NFL

Philadelphia Eagles está tentando reestruturar contrato de Vinny Curry

Vinny Curry, defensive end do Philadelphia Eagles

(Crédito: Twitter/reprodução)

Depois de muito comemorar o título do Super Bowl LII, o Philadelphia Eagles agora luta para se ajustar ao limite estabelecido pelo teto salarial e a franquia está começando a se mexer. E o time não quer cortar Vinny Curry por motivos de dinheiro.

Prestes a faturar US$ 9 milhões na temporada 2018 da National Football League, o defensive end está nos planos da organização, mas sua saída liberaria US$ 5 milhões no salary cap. Apesar disso, o jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, apurou neste final de semana que os Eagles estão negociando atualmente com o defensor para mantê-lo no elenco com um salário mais baixo.

Se um novo acordo não for selado entre o time e o jogador, Rapoport noticiou que Curry pode ser trocado ou mesmo dispensado pelo atual campeão da NFL.

Selecionado na segunda rodada do draft de 2012 pelos Eagles, com a 59ª escolha geral, Curry vem de uma temporada 2017 em que foi titular em todos os 16 jogos do time pela primeira vez na carreira. E, no ano passado, ele somou três sacks, 42 tackes combinados e um fumble forçado.

Nas seis temporadas de sua carreira até agora, Vinny Curry foi muito produtivo com a franquia desde o início e soma 22 sacks, 130 tackles combinados e cinco fumbles forçados em 84 jogos de temporadas regulares.

Apesar disso, a chegada e a boa produtividade de Derek Barnett, selecionado na primeira rodada do draft de 2017, tornou Curry um jogador um tanto quanto dispensável para a equipe da Filadélfia.

Atualmente, o Philadelphia Eagles está US$ 10 milhões acima do limite projetado de teto salarial, segundo o site ‘OverTheCap.com’.

Comments
To Top