NFL

Cam Newton: tenho a esperança de ser um pioneiro

Ele é o cara. Cam Newton está tendo a temporada dos sonhos: ficou perto da perfeição durante a temporada regular e é o favorito para levar o Super Bowl 50, sem falar no prêmio de MVP, que deve ser anunciado em breve. Mas Cam Newton quer mais: ele quer ser a cara da NFL.

E isso não será tão simples. A tensão racial no Estados Unidos é uma constante. Newton é negro, amante de hip hop e amado por sua comunidade, que também é majoritariamente negra. Por lei, a segregação racial norte-americana acabou em 1964, mas a segregação persiste e explode por todo o território nas mais variadas formas. O QB poderia se esconder atrás do seu status de astro da NFL, deixar a tensão racial de lado e ser o queridinho. Como também poderia sair esbravejando um discurso vazio, cujo conteúdo em nada ajudaria no combate à desigualdade. Porém, Newton busca sua própria identidade e foge dos rótulos.

Durante o intervalo do Pro Bowl, Newton deu o tom ao falar para a ESPN norte-americana.

“Muitas vezes em nossa sociedade, muitas pessoas, incluindo eu, querem comparar coisas diferentes como uma coisa só: ‘ok, lá está um QB. Ele me lembra um pouco do Ben Roethlisberger, ou um pouco de Steve McNair. Ele me lembra Steve Young.' Dentro dos quarterbacks que estão sendo preparados para o draft sempre haverá comparação com aquele tipo de pessoas que você se lembra”, disse Newton. Mas o QB não parou por aí.

“Mas o que eu quis dizer é que eu não sou, necessariamente, uma pessoa que precise de comparação, porque quando cheguei na NFL fui comparado com pessoas que já não jogavam mais. E nunca quis que isso se tornasse uma competição. E eu não quis dizer isso para parecer que sou ousado ou extravagante sobre uma pergunta específica. Eu só disse fatos. Eu espero ser um pioneiro não só para outros QB afrodescendente, mas também para os atléticos. Você pode ser caucasiano. Você pode ser de qualquer etnia e é isso que estou pregando”.

Cam Newton parece estar muito seguro da sua condição social e da sua habilidade dentro de campo. Realmente, ele parece ser um novo tipo de atleta, algo nunca visto no futebol americano. Fora de campo, o jogador ainda vai dar muitas outras declarações, e o impacto dessas palavras estará atrelado ao sucesso dentro de campo. O Super Bowl modifica, cria ou destrói uma carreira.

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


To Top