NFL

Patriots não tomam conhecimento dos Steelers e estão no Super Bowl LI

New England Patriots

(Crédito: Instagram/reprodução)

New England Patriots (14-2) 36 x 17 Pittsburgh Steelers (11-5)

– Fator de desequilíbrio: o time impecável do New England Patriots foi o que desequilibrou. A equipe comandada por Bill Belichick simplesmente não comete erros graves e saiu de campo sem turnovers e com poucas faltas cometidas (duas para 10 jardas).

– Destaque Quinto Quarto do jogo: Chris Hogan – eu poderia citar Tom Brady, mas o wide receiver do New England Patriots foi o principal alvo do camisa 12 nesta noite e fez o melhor jogo de sua carreira profissional, saindo de campo com nove recepções para 180 jardas e dois touchdowns.

– Análise geral dos Patriots: com um ataque fulminante, que contou com atuação incrível de Tom Brady e companhia, e uma defesa que não deixou o oponente produzir grandes coisas, o time de Foxborough fica com o título da Conferência Americana (AFC) e vai para o Super Bowl LI com todos os méritos.

– Análise geral dos Steelers: nada deu certo para os visitantes. O ataque não produziu pontos como deveria e ainda cometeu turnovers e a defesa pouco conseguiu pressionar o quarterback Tom Brady. A lesão na virilha do running back Le’Veon Bell no começo do jogo contribuiu muito para o jogo fraco ofensivamente.

– Resumo da partida

O primeiro quarto de jogo no Gillette Stadium foi dominado pelos donos da casa. O New England Patriots avançou 62 jardas na primeira campanha ofensiva da partida e abriu o placar com um field goal de 31 jardas convertido pelo kicker Stephen Gostkowski, que deixou o marcador em 3 a 0

Depois de os drives seguintes de ambos os times terminarem em punt, os Patriots anotaram seu primeiro touchdown no jogo a 2min42s do final do período, quando Tom Brady conectou passe de 16 jardas com Chris Hogan na end zone e, depois do extra point, os anfitriões abriram 10 a 0.

O Pittsburgh Steelers deu a resposta logo nos minutos iniciais do segundo quarto, quando DeAngelo Williams (que substituiu o lesionado Le’Veon Bell) correu cinco jardas até a end zone. O kicker Chris Boswell, contudo, errou o ponto extra e o placar ficou em 10 a 6.

Os Patriots, contudo, não estavam a fim de deixar o rival encostar no marcador e, pouco depois, a 7min43s do intervalo, Tom Brady fez um flea flicker perfeito com o running back Dion Lewis, recebeu a bola de volta e lançou um passe de 34 jardas para Chris Hogan anotar o segundo TD da equipe. O placar foi a 17 a 6 depois do PAT.

Nos minutos finais do segundo quarto, o quarterback Ben Roethlisberger lançou lindo passe de 19 jardas na direita para o tight end Jesse James e ele quase marcou o touchdown. A arbitragem chegou a marcar TD inicialmente, mas revisou o lance e colocou a bola na linha de uma jarda. Mesmo tão perto da end zone, os Steelers foram contidos por uma agressiva defesa dos Patriots e não conseguiram fazer os sete pontos. Assim, os visitantes se contentaram com um field goal de 23 jardas de Boswell para reduzir a diferença para 17 a 9. O placar ficou assim até o intervalo.

Os Steelers receberam a bola no início do terceiro quarto, mas a campanha ofensiva inicial da segunda metade de partida não durou nem dois minutos e terminou em punt.

Os Patriots avançaram bem em seu primeiro drive, mas só conseguiram um field goal de 47 jardas, convertido por Gostkowski, que deixou a vantagem em 11 pontos (20 a 9). A campanha seguinte dos Steelers terminou novamente em punt.

Os donos da casa foram para cima e anotaram mais um TD, desta vez em corrida de uma jarda de LeGarrette Blount e o marcador foi a 27 a 9 depois do extra point.

E as coisas ainda ficaram piores para os visitantes na sequência. Roethlisberger acertou passe curto de três jardas no meio para Eli Rogers e o recebedor sofreu um fumble forçado por Kyle Van Noy. A bola foi recuperada por Rob Ninkovich na linha de 28 jardas do campo de ataque.

Com excelente posição de campo, os representantes de Boston só precisaram de quatro jogadas para chegarem novamente à end zone. Brady conectou passe de 10 jardas com Julian Edelman e o placar ficou em 33 a 9, já Gostkowski errou o ponto extra.

Encerrando uma campanha que começou no quarto anterior, os Steelers buscaram o touchdown e arriscaram a quarta descida na linha de duas jardas, a 13min06s do final do jogo, mas o passe de Big Ben para Cobi Hamilton não foi agarrado pelo recebedor e o ataque visitante saiu de campo sem marcar pontos.

Precisando forçar passes longos, Roethlisberger foi interceptado por Eric Rowe a 10min14s do final e o defensive back dos Patriots retornou com a bola até a linha de 32 jardas do ataque. O ataque dos Pats não conseguiu marcar TD na sequência, mas ampliou a vantagem para 36 a 9 com field goal de 26 jardas de Gostkowski.

Já no chamado ‘garbage time’, Big Ben acertou passe de 30 jardas para Cobi Hamilton e os Steelers chegaram ao touchdown. A conversão de dois pontos foi bem-sucedida e o placar foi a 36 a 17.

Os Steelers foram para o onside kick, mas a tentativa não deu certo e os Pats ficaram com a bola. Os donos da casa então ‘queimaram’ o restante do cronômetro e confirmaram o título da Conferência Americana (AFC). Troféu Lamar Hunt na mão e passagem para Houston carimbada. Que venha o Atlanta Falcons no Super Bowl LI!

– Estatísticas dos principais jogadores:

New England Patriots

Tom Brady – 32 passes certos de 42 para 384 jardas e três touchdowns.

Chris Hogan – nove recepções para 180 jardas e dois touchdowns.

Julian Edelman – oito recepções para 118 jardas e um touchdown.

Pittsburgh Steelers

Ben Roethlisberger – 31 passes certos de 47 para 314 jardas, um touchdown e uma interceptação.

Antonio Brown – sete recepções para 77 jardas.

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


To Top