NFL

Novo GM do Baltimore Ravens, Eric DeCosta nega ‘racha’ com técnico John Harbaugh

Eric DeCosta, general manager do Baltimore Ravens

(Crédito: Twitter/reprodução)

Eric DeCosta, novo general manager do Baltimore Ravens, concedeu sua entrevista coletiva de apresentação nesta última quarta-feira (30) e fez questão de negar os rumores de conflito com o técnico John Harbaugh que vêm circulando na imprensa dos Estados Unidos.

Pelo contrário, DeCosta elogiou o head coach por sua amizade, visão e convicção.

“Eu posso dizer isso a vocês: John é o único técnico com quem eu quero trabalhar”, afirmou o novo GM.

DeCosta observou que eles são vizinhos tanto nas instalações da franquia de Maryland quanto na vida real. O general manager e o head coach dos Ravens moram a menos de 100 metros um do outro.

Ao longo dos últimos meses, o jornal ‘The Baltimore Sun’ e rádios esportivas locais especularam que DeCosta e Harbaugh “não são próximos” e que eles têm um “relacionamento tenso”.

DeCosta, que está substituindo Ozzie Newsome no cargo de general manager, afirmou que esse tipo de especulação o incomodou.

“Eu lia isso, e tudo o que eu pensava comigo mesmo era: ‘temos inimigos por aí que estão tentando criar divisões, rachaduras e fissuras e coisas assim’. Então eu entendi. Mas me chateou um pouco, eu acho, porque simplesmente não era verdade e era uma coisa pessoal. Não era relacionado ao trabalho; não era um jogo ou algo que afetaria o resultado de um jogo ou estratégia. Era pessoal, e simplesmente não era verdade”, esclareceu.

Harbaugh, que compareceu à coletiva de apresentação de DeCosta, afirmou mais cedo neste mês que ele admirava a energia e paixão do novo general manager. Eles trabalharam lado a lado nos últimos 11 anos, desde que Harbaugh se tornou o head coach dos Ravens em 2008.

DeCosta começou sua trajetória na organização como estagiário nos Ravens e foi subindo os degraus, sendo nomeado general manager assistente em 2012.

Na semana passada, os Ravens e Harbaugh acertaram um novo contrato de quatro anos que vai até a temporada 2022 da National Football League.

O novo GM admitiu que Harbaugh e ele nem sempre concordam, especialmente quando se trata de avaliar jogadores.

“Eu acho que o que eu aprendi ao longo dos anos… é que é saudável ter discordâncias ou ver as coisas de maneira diferente. Você tem que tomar a melhor decisão para a organização, e você faz isso conversando sobre as coisas, não correndo delas, não fechando a sua porta. Você conversa sobre essas coisas. Você confronta o problema”, finalizou Eric DeCosta.

Comments
To Top