NFL

No Huddle – Rob Gronkowski se diz contente com a aposentadoria

Rob Gronkowski, tight end do New England Patriots

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Atualmente aposentado, o ex-tight end Rob Gronkowski, afirmou na manhã deste domingo que ele está feliz com sua aposentadoria e, com todo seu bom humor, rejeitou uma pergunta em relação ao seu desejo de acabar com os rumores de que ele pode considerar um retorno à National Football League.

“Oh, cara! O que quer que eu diga, não importa. Sempre será uma loucura por aí, mas você pode acabar com elas (conversas sobre retorno à liga). Estou me sentindo bem. (Em um) bom lugar. É ótimo estar de volta aqui”, disse o ídolo do New England Patriots, sorrindo, durante um evento para crianças realizado no Gillette Stadium.

Ainda que Gronk, atualmente com 30 anos de idade, não tenha afastado completamente a possibilidade de um retorno, ele claramente parece feliz com a aposentadoria. Vale lembrar que Drew Rosenhaus, agente do jogador, disse em março que uma volta do TE à NFL não o surpreenderia.

– O defensive tackle Muhammad Wilkerson, ex-New York Jets e Green Bay Packers, foi preso na madrugada do último sábado por dirigir embriagado em Manhattan, segundo a polícia. Um porta-voz da polícia disse à ‘Associated Press’ que o free agent de 29 anos de idade foi fichado na Manhattan Criminal Court e posteriormente liberado.

Além da acusação de dirigir sob influência de substâncias (DWI, em inglês), o jogador está sendo acusado de ignorar um aviso de parada e de dirigir com os reflexos prejudicados.

O jornal ‘New York Daily News’ apurou que os documentos oficiais mostram que Wilkerson disse aos policiais que “eu tomei um shot e duas cervejas”. Wilkerson é um free agent depois de terminar a temporada passada na injured reserve devido a uma fratura no tornozelo.

– Von Miller, um dos líderes defensivos do Denver Broncos, se disse contente ao ver o cornerback Chris Harris, seu companheiro de time desde 2011, conseguir um aumento salarial para a temporada 2019.

“Eu já expressei o que Chris significa para mim e que tipo de cara ele é para nós. Eu tenho jogado com o cara há nove anos, e você quer ver o cara receber o que lhe é devido. Você quer ver os caras se dando bem. E eles, definitivamente, acertaram ao dar a Chris o pagamento”, declarou Miller no último sábado, durante seu Pass Rush Summit, segundo o site oficial da franquia do Colorado.

– Depois das dificuldades relacionadas à secundária nos últimos dois anos, o Tampa Bay Buccaneers parece estar no caminho de resolver os problemas no fundo da sua defesa, agora sob o comando do novo head coach Bruce Arians e do novo coordenador defensivo Todd Bowles.

Questionado nesta semana sobre qual grupo de posição pareceu melhor durante os treinos de offseason, Arians elogiou os defensive backs.

“Provavelmente a secundária. Acho que estamos muito, muito bem. Com Carlton (Davis) e Vernon (Hargreaves), nós sabíamos que tínhamos dois corners sólidos, agora temos cinco corners sólidos. Acho que Ryan (Smith) percorreu um longo caminho. Então, sim, eu acho – assinalado como um problema lá em janeiro, isso está totalmente resolvido. Vamos bater na madeira para que eles permaneçam saudáveis”, frisou o técnico aos repórteres.

– O running back Saquon Barkley mostrou a sua confiança no quarterback calouro Daniel Jones, sexta escolha geral do draft de 2019 feita pelo New York Giants. “Eu acredito nele. Agora: ‘ah, essa é uma escolha péssima’, mas quando ele ganhar dois Super Bowls, todos vão falar: ‘ele foi a melhor escolha de todos os tempos'”.

– O running back C.J. Anderson falou sobre as diversas equipes pelas quais passou após ser cortado pelo Denver Broncos em 2018. “Você quer estar onde é quisto. Realmente me queriam aqui (no Detroit Lions)”.

– Malik Hooker, safety do Indianapolis Colts, está animado após se recuperar de lesão. “Provavelmente é (o momento que) melhor me sinto desde o college. Talvez ainda melhor”.

Comments
To Top