NFL

Para Tannehill, comemorar lesão de Rishard Matthews foi falta de classe dos Jets; veja manchetes deste fim de semana

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Ryan Tannehill diz que New York Jets não tem classe por ter comemorado lesão de Rishard Matthews: neste domingo, o Miami Dolphins perdeu para os Jets pela segunda vez na temporada, mas, agora, com o “bônus” do wide receiver Rishard Matthews lesionado ainda no primeiro quarto da partida. No lugar de solidariedade, entretanto, os Dolphins receberam um tratamento ligeiramente ácido dos adversários.

O safety Calvin Pryor, dos Jets, por exemplo, disse que o quarterback Ryan Tannehill deveria ter lançado uma bola melhor, como se a culpa fosse do quarterback pelo incidente. Em resposta, o jogador do Miami Dolphins comentou que foi uma falta de classe ter comemorado a lesão do receiver.

– Rex Ryan, técnico do Buffalo Bills, está descontente com a falta de replays durante derrota do time contra o Kansas City Chiefs neste domingo: após a partida, ele comentou para a ESPN americana que é a primeira vez que não viu nenhuma jogada. “Eu acho que tem uma regra na liga que você normalmente pode ver algumas. Posso estar errado”, disse Rex Ryan.

– St. Louis Rams não será penalizado por concussão de Case Keenum: na última semana, a NFL havia anunciado que seria feita uma investigação sobre a permanência de Keenum na partida enquanto deveria estar no protocolo de concussão.  Neste domingo (29), a decisão da liga foi pela solução do caso sem quaisquer penalidades à franquia.

– Comissão técnica do Miami Dolphins tem menos votos de confiança em Ryan Tannehill que a diretoria: neste momento, a franquia está dividida em relação ao futuro do quarterback titular. Enquanto a diretoria vê o quarterback como o futuro da franquia, os treinadores do time preferem focar para que ele se torne algo como um ‘administrador de jogos’ dos Dolphins.

– Brian Billick, ex-técnico do Baltimore Ravens e atual analista da ‘NFL Network’, acredita que Kirk Cousins é um reserva perfeito: em fala durante o programa “GameDay First”, ele disse que o que os Redskins procuram em um quarterback para ser o astro da franquia, mas não irão encontrar em Cousins. De acordo com Billick, ele é a “definição de backup”.

– USC parece estar interessada em Chip Kelly para 2016: em meio a boatos de que o técnico do Philadelphia Eagles irá treinar um time universitário na próxima temporada, a Universidade da Califórnia pode ter interesse em contar com os serviços antigo técnico de Oregon.

– Chance Warmack ganhou US$ 50 por perder peso durante o Dia de Ação de Graças: apesar de toda a comida que é tradição do jantar de Ação de Graças, o jogador do Tennessee Titans deveria emagrecer. Como conseguiu, sua recompensa veio no formato de US$50, dada pelo técnico interino Mike Mularkey.

Comments
To Top