NFL

Philadelphia Eagles domina e bate Los Angeles Rams em SNF emocionante

Josh Adams, running back do Philadelphia Eagles

(Crédito: Instagram/reprodução)

Foi mais um ótimo Sunday Night Football. De um lado, o poderoso Los Angeles Rams, que jogou em casa e entrou como grande favorito. Do outro, o Philadelphia Eagles, atual campeão, mas sem seu quarterback titular e em meio a uma temporada marcada pela inconsistência. Mas deu a ‘zebra’.

Com uma atuação de alto nível no Los Angeles Memorial Coliseum, os Eagles sufocaram os Rams e venceram pelo placar de 30 a 23.

O resultado traz os Eagles para 7-7 e o time segue vivo na briga por uma vaga como wild card na Conferência Nacional (NFC) e até sonham com o título da NFC East. Já o L.A. Rams perde a segunda consecutiva, fica com 11-3 e se complica na briga com o New Orleans Saints pela melhor campanha de toda a NFC.

A temporada tem sido marcada pela inconstância dos Eagles, mas isso não ocorreu na noite deste domingo. Pela primeira vez nesta temporada, o time do técnico Doug Pederson jogou um futebol americano de campeão da NFL e dominou a partida dos dois lados da bola.

Ao ver as estatísticas, é possível até notar que os Eagles cederam 413 jardas, mas grande parte desse montante foi na reta final. A atuação defensiva foi ótima e Philadelphia forçou três turnovers no total.

Ofensivamente, os Eagles também produziram e, pela primeira vez na temporada, tiveram um ataque terrestre. Mesmo com muitos desfalques no backfield, o time visitante produziu 111 jardas e três touchdowns pelo chão, com Wendell Smallwood (48 jardas e dois TDs) e Josh Adams (28 jardas e um TD) sendo os destaques.

O quarterback Nick Foles não brilhou, mas teve uma atuação razoável e acertou 24 passes de 31 para 270 jardas e uma interceptação. O grande destaque ofensivo dos Eagles, contudo, foi o wide receiver Alshon Jeffery: oito recepções para 160 jardas.

Do lado dos Rams, o quarterback Jared Goff se viu pressionado a noite inteira e seu desempenho mostra um pouco disso. Foram 35 passes certos de 54 para 339 jardas e duas interceptações.

O running back Todd Gurley, principal arma ofensiva do time, sentiu uma lesão no joelho durante o jogo e estava claramente com limitações. Ainda assim, ele correu para 48 jardas e dois TDs, e fez dez recepções para 76 jardas.

Na semana 16, a penúltima da temporada regular de 2018, o Los Angeles Rams enfrenta o Arizona Cardinals, fora de casa, enquanto o Philadelphia Eagles tem pela frente o Houston Texans, em casa. Ambas as partidas serão no domingo, dia 23 de dezembro.

Eagles se portam bem no primeiro tempo

O Philadelphia Eagles começou o jogo em bom ritmo e abriu o placar no primeiro quarto com um field goal de Jake Elliott. O chute de 51 jardas deixou o placar em 3 a 0.

Os Rams responderam logo na sequência com uma campanha longa, de 7min19s de duração, e chegaram à end zone em corrida de cinco jardas de Todd Gurley. O TD deixou o placar em 7 a 3.

No começo do segundo quarto, os Eagles reduziram a desvantagem para um ponto (7 a 6) com FG de Elliott. E as coisas ficaram piores para os Rams quando Avonte Maddox fez uma linda interceptação em passe de Jared Goff.

Contudo, os visitantes não souberam aproveitar o turnover forçado, acabaram chegando a uma situação de quarta descida para uma jarda na linha de 49 do território adversário, e arriscaram. Mas a chamada foi ruim e a conversão não rolou.

Para sorte dos Eagles, os Rams marcaram só um field goal de 41 jardas com Greg Zuerlein para aumentar a folga para 10 a 6.

A 1min07s do término do segundo quarto, os Eagles chegaram ao seu primeiro touchdown em corrida de seis jardas de Josh Adams, deixando o marcador em 13 a 10 depois do extra point. Nick Foles soltou bons passes no drive e comandou o ataque muito bem.

Mas, antes do intervalo, ainda houve tempo para os Rams acertarem um FG de 36 jardas com Zuerlein e deixar o placar empatado em 13 a 13 antes da pausa.

Eagles dominam completamente e surpreendem Rams

O terceiro quarto foi completamente dominado pelos Eagles. Tanto defensivamente quanto ofensivamente.

Nos primeiros minutos do terceiro período, depois de engolir o ataque de L.A., Philadelphia só precisou de duas jogadas para chegar à end zone.

Primeiro, Foles encaixou um passe de 50 jardas com Alshon Jeffery, aproveitando uma falha bisonha da secundária dos Rams. E, na jogada seguinte, Wendell Smallwood anotou um TD corrido de nove jardas para deixar o placar em 20 a 13.

A defesa dos Eagles seguiu intensa e, com 3min17s para o término do período, Elliott acertou um field goal de 40 jardas para deixar a diferença em duas posses de bola (23 a 13).

E o pesadelo dos Rams ainda ficou pior.

Com pouco mais de dois minutos na etapa, Goff sofreu um fumble, recuperou a bola, mas se livrou dela em uma decisão péssima. O passe foi interceptado por Corey Graham, que já colocou os forasteiros no campo de ataque.

Novamente em apenas duas jogadas, os Eagles chegaram à end zone. Smallwood correu quatro jardas e marcou mais um TD para deixar o placar em 30 a 13.

Nos segundos finais do terceiro quarto, os Rams arriscaram uma tricky play em formação de punt, mas a jogada de Johnny Hekker não deu certo. A bola voltou para os Eagles.

Mas, para sorte dos Rams, Aqib Talib apareceu no minuto inicial do último quarto e interceptou passe de Foles na linha de cinco. Seria um TD que mataria o jogo, mas L.A. seguiu vivo.

Na campanha seguinte, os Rams finalmente conseguiram marchar campo abaixo, mas tiveram que se contentar com um FG de 37 jardas de Zuerlein. O placar ficou em 30 a 16.

Mas ainda havia muita emoção reservada para os dez minutos finais.

Com 4min06s para o final, Todd Gurley entrou na end zone em corrida de uma jarda, ao final de uma campanha boa dos Rams, e a diferença caiu para uma posse de bola (30 a 23).

Não bastasse isso, os Rams ainda forçaram os Eagles a chutarem o punt na sequência.

Mas…

No retorno, JoJo Natson cometeu uma gafe monstruosa e deixou a bola cair. O fumble foi recuperado pelos Eagles no campo de ataque.

Philadelphia gastou relógio e mandou o kicker Jake Elliott ao campo, mas ele errou a tentativa de 53 jardas que mataria o jogo.

Os Rams ganharam uma sobrevida, foram para o tudo ou nada, mas a defesa dos Eagles apareceu bem e evitou o TD do empate, confirmando a suada vitória em território inimigo.

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


To Top