NFL

No Huddle – Retorno de Rob Gronkowski, Sean Payton pistola e mais

Rob Gronkowski, tight end do New England Patriots

(Crédito: Twitter/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Drew Rosenhaus, agente de Rob Gronkowski, deu uma declaração surpreendente um dia após o tight end ter anunciado a sua aposentadoria. “Rob tem 29 anos. Ele ainda é muito jovem. Não me chocaria se seu coração mudar, se ele se sentir bem e decidir que quer jogar futebol americano. Mas isso sou apenas eu falando. Não quero criar expectativas desnecessárias. Se os Patriots precisarem e hipoteticamente Tom Brady ligar, não me surpreenderia se ele voltasse”, disse o agente sobre Gronkowski.

– Sean Payton, head coach do New Orleans Saints, ainda não superou as polêmicas dos playoffs e criticou as comissões de arbitragens com os melhores nomes da liga. “Não podemos ter uma comissão all-star e termos um erro como esse. Eles acertam isso em jogos de criança. Isso deveria ser o nosso melhor do melhor e não foi bom”.

– O head coach Jon Gruden garantiu que o quarterback Derek Carr seguira como o quarterback do Oakland Raiders. “Ele é nosso quarterback. Não vou falar sobre os rumores. Não poderia me importar menos com os rumores”.

– O wide receiver Larry Fitzgerald abordou a questão da posição de quarterback do Arizona Cardinals. “Isso está acima do meu nível”, disse ele evitando falar sobre os próximos rumos da franquia, que tem a primeira escolha do draft.

– John Mara, dono do New York Giants, comentou a troca de Odell Beckham Jr. para o New York Giants. “Fizeram uma oferta que Dave (Gettleman) e Pat (Shurmur) gostaram e aprovaram em última instância. Não foi uma decisão fácil… foi uma decisão relutante porque gosto de Odell”.

– Os Raiders irão jogar no Oakland Coliseum em 2019 e terão uma opção para 2020 caso seu estádio em Las Vegas não fique pronto. Os proprietários da NFL aprovaram de forma unânime o acordo.

– John Dorsey, general manager do Cleveland Browns, comentou a suspensão de oito jogos do running back Kareem Hunt. “Eu entendo as regras e restrições, mas temos um plano para o futuro, então teremos que esperar e ver o que a liga diz”.

– Adam Gase, head coach do New York Jets, está animado para ter Le’Veon Bell no seu elenco. “Amo sua variação. Gosto que ele pode fazer tudo”.

– O agente de Malik McDowell, ex-defensive lineman do Seattle Seahawks, afirmou que seu cliente foi liberado mediamente por médicos independentes e que ele deverá jogar em 2019.

– O head coach John Harbaugh se surpreendeu por ter visto Terrell Suggs ter deixado o Baltimore Ravens. “Eu fique surpreso. Essa me chocou. Espera ter ele aqui”.

– Sean McDermott, head coach do Buffalo Bills, está empolgado com a competição entre LeSean McCoy e Frank Gore. “Apenas acho que é uma grande maneira de desafiar alguém. Acho que o ferro irá afiar o ferro nessa situação”.

– Jameis Winston, quarterback do Tampa Bay Buccaneers, quer surpreender em 2019. “Vou jogar melhor beste ano”.

Comments
To Top