randy Moss também estará elegível pela primeira vez para o Hall da Fama do Futebol Americano Profissional (PFHOF) em 2018, quando os jurados vão debater sua candidatura durante a semana do Super Bowl LII.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top