NFL

Oakland Raiders contrata Richie Incognito; veja mais transações na NFL

Richie Incognito, offensive lineman da NFL

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Oakland Raiders contratou o offensive lineman Richie Incognito, como anunciou a equipe nesta terça-feira (28).

Incognito não joga na NFL desde 2017, quando ele anunciou que estava se aposentando do futebol americano profissional. No começo deste ano, o jogador de linha ofensiva deixou claro que pretendia retornar à liga.

Ele fez um teste nos Raiders mais cedo neste mês, um treino rápido que durou dois ou três minutos em uma atividade de circuito, de acordo com o general manager Mike Mayock.

Mayock foi questionado como, dado seu histórico e a meta dos Raiders de construir um time com jogadores de bom caráter, Incognito se encaixa na franquia. E o GM destacou os feitos do offensive lineman dentro de campo e as vezes em que foi selecionado ao Pro Bowl.

“Sempre que ele esteve focado em atividades exclusivamente no campo, ele foi bem, e fizemos um contrato de um ano com ele, para ele se provar”, falou Mayock, acrescentando que o acordo prevê o pagamento mínimo estabelecido para veteranos da liga. “E provar isso significa dentro e fora de campo. Há algumas expectativas que ele tem que cumprir em ambas as áreas. Ele faz 36 anos em julho. Achamos que ele vai ser um bom jogador de futebol americano e vai se permitir competir pela vaga de left guard. E, tão importante quanto, ele tem que provar isso fora de campo. Nós vamos proporcionar a infraestrutura para ele. No final das contas, é uma via de duas mãos – nós temos que ajudá-lo a se ajudar”, completou.

Incognito atuou com a camisa do Buffalo Bills de 2015 a 2017, sendo selecionado para o Pro Bowl nas três temporadas. Ele foi o pivô da investigação em 2013 de um caso de bullying contra Jonathan Martin, seu então companheiro de equipe no Miami Dolphins.

Na ocasião, Incognito acabou sendo suspenso e não jogou futebol americano na temporada 2014.

O offensive lineman também se envolveu com a Justiça no ano passado, quando foi preso em agosto por conduta desordeira. Recentemente, ele se assumiu culpado em Scottsdale, no Arizona, e aguarda uma possível suspensão por parte da NFL.

Quatro vezes selecionado ao Pro Bowl em sua carreira, Incognito chega para suprir uma necessidade na posição de left guard, já que os Raiders trocaram Kelechi Osemele, um All-Pro, com o New York Jets nesta offseason.

Uma possível linha ofensiva titular da franquia californiana para 2019 seria Kolton Miller (left tackle), Incognito (left guard), Rodney Hudson (center), Gabe Jackson (right guard) e Trent Brown (right tackle).

Em uma decisão correspondente, o Oakland Raiders anunciou a dispensa do guard Chaz Green.

Confira mais movimentações na NFL nesta terça (28):

– O quarterback Nick Foles, do Jacksonville Jaguars, foi liberado da sessão desta terça de OTAs (organized team activities) da franquia da Flórida por motivos pessoais. O time afirmou que não há prazo para o retorno do signal caller.

Os Jags também frisaram que não há detalhes adicionais a serem divulgados e a equipe não quis especular sobre quantas sessões de OTAs o novo quarterback da organização pode perder.

“Nossos pensamentos e orações estão com Nick e sua família. Ele sabe, como qualquer outra coisa, que estamos aqui para ajudá-lo”, frisou.

Foles, que assinou um contrato de quatro anos, com valor de US$ 91 milhões, em março, compareceu às primeiras três OTAs na semana passada. A equipe tem quatro OTAs voluntárias marcadas para a próxima semana e o minicamp obrigatório será entre os dias 11 e 13 de junho, antes da longa pausa até o final de julho, quando começa o training camp.

– O Washington Redskins contratou os seguintes free agents: os offensive tackles Brian Wallace e Jylan Ware. E a equipe dispensou os tackles Adam Bisnowaty e Juwann Bushell-Beatty.

– O New Orleans Saints contratou os running backs Javorius Allen e Matt Dayes. Além disso, a franquia da Louisiana dispensou o running back A.J. Ouellette e o cornerback Jordan Wyatt.

– O New York Jets trouxe o linebacker James Burgess, dispensado pelo Miami Dolphins, e colocou o running back Jalin Moore na lista de jogadores com lesões não relacionadas ao futebol americano (NFI list).

– O Tennessee Titans dispensou o defensive lineman Dee Liner.

– O Indianapolis Colts fechou com o defensive tackle Chunky Clements e dispensou o defensive tackle Johnny Robinson.

Comments
To Top