NFL

Rams e Chargers expressam condolências para vítimas de tiroteio em massa

Los Angeles Rams

(Crédito: Instagram/reprodução)

O Los Angeles Rams e seus jogadores estão de “coração partido” depois de um tiroteio em massa em um bar em Thousand Oaks, na Califórnia, que matou 12 pessoas.

A tragédia ocorreu na noite da última quarta-feira (7).

O atentado ocorreu a poucos quilômetros de distância das instalações de treino dos Rams na California Lutheran University e do escritório do time em Agoura Hills.

Vários jogadores e funcionários da franquia também moram na região.

“A organização Los Angeles Rams está de coração partido pelo tiroteio horrível que aconteceu na noite passada em nossa comunidade de Thousand Oaks. Nossos pensamentos e orações vão para as vítimas, suas famílias e toda a nossa comunidade”, disse o L.A. Rams em nota oficial.

O Los Angeles Chargers também se manifestou através de um comunicado.

“Nós estamos profundamente tristes pelas terríveis notícias que chegam de Thousand Oaks nesta manhã. Nossos sentimentos vão para as vítimas e suas pessoas amadas durante esta tragédia horrível, e nós homenageamos as bravas e heróicas ações dos primeiros socorristas que correram até o local para ajudar”, falou o L.A. Chargers.

Uma das 12 vítimas do tiroteio foi identificada como o sargento Ron Helus, xerife do Condado de Ventura, que chegou ao Borderline Bar and Grill às 23h20 (horário local) em resposta às várias chamadas de emergência, ouvir tiros, entrou e imediatamente foi baleado diversas vezes.

Vários jogadores dos Rams e dos Chargers utilizaram as redes sociais para lamentar a tragédia e demonstrar empatia pelos parentes e amigos das vítimas:

Comments
To Top