NFL

No Huddle: Josh Norman não gosta dos Cowboys, elogio de Kuechly e mais

Josh Norman, cornerback do Washington Redskins

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Josh Norman foi sincero ao falar do jogo contra o Dallas Cowboys na quinta-feira e também no retrospecto do seu time, o Washington Redskins, contra o rival de divisão: “desde que estou aqui, Dallas é um espinho para nós […] Não conseguimos ter uma resposta para eles”, disse o cornerback.

– Michael Strahan, um dos maiores jogadores da história dos Giants e campeão do Super Bowl com Eli Manning, é mais um que ficou do lado do quarterback. “Eu não acho que há um jogador, atualmente ou aposentado, que acha isso (ELi ir para a reserva) certo”, declarou Strahan.

– Gabe Jackson, jogador de linha ofensiva do Oakland Raiders, foi multado pela NFL por ter feito contato físico com um juiz no meio da briga entre Aqib Talib e Michael Crabtree no jogo contra os Broncos. A multa é de US$ 30.387.

– New Orleans Saints e Carolina Panthers vão se enfrentar neste domingo em um renhido duelo de divisão. Mas isso não quer dizer que não possa ter uma troca de gentilezas. Luke Kuechly, por exemplo, quis elogiar Alvin Kamara. “Ele é liso e faz tudo parecer fácil. Parece que ele nem se força, como se estivesse deslizando. Ele não é super rápido, mas ele faz caras perderem tackles”, disse o linebacker dos Panthers.

– Este ano tivemos a volta das comemorações após os touchdowns. Mas o Los Angeles Rams não quis muito saber disso. Para Todd Gurley, isso é um bom sinal: “nós chegamos tantas vezes (na end zone) que não precisamos comemorar todas as vezes, então tudo bem”, disse o running back.

– A posição de tight end nos últimos anos foi repensada e ganhou em importância por causa de jogadores como Tony Gonzalez, Rob Gronkowski, Antonio Gates e outros. Mas Austin Seferian-Jenkins, TE do New York Jets, Travis Kelce também tem seu mérito: “eu acho que ele redefiniu a posição de um jeito que ele não é mais um tight end. Ele é quem faz a diferença. Um fator-X”, disse o jogador dos Jets, que vai encarar Kelce neste domingo.

– O Washington Redskins não usou seu uniforme da linha Color Rush da Nike nesta quinta-feira contra o Dallas Cowboys. Mas a liga não vai punir a equipe, que pelo visto odiou a ideia da Nike de um uniforme todo dourado, porque permitiu maior flexibilidade para as equipes formarem seus uniformes monocromáticos como quiserem.

– Neste domingo não é só a sequência de jogos como titular de Eli Manning que irá acabar. Domata Peko, jogador de linha defensiva do Denver Broncos, foi descartado para o jogo contra o Miami Dolphins com uma lesão no joelho e assim sua impressionante sequência acabará em 123 jogos. Ela começou em 2009, quando Peko era jogador do Cincinnati Bengals.

Comments
To Top