NFL

No Huddle – Baker Mayfield se irrita com repórter em coletiva

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Baker Mayfield, quarterback do Cleveland Browns, teve uma discussão com um repórter nesta quarta-feira (30) antes de abandonar de forma abrupta a sua entrevista coletiva.

O signal caller estava sendo questionado se faltou um senso de urgência para os Browns em uma posse de bola ao final da primeira metade da derrota por 27 a 13 para o New England Patriots, no último domingo. O QB citou uma penalidade como motivo para atrapalhar o drive, que acabou com um passe curto em uma situação de terceira descida longa. Então, Mayfield interveio em uma pergunta seguinte.

“Pare de dizer ‘mas’. Acabei de te dizer que o relógio estava correndo e que tivemos uma penalidade. Você quer devolver a bola a eles? Não. Você não joga, não sabe isso. Isso é puro e simples”, falou Mayfield a Tony Grossi, um repórter da ‘WKNR 850’, afiliada da ‘ESPN’ em Cleveland.

Grossi então perguntou se Mayfield estava contente com a maneira como a campanha ofensiva terminou.

“Fiquei feliz com o drive? Não, não marcamos pontos. A pergunta mais idiota que você poderia fazer. O quê? Jesus, Tony”, respondeu Mayfield, não escondendo sua insatisfação, antes de se afastar dos jornalistas.

O repórter falou mais tarde na rádio que não foi a primeira vez que ele teve um entrevero com Mayfield nesta temporada.

“Eu não queria estar em um confronto com o quarterback do Cleveland Browns, mas ele foi desrespeitoso tantas vezes nas últimas semanas em respostas a perguntas simples feitas por mim”, frisou Grossi.

– O safety Jamal Adams, do New York Jets, ainda não engoliu muito bem o fato de ter sido negociado antes do prazo final de trocas na NFL, na última terça. E, um dia depois das conversas que não renderam uma troca, Adams deixou claro que ainda há coisas a serem resolvidas entre ele e o general manager Joe Douglas. E o safety ainda disse que ele se considera mais do que, aparentemente, sua franquia o considera.

“Eu não levei isso na boa. Definitivamente me machucou. Entende o que quero dizer? Eu me mantenho em um nível alto. Sabe, os Rams não, eles não negociar Aaron Donald. Os Patriots não atendem ligações por Tom Brady. E é aí onde eu me mantenho, a esse respeito”, frisou Adams.

O Dallas Cowboys aparentemente ficou próximo de levar Adams em troca com o NY Jets. Isso depois de o safety pedir para Douglas para não trocá-lo. O negócio não se concretizou, mas o fato de a franquia nova-iorquina ter considerado negociá-lo deixou o defensive back chateado. Resta saber se o GM conseguirá aparar as arestas com um de seus melhores defensores.

– O quarterback Andy Dalton, do Cincinnati Bengals, referiu-se ao fato de ter perdido a vaga de titular para o calouro Ryan Finley como uma “coisa infeliz”. E o camisa 14 dos Bengals não ficou nada contente com a decisão, mas mais por causa do timing da definição.

Dalton notou que os Bengals tomaram a decisão de mandá-lo para o banco de reservas apenas horas antes do prazo final para trocas na NFL, na última terça, e isso acabou com suas chances de buscar um novo time neste ano, onde ele poderia continuar a ser titular.

“Isso aconteceu três horas antes do prazo para trocas. Eu gostaria que eles tivessem, pelo menos se ele estava pensando sobre isso, pelo menos tentar me deixar ver se eu poderia ir para algum lugar ou pelo menos se havia interesse em possivelmente ser trocado”, falou Dalton nesta quarta, segundo a ‘ESPN’. “Nesse ponto, do jeito que tudo foi conduzido, não havia tempo suficiente para que isso acontecesse”, completou.

Ao que parece, os dias de Dalton nos Bengals estão cada vez mais próximos de chegar ao fim.

– O wide receiver A.J. Green, do Cincinnati Bengals, não atuou nesta temporada ainda. E ele não foi trocado e nem renovou com o time.

Enquanto entrava no campo de treinamento nesta quarta, já com olhos em sua possível estreia na temporada 2019 após a semana de folga, na semana 10, Green deixou claro que não deseja ser marcado com a franchise tag pelos Bengals na próxima offseason.

“Eu não gosto de um ano. Dê-me um (contrato) de longa duração ou deixe-me ir embora”, falou Green segundo Ben Baby, do ‘ESPN.com’.

– Em um dia fraco de prazo final de trocas na NFL, na última terça, houve muitas especulações e pouca ação de fato. Mas o Detroit Lions ficou perto de reforçar seu backfield ofensivo.

Segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, os Lions conversaram bastante com o Atlanta Falcons sobre uma troca envolvendo o running back Devonta Freeman. De acordo com Rapoport, as duas partes conversaram muito sobre um potencial aperto de mãos, mas a franquia de Atlanta decidiu manter seu RB veterano.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

NFL, NBA MMA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: contact@quintoquartobr.com
Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top