NFL

Philadelphia Eagles bate Washington Redskins e segue perseguição aos Cowboys

philadelphia eagles comemora

Crédito: Instagram/reprodução

Não foi dos jogos mais bonitos do Philadelphia Eagles, mas a vitória veio contra o Washington Redskins por 28 a 13, empatando com o rival da NFC East e ficando um jogo atrás do Dallas Cowboys, adversário no próximo domingo no AT&T Stadium em Arlington, Texas.

O jogo ficou marcado pela lesão de Colt McCoy no segundo quarto, fazendo os Redskins colocarem o terceiro quarterback em campo na temporada 2018: o veterano Mark Sanchez. Esta foi a segunda vitória seguida dos Eagles, algo que não acontecia desde a iluminada temporada de 2017, que terminou com a conquista do Super Bowl LII.

Antes de falar mais, vamos ao relato dos momentos mais importantes.

O jogo

Logo no primeiro quarto os Eagles conseguiram mover a bola e Carson Wentz achou Golden Tate no canto da end zona para o primeiro touchdown. A situação pareceu ainda mais folgada quando Colt McCoy saiu lesionado e logo foi divulgado que ele fraturou a fíbula. Mark Sanchez, contratado poucas semanas atrás, teve que entrar.

Só que o que parecia ser festa em Philly, na primeira jogada caiu por terra: Adrian Peterson teve a bola nas mãos, correu entre o center e o right guard e explodiu para um touchdown de 90 jardas e fez os Redskins liderarem por 10 a 7. Na campanha seguinte os Eagles chegaram na boca da end zone e em uma quarta para o gol decidiram correr pelo meio. Nada feito e algumas vaias no Lincoln Financial Field.

Não duraria tanto. A equipe logo recuperou a bola e em uma corrida muito bem executada, Darren Sproles fez seu primeiro touchdown desde o dia 22 de dezembro de 2016. Ele perdeu a temporada do título de Philadelphia com uma lesão no ligamento. Dustin Hopkins ainda diminui a desvantagem para um ponto no fim do segundo quarto.

Mas o segundo tempo foi de pleno domínio para os Eagles. Carson Wentz se mostrou mais confortável, seja no pocket ou correndo para fora e lançando. Ele conectou bastante com Zach Ertz, que chegou a 92 recepções, maior número para um recebedor na história da franquia.

Só que nem tudo foi perfeito: Wentz foi interceptado na end zone por Josh Norman em passe que tinha Alshon Jeffery como alvo.

Tirando esse “pequeno” detalhe, Wentz (27 de 39, 306 jardas, 2 TDs e 1 INT) passou para Jordan Matthews para TD e ainda conseguiu uma conversão de dois pontos com Tate novamente, que teve seu melhor jogo pelos Eagles desde que chegou em troca com os Lions, com sete recepções, 85 jardas e 1 TD.

Sanchez (13 de 21, 100 jardas e 1 INT) não conseguiu fazer muito na etapa final e ainda foi interceptado em um passe bastante ruim. Com um playbook limitado, já que não teve tempo para aprender tudo, a defesa dos Eagles não teve problema para garantir a vitória.

 

Comments
To Top