NFL

No Huddle – Patrick Peterson terá novo papel na defesa do Arizona Cardinals

Patrick Peterson, cornerback do Arizona Cardinals

(Crédito: Twitter/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– O cornerback Patrick Peterson se destacou no Arizona Cardinals cobrindo o wide receiver número 1 dos times adversários, mas com a chegada do head coach Steve Wilks ele terá um novo papel, ajudando também na pressão e em outros aspectos além da cobertura. “Deve ser divertido. Estou querendo fazer uma tonelada de jogadas neste ano. Estou querendo ser mais agressivo sem a bola e ter o mesmo quando estou encarando o recebedor”.

– O head coach Dan Quinn trouxe uma boa notícia para os torcedores do Atlanta Falcons sobre o wide receiver Julio Jones. “A boa notícia é que as conversas começaram. Vamos manter elas privadas. Tenho fé na organização e em Julio de que as coisas serão resolvidas com boa comunicação”.

– Kellen Winslow II, ex-jogador da NFL, permanece preso sem fiança após se declarar não culpado das acusações de estupro e outros crimes sexuais. Ele pode ficar preso pelo resto da vida se for condenado.

– Andrew Luck, quarterback do Indianapolis Colts, está voltando e os jogadores já perceberam sua presença. “Ele definitivamente está mais enérgico. Ele está trazendo toda a sua energia, vibração, tonando todos nós melhores”, disse o wide reciever T.Y. Hilton. “Ele é um imã, um líder e ele deixa você saber disso”, declarou o tight end Eric Brown.

– Keith Fahnhorst, ex-offensive lineman que defendeu o San Francisco 49ers por 14 temporadas na NFL, morreu aos 66 anos na última terça-feira, informou o time da Califórnia. Ele foi duas vezes ao Pro Bowl e disputou 193 jogos, sendo 160 como titular, além de ter vencido o Super Bowl duas vezes. A causa da morte não foi revelada.

– Alex Smith, quarterback do Washington Redskins, deixou uma boa primeira impressão. “Ele é a pessoa mais inteligente por onde passei, sem dúvida”, declarou o head coach Jay Gruden.

– Jason Garrett, head coach do Dallas Cowboys, tem uma mensagem para os seus jogadores, que ficarão longe da equipe até o próximo compromisso oficial. “Certamente é algo que você tenta conversar com sua equipe e reforça a importância de se fazer boas decisões. Não apenas se prepare para jogar, mas as decisões que você toma fora de campo”.

– Lamar Jackson, quarterback calouro do Baltimore Ravens, teve todas as repetições no final do minicamp, jogando como signal caller da primeira, segunda e terceira equipe, e empolgou. “Esse é um grande passo na direção certa”, disse o head coach John Harbaugh.

– Brandon Bryant, safety de Mississippi State, teve pedido para entrar no draft suplementar aprovado. Ele tem um total de 157 sacks, cinco interceptações e um touchdown em 37 jogos no college.

Comments
To Top