NFL

No Huddle – Tyreek Hill fala pela primeira vez após retorno ao Kansas City Chiefs

Tyreek Hill, wide receiver do Kansas City Chiefs

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– O wide receiver Tyreek Hill, do Kansas City Chiefs, falou pela primeira vez neste domingo (28) desde que a National Football League anunciou que não vai suspendê-lo. E, em oito minutos de contato com a imprensa, Hill agradeceu aos Chiefs pelo apoio e ao comissário Roger Goodell por coletar “todos os fatos”.

“Eu mal posso esperar por minha nova jornada, cara. Estou empolgado. Estou trabalhando todos os dias para ser um pai melhor, uma pessoa melhor, um cidadão melhor, um companheiro de equipe melhor e um filho melhor, também, para meus pais. Estou evoluindo a cada dia”, afirmou Hill neste domingo.

A liga anunciou no dia 19 de julho que não podia concluir que Hill violou a política de conduta pessoal da liga.

No último sábado, quando retornou aos campos de treino, Hill recebeu muitos aplausos dos torcedores.

– As conversas sobre o novo acordo coletivo de trabalho (CBA) entre a NFL e a NFL Players Association (NFLPA), marcadas para esta segunda, foi adiada. O plano é remarcar a sessão para algum momento durante a primeira semana de agosto.

A última reunião entre as duas partes foi realizada no dia 17 de julho.

– O offensive tackle Morgan Moses, do Washington Redskins, concedeu sua coletiva neste domingo utilizando a camisa número 71 de Trent Williams, que está fazendo boicote aos treinos do time, já que está insatisfeito com sua situação contratual e também com a equipe médica da franquia.

Moses concedeu a entrevista aos jornalistas como se fosse Williams.

“Eu tenho saudades dos meus caras. Sinto falta de Hogs. Sinto falta de Brandon (Scherff) e Morgan (Moses). Trata-se dessa época, cara. Me preparar para esses caras”, falou Moses, que fingiu ser Williams.

– Jimmy e Dee Haslam, donos dos Cleveland Browns, disseram neste domingo que o running back Kareem Hunt “tem trabalho a fazer” e que seu futuro no time será “com ele”.

“Ele está em aconselhamento trabalhando muito duro. Verdadeiramente é com ele. Temos grandes expectativas em relação aos nossos jogadores”, disse Dee Haslam.

Hunt está suspenso pelos primeiros oito jogos da temporada 2019 por violar a política de conduta pessoal da liga, depois do caso em que empurrou e chutou uma mulher durante uma briga ocorrida em fevereiro de 2018.

– O running back Leonard Fournette, do Jacksonville Jaguars, frisou que o time em 2019 tem uma mentalidade diferente entrando para a próxima temporada, depois das dificuldades enfrentadas no ano passado.

“Você vê na maneira como os caras treinam. Você sabe alguns caras que não fazem muito esforço, eles não estão mostrando isso neste ano. Então, eu acho que a temporada acordou muitos caras”, falou Fournette no último sábado, segundo a ‘ESPN’ norte-americana. “Eu acho que nós apreciamos a temporada passada de maneira geral. Sinto que muitas coisas, individualmente, nós todos poderíamos ter feito melhor para nos colocar em um nível melhor de confiança depois de uma grande temporada em 2017. Eu acho que o ano passado meio que nos deixou mais humildes em várias maneiras”, completou.

– Keith Lincoln, um dos maiores running backs da história dos Chargers, morreu aos 80 anos de idade neste último sábado. O anúncio foi feito pelo time.

Cinco vezes all-star da AFL que estabeleceu recordes de jardas a partir da linha de scrimmage na pré-temporada, Lincoln foi um membro importante do San Diego Chargers na década de 1960, jogando sete temporadas na organização.

Comments
To Top