NFL

Oakland Raiders coloca Marshawn Lynch na injured reserve; veja boletim de lesões

Marshawn Lynch, running back do Oakland Raiders

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Oakland Raiders anunciou nesta segunda-feira (22) que colocou o running back Marshawn Lynch devido a uma lesão muscular na região da virilha.

Caso consiga ficar saudável ainda nesta temporada, o camisa 24 estaria elegível para retornar ao time para o jogo da semana 16 contra o Denver Broncos, na véspera de Natal.

Lynch sofreu a contusão durante a derrota dos Raiders na semana 6 para o Seattle Seahawks, em Londres. Ele estava tentando puxar sua perna direita para fora do alcance do cornerback Shaquill Griffin, dos Seahawks, quando o linebacker Austin Calitro levantou Lynch, que caiu de maneira estranha e permaneceu no gramado do Wembley Stadium antes de sair de campo mancando.

Atualmente com 32 anos, Lynch está no último ano de seu contrato de dois anos e é justo se perguntar se a passagem do running back pelos Raiders está chegando ao fim. Ele tem chances até de não jogar mais na NFL, visto que anunciou sua aposentadoria anos atrás antes de decidir voltar só para jogar pelo time de sua cidade.

Em seis jogos que disputou nesta temporada 2018, Lynch correu 90 vezes para 376 jardas (maior marca do time) e três touchdowns. Ele está com uma média de 4,2 jardas por corrida e também fez 15 recepções para 84 jardas.

Com Lynch fora, os Raiders vão apostar no veterano Doug Martin para ser o running back número 1. Em seis partidas nesta temporada, Martin correu apenas 27 vezes para 99 jardas e fez quatro recepções para cinco jardas.

Confira mais notícias de lesões na NFL nesta segunda (22):

– O running back Sony Michel, do New England Patriots, passou por uma ressonância magnética no joelho esquerdo nesta segunda e o exame não revelou nenhum dano estrutural no local. A ótima notícia foi apurada por Adam Schefter, da ‘ESPN’ norte-americana.

Michel, que vem sendo o principal running back dos Patriots na temporada, será avaliado semana a semana, como apurou Schefter com uma fonte.

Esse é o melhor cenário para o calouro e para os Pats, depois que Michel foi ajudado a sair de campo e depois levado de carrinho-maca ao vestiário durante o segundo quarto da vitória por 38 a 31 sobre o Chicago Bears.

Os Patriots, que visitam o Buffalo Bills no Monday Night Football do dia 29, têm apenas outro dois running backs no elenco de 53 jogadores: James White e Kenjon Barner.

Em sua coletiva do dia seguinte ao jogo, o técnico Bill Belichick afirmou que não tinha nada a acrescentar sobre a condição de Michel e frisou que o time ia dar as atualizações de lesão na próxima vez que será obrigado a fazer isso, mais adiante nesta semana.

Durante sua entrevista semanal na rádio esportiva ‘WEEI’, de Boston, o head coach disse que o time vai explorar a possibilidade de contratar mais um running back.

Em outra notícia do departamento médico dos Patriots, o jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, noticiou que o tight end Rob Gronkowski não viajou a Chicago devido a uma lesão nas costas que o travou durante o treino da última sexta. A boa notícia é que não há preocupação a longo prazo sobre a contusão.

Michael Giardi, também da ‘NFL Network’, acrescentou nesta segunda que Gronk especificamente lidou com espasmos dolorosos nas costas na última sexta. Giardi noticiou que Gronk pode estar disponível para o MNF contra os Bills. Entretanto, dado o histórico de problemas físicos do camisa 87, é algo para ficar de olho.

– O wide receiver Albert Wilson, do Miami Dolphins, sofreu uma lesão no quadril que pode encerrar sua temporada 2018, como disse Drew Rosenhaus, agente do jogador, em entrevista à ‘WSVN-TV’. No melhor cenário, ele vai perder algumas semanas.

Wilson vai visitar um especialista em quadril para saber mais sobre a contusão, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

O recebedor ficará fora do Thursday Night Football contra o Houston Texans e além, mas um prognóstico final para a temporada ainda não está claro.

O técnico Adam Gase afirmou que há uma possibilidade “muito alta” de que Wilson vá para a injured reserve.

Ainda nos Dolphins, o wide receiver Kenny Stills também está com status incerto depois de sofrer uma lesão na virilha no final da derrota para o Detroit Lions, no último domingo. Ele vai passar por uma ressonância magnética.

Na posição de quarterback, Brock Osweiler será titular novamente nesta semana enquanto Ryan Tannehill (ombro) segue se reabilitando.

– No Buffalo Bills, o técnico Sean McDermott disse nesta segunda que o quarterback Derek Anderson continuará como titular no jogo contra o New England Patriots com Josh Allen (cotovelo) ainda afastado. O running back LeSean McCoy segue no protocolo de concussão.

– No Carolina Panthers, o técnico Ron Rivera disse que o wide receiver Torrey Smith (joelho) será examinado pelos médicos depois que uma queda no jogo o deixou com algum inchaço.

– O linebacker Kwon Alexander, do Tampa Bay Buccaneers, foi diagnosticado com uma ruptura no ligamento cruzado anterior do joelho e está fora do restante da temporada 2018 da NFL.

Não bastasse isso, o também linebacker Jack Cichy também sofreu uma ruptura no ligamento cruzado anterior, como foi confirmado pelo técnico Dirk Koetter, e também não atua mais neste campeonato.

Alexander e Cichy foram colocados na injured reserve e o linebacker Riley Bullough fechou com o time da Flórida.

– O Houston Texans estará sem o wide receiver calouro Keke Coutee (músculo posterior da coxa) para o Thursday Night Football contra o Miami Dolphins.

Segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, Coutee passou por exames e o problema muscular na coxa não é considerado sério.

– No Jacksonville Jaguars, o linebacker Donald Payne sofreu uma entorse de grau 2 no ligamento colateral medial do joelho, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’. Rapoport acrescentou que Payne deve perder “cerca de 3-4 semanas, embora as avaliações ainda estejam em andamento”.

– O kicker Adam Vinatieri, do Indianapolis Colts, está lidando com uma lesão na virilha, como disse o técnico Frank Reich nesta segunda.

Vinatieri, que está a cinco pontos de se tornar o maior pontuador da história da National Football League, passou por uma ressonância magnética e sua condição é incerta.

– No San Francisco 49ers, o técnico Kyle Shanahan anunciou que o time está colocando o safety Adrian Colbert na injured reserve devido a uma entorse severa no tornozelo direito. Ele sofreu a contusão no terceiro quarto da derrota para o Los Angeles Rams, no último domingo.

Shanahan falou que Colbert deve perder de seis a oito semanas de atividades e, ainda que esse cronograma permita que o safety tenha chance de retornar da IR, o head coach frisou que Colbert “provavelmente não” vai voltar nesta temporada 2018.

– No Atlanta Falcons, o right guard Brandon Fusco sofreu uma lesão no tornozelo durante a vitória sobre o New York Giants, no Monday Night Football, e não retornou.

Fusco aparentemente lesionou seu tornozelo direito na primeira metade do confronto e foi removido de campo. Logo após o intervalo, o time anunciou que o veterano com oito anos de experiência na NFL não voltaria ao MNF.

Comments
To Top