NFL

Pittsburgh Steelers aplica a franchise tag no running back Le’Veon Bell

Le'Veon Bell, running back do Pittsburgh Steelers

(Crédito: Twitter/reprodução)

O que já era esperado foi oficializado. O Pittsburgh Steelers utilizou sua franchise tag no running back Le’Veon Bell pelo segundo ano consecutivo nesta terça-feira (6).

A ‘NFL Network’ noticiou em primeira mão que os Steelers utilizaram a tag em Bell.

O prazo final para os times utilizarem suas tags era as 18h (de Brasília) desta terça.

A tag para Bell será de US$ 14,544 milhões na temporada 2018 da National Football League.

Agora com a tag aplicada, os Steelers e Bell terão até o dia 16 de julho para chegarem a um contrato de longa duração ou o camisa 26 terá que atuar na próxima temporada sob a franchise tag, o que o atleta já deixou claro que não vai fazer.

Os Steelers aumentaram a proposta de contrato do ano passado, mas Bell fixou sua pedida na faixa dos US$ 14,5 milhões por temporada, valor alinhado com o salário que seria pago com a tag.

O running back já ressaltou que não vai aceitar um contrato que pague menos do que essa média anualmente.

“Nós não estamos chegando a um número que ambos concordamos – eles são muito baixos, ou acho que eles sentem que estou pedindo alto demais. Estou trabalhando estritamente em relação ao meu valor para o time. É isso que estou pedindo. Eu não acho que deveria me contentar com nada menos do que eu valho”, afirmou Bell à ‘ESPN’ norte-americana, na última segunda (5).

Bell afirmou que não estava blefando quando disse à ‘ESPN’ em janeiro que vai pensar em aposentadoria caso ele seja solicitado a jogar sob a tag por mais um ano.

No momento, todas as opções estão sendo consideradas.

“Eu só tenho que decidir se vou jogar quando chegar a hora”, observou o running back de 26 anos de idade.

Comments
To Top