NFL

Oakland Raiders e Derek Carr fecham contrato de US$ 125 milhões por cinco anos

Derek Carr, quarterback do Oakland Raiders

(Crédito: Twitter/reprodução)

Na noite de quarta-feira, Oakland Raiders e Derek Carr já estavam perto de fechar um contrato histórico. E nesta quinta-feira (22), eles bateram o martelo: US$ 125 milhões de dólares por cinco anos, fazendo do camisa 4 o quarterback com maior salário anual médio na NFL.

Agora, o signal caller de 26 anos de idade está sob contrato com a organização da Califórnia até a temporada 2022 da National Football League.

Com US$ 25 milhões/ano, Carr fica à frente de Carson Palmer, Andrew Luck e Drew Brees, todos na casa dos US$ 24 milhões por ano.

A informação do novo contrato foi antecipada por Adam Schefter, jornalista da ‘ESPN' norte-americana e logo confirmada pelo próprio Derek Carr em seu Twitter pessoal.

“Agora está feito. Desde o começo queria ser um Raider por toda minha vida. (Agora estou a) um passo mais próximo disso. Abençoado!!! Negócio feito! Vamos jogar agora!!!”, declarou o jogador, que agora está ligado aos Raiders até 2022.

Como acrescenta Ian Rapoport, jornalista da ‘NFL Network’, o contrato contém US$ 40 milhões completamente garantidos e US$ 70 milhões em garantias totais.

Confira outros detalhes do acordo de Carr, segundo uma fonte consultada pela ‘ESPN’:

– Carr vai faturar US$ 25 milhões no primeiro ano (bônus de assinatura de US$ 12,5 milhões, bônus de elenco de US$ 7,5 milhões a ser pago no dia 30 de junho e um salário-base de US$ 5 milhões);

– Em 2018, ele tem um bônus de elenco de US$ 15 milhões completamente garantido na assinatura. O salário-base do QB de US$ 7,4 milhões para 2018 se torna completamente garantido em fevereiro do ano que vem e o signal caller também tem um bônus de US$ 100 mil para treinos em 2018 e em cada ano subsequente;

– Em 2019, Carr tem US$ 20 milhões garantidos em caso de lesão logo na assinatura e ele se torna totalmente garantido em fevereiro daquele ano;

– O restante da garantia por lesão (cerca de US$ 3 milhões) é parte do salário do QB em 2020, que é de cerca de US$ 20 milhões, assim como são seus salários não garantidos em 2021 e 2022.

O técnico Jack Del Rio e o coordenador ofensivo Todd Downing, do Oakland Raiders, entre outros jogadores e funcionários do time e da NFL em geral, parabenizaram publicamente seu quarterback pelo novo contrato.

Carr mostrou potencial desde sua temporada de calouro e se firmou entre os melhores da liga em 2015/16, passando para 3.937 jardas e 28 touchdowns, com apenas seis interceptações. Entretanto, a temporada regular terminou de forma amarga, com o camisa 4 fraturando sua fíbula na semana 16. Sem ele, os Raiders naufragaram e foram eliminados pelo Houston Texans logo no wild card round nos playoffs.

Vale mencionar que a renovação de Carr com os Raiders deve desencadear outros acordos com quarterbacks na National Football League. Matthew Stafford, do Detroit Lions, e Kirk Cousins, do Washington Redskins, são esperados para renovar nos próximos dias ou semanas e o acordo de Derek Carr com a franquia californiana deve ajudar a estabelecer novos valores de mercado para a posição de QB.

Selecionado na segunda rodada do draft de 2014 pelo Oakland Raiders, com a 36ª escolha geral, Derek Carr acertou 1.055 de 1.732 passes lançados na NFL (60,9%) para 11.194 jardas, 81 touchdowns e 31 interceptações em 47 partidas.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top