NFL

No Huddle – Jon Gruden promete minicamp “totalmente diferente” do que já foi visto

Jon Gruden, técnico do Oakland Raiders

(Crédito: Twitter/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Depois de dez anos, Jon Gruden está voltando a ocupar o cargo de treinador e o head coach do Oakland Raiders promete trazer novos métodos de treinamento. “Isso (o minicamp) será totalmente diferente do que qualquer coisa que eu já vi. Eu não vou ficar no que todo mundo pensa que será. Isso não será nada além de ensinar”.

– Brian Gutekunst, general manager do Green Bay Packers, se mostrou aberto a conversar com o quarterback Aaron Rodgers caso ele ache que não esteja participando muito. “Para ser honesto, eu estava meio que consumido com o draft, então praticamente não tive nenhuma discussão com nossos jogadores. Eu os recebe bem (caso queiram). Ninguém expressou nenhuma frustração para mim”.

– John Lynch, general manager do San Francisco 49ers, afirmou que mantém contato com o safety Eric Reid e seu agente e não fechou a porta para as duas partes chegarem em um acordo. “É apenas o mercado dos safeties que tem sido incrivelmente lento e Eric tem sido vítima dele”, afirmou o executivo.

– O New England Patriots recebeu visita de Lamar Jackson e ficou “intrigado e impressionado” com o quarterback de Louisiana, de acordo com Ian Rapoport.

– Joe Haden, cornerback do Pittsburgh Stelers, finalmente está tendo uma pré-temporada completa sem ter que se recuperar de lesão. “Estou me sentindo trabalho. Consegui fazer o treino completo de offseason. Nas últimas duas temporadas não consegui treinar como queria. Este ano, estrou treinando como nunca”.

– O cavalo chamado Rob Gronkowski não irá participar do Kentucky Derby. Os proprietários do cavalo, que inclui o tight end do New England Patriots, informaram que o animal está com febre e não conseguirá viajar até Churchill Downs.

– Jon Robinson, general manager do Tennsee Titans, conseguiu juntar US$ 1,8 milhões para a batalha contra a diabetes de tipo 1 em evento de ala.

– Joe Namath, ex-quarterback do New York Jets, não gostou da ideia da franquia nova-iorquina poder draftar Baker Mayfield. “Não os conheci (os candidatos a serem escolhido na terceira rodada), mas eu os assisti e o mais ultrajante, por assim dizer, foi Mayfield”.

– Ndamukong Suh foi o defensive lineman que mais jogou entre 2010 e 2017 e o Los Angeles Rams ainda está tentando entender como irão lidar com a situação dele. “Acho que as coisas vão se resolver. Achp que o que isso significa é que a durabilidade e a maneira como ele se cuida”.

Comments
To Top