NFL

Polícia de Frisco encerra investigação em caso envolvendo David Irving

David Irving, defensive lineman do Dallas Cowboys

(Crédito: Twitter/reprodução)

Uma investigação de uma queixa de violência doméstica contra o defensive lineman David Irving, do Dallas Cowboys, foi encerrada.

O Departamento de Polícia de Frisco (Texas) fez uma investigação após a queixa apresentada no mês passado, mas a mulher envolvida retratou-se.

Ainda que a investigação tenha sido encerrada pela polícia, Irving está sujeito a punição por parte da National Football League, sob a política de conduta pessoal da liga. O defensor pode tomar uma multa ou suspensão.

Uma mulher que foi identificada como namorada de Irving chamou a polícia em duas oportunidades no dia 23 de abril, mas posteriormente escreveu em uma postagem no Instagram que suas acusações eram falsas.

Ela disse que estava chateada com uma discussão que levou os vizinhos a ligarem para a polícia.

“David não colocou as mãos em mim em qualquer momento”, escreveu.

Mais cedo nesta offseason, Irving assinou uma proposta de segunda rodada no valor de US$ 2,9 milhões como um free agent restrito e ele deve se tornar um free agent irrestrito após a temporada 2018 da NFL.

David Irving foi suspenso pelos primeiros quatro jogos da temporada 2017 após violar a política de substâncias para melhoria de desempenho da NFL. Ele perdeu os últimos quatro jogos do campeonato devido a uma concussão.

Nos oito jogos que ele disputou no ano passado, ele somou sete sacks e 22 tackles combinados.

Comments
To Top