NFL

No Huddle – Todd Bowles: “é muito cedo” para falar se Sam Darnold é um franchise quarterback

Sam Darnold, quarterback calouro do New York Jets

(Crédito: Twitter/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– O quarterback calouro Sam Darnold teve uma grande atuação na semana 1, contudo o New York Jets não o definiu como franchise quarterback ainda. “Ganhamos um jogo. Posso te dizer depois de mais 100. Agora é muito cedo (para falar se Darnold é um franchise quarterback). Obviamente ele é o titular e pode jogar na posição. Ele precisa passar por algumas coisas que passará a cada semana. Ele não está verde, ele está apontado, ele sabe lidar com ele mesmo muito bem e confio nele para fazer os ajustes”, disse o head coach Todd Bowles.

– Odell Beckham Jr. declarou que se sentiu “muito dolorido” depois da primeira partida que disputou após quebrar o tornozelo em outubro. O wide receiver do New York Giants também disse que pode melhorar seu desempenho. “Tem muitas coisas que eu vi. Coisas que sinto que posso fazer melhor”.

– Baker Mayfield, quarterback do Cleveland Browns, agradeceu os elogios que recebeu de Drew Brees, dos Saints. “Não fica muito maior do que isso. Ele é um dos maiores de todos os tempos. Esse é um cara que tive uma grande quantidade de respeito… foi muito legal. Fico lisonjeado”.

– O wide receiver Martavis Bryant falou sobre os elogios que recebeu de Jon Gruden, head coach do Oakland Raiders. “Sinto que ele está me desafiando a ser a melhor pessoa que posso ser. Ele quer que eu seja o melhor jogador e agradeço a ele. Você precisa de um amor duro para ser o melhor”.

– O Carolina Panthers não irá mudar os seus planos da semana e deverá treinar em Charlotte na sexta-feira apesar do Furacão Florence.

– Antonio Brown, wide receiver do Pittsburgh Steelers, se desculpou por ter ameaçado um repórter da ESPN no Twitter. “Fiz um erro de julgamento no meu tuite na semana passada e me desculpo por isso. Não é legal ameaçar ninguém e preciso ser melhor espiritualmente e profissionalmente”.

– LeSean McCoy, running back do Buffalo Bills, quer ajudar o quarterback calouro Josh Allen. “uma coisa que falarei sobre essa defesa, especialmente os caras habilidosos, para o quarterback calouro ter um bom jogo para eles, faça isso fácil para ele”.

– Jon Gruden, head coach do Oakland Raiders, quer que o wide receiver Amari Cooper seja mais vezes alvo do quaterback Derek Carr. “Se você olhar o vídeo, tivemos ele aberto, Não chegamos lá. Ele ficou livre um par de vezes e por alguma razão não fomos nessa rota. Queremos chegar nele”.

– O linebacker Mychal Kendricks espera continuar sua carreira na NFL após se declarar culpado de insider trading no começo deste mês. O Seattle Seahawks recebeu uma visita do jogador nesta quinta-feira.

– Roger Goodell, comissário da NFL, se uniu a proprietário Gayle Benson e três jogadores do New Orleans Saints para uma análise detalhada do sistema de justiça criminal de New Orleans. Além disso, o presidente do Arizona Cardinals, Michael Bidwill, se juntou a três jogadores seus em reunião na terça-feira com o governador Doug Ducey como parte dos esforços da liga para promover mudanças sociais.

Comments
To Top