NFL

No Huddle – esposa de Matthew Stafford com tumor e desabafo de Mike McCarthy

Matthew Stafford, quarterback do Detroit Lions, e sua esposa

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Kelly Stafford, esposa do quarterback Matthew Stafford, do Detroit Lions, anunciou nesta quarta-feira (3) que ela vai passar por uma cirurgia neste mês para cuidar de um tumor no cérebro diagnosticado mais cedo neste ano. Ela anunciou o diagnóstico em uma longa postagem no Instagram.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

This is a picture of Matthew & I the day we found out. I said I wanted this picture of us, so that the day this was all over, we could look back at this photo & remember. Within the last year, I began to notice things that I thought was just me getting older.. I would show my girls how to do a front roll or twirl in ballet class and immediately feel dizzy & off balance… Things that I had been doing my entire life were now, all of a sudden, difficult. The beginning of Jan was when I experienced my first spell of vertigo..It kept happening & then it happened while I was holding Hunter. Matthew took me straight to the ER. They checked vitals & bloodwork, all were fine.. Several vertigo spells later, Matthew’s team doctor recommended we go get an MRI of my brain to rule everything major out. A few days later we were hit with the results. I had a tumor sitting on some of my cranial nerves. The medical term they used was an acoustic neuroma or vestibular schwannoma.. All I heard was brain tumor & that they had to do surgery to take it out.. so that is what we are going to do & we believe we found the best doctor to do it. I’d be lying if I said I wasn’t completely terrified of brain surgery. I am. I am terrified of them opening my head, I’m terrified of losing my hearing, I’m terrified of losing facial function, I’m terrified of far worse things that could happen and I’m terrified that I won’t take the time I need to recover because the guilt I might feel of being absent from my kids for too long.. I am telling y’all this to ask for prayers and support. Things to pray for: -calmness in these next 2 weeks as I know anxiety will run high in myself & my whole family leading up to the day of surgery. -that God be in the room with the surgeons & give them all the guidance, steadiness, & confidence they need. -my safety during and after surgery. -please pray for matthew as I know his nerves will be high during this surgery. I couldn’t imagine being out in that waiting room. Thank u. Thank u for reading this novel. thank u for all your support and most importantly, thank u for your prayers.

Uma publicação compartilhada por Kelly Stafford (@kbstafford89) em

Kelly, que tem 153 mil seguidores no Instagram, disse que começou a sentir vertigem em janeiro. Essa sensação continuou e ela se sentiu mal quando estava segurando o terceiro filho do casal. Então, ela foi encaminhada para a emergência e passou por um exame de sangue. O exame não acusou nada, mas a vertigem continuou e, sob recomendação de um médico dos Lions, ela passou por uma ressonância magnética.

Os exames mostraram que Kelly tinha um neuroma acústico, que é um tumor benigno, em seus nervos cranianos.

O Detroit Lions emitiu um comunicado expressando apoio.

A família Stafford faz trabalhos na comunidade de Detroit desde que Matthew foi selecionado pelos Lions com a primeira escolha geral do draft de 2009.

– Mike McCarthy, ex-técnico do Green Bay Packers, disse em entrevista ao jornalista Rob Demovsky, da ‘ESPN’ norte-americana, que não esperava que fosse demitido no meio da temporada 2018.

“Se nós perdêssemos os playoffs, eu esperava que mudanças pudessem acontecer. Mas o timing me surpreendeu. Na verdade, me deixou boquiaberto. Não poderia ter sido conduzido de maneira pior”, afirmou McCarthy na entrevista.

– Autoridades do condado de Harris optaram por retirar uma acusação criminal de danos a idosos contra o defensive end veterano Michael Bennett. A acusação era relacionada a um suposto incidente após o Super Bowl LI, no NRG Stadium, em Houston.

– Recentemente aposentado após 11 temporadas como profissional na NFL, sendo dez delas com a camisa do Green Bay Packers, wide receiver Jordy Nelson admitiu que seria difícil recusar um retorno à liga caso seu ex-quarterback e velho amigo Aaron Rodgers entrasse em contato com ele.

“Provavelmente seria difícil dizer não”, afirmou Nelson, em participação no The Dan Patrick Show.

Nelson fez 550 recepções para 7.848 jardas e 69 touchdowns de 2008 a 2017, quando recebeu passes de Rodgers nos Packers.

– O general manager Bob Quinn, do Detroit Lions, admitiu que há jogadores que ele gosta na primeira rodada do draft de 2019. Apesar disso, o executivo admitiu que ele está disposto a ouvir propostas pela escolha número 8 para descer no draft e coletar mais escolhas.

“É a melhor maneira de construir seu elenco da maneira correta. Número 8, eu acho que há um número de jogadores que eu gostaria nesta posição neste momento. Eu sempre gosto de escolhas de draft, então se pudermos descer algumas posições (…)”, afirmou Quinn, no podcast RapSheet and Friends.

– Advogados de Robert Kraft, proprietário do New England Patriots, estão atacando a investigação da polícia da Flórida que resultou em Kraft sendo acusado de pagar por sexo em uma casa de massagem. Em um documento apresentado nesta quarta na corte do Condado de Palm Beach, os advogados do empresário alegam que a polícia de Jupiter ilegalmente fez buscas no Orchids of Asia Day Spa. Eles também dizem que as câmeras de vídeo que os oficiais esconderam dentro do spa violaram as proteções de privacidade previstas na Constituição.

– Jim Irsay, proprietário do Indianapolis Colts, vê como objetivo de seu time vencer três Super Bowls consecutivos. “Eu realmente sinto que este é um time jovem que está subindo. Vocês sabem, eu vou dizer descaradamente, eu gostaria de ganhar três seguidos. Quão difícil é isso? Quero dizer, é difícil pra caramba vencer apenas um”, frisou, segundo o jornal ‘Indy Star’.

– Sam Darnold, quarterback do New York Jets, não escondeu sua satisfação após a contratação do running back Le’Veon Bell por seu time. “Eu amo isso. O que há para não amar em relação a isso? Le’Veon é um grande jogador. Ele é muito instintivo também. Ele é muito amigo do quarterback, o que eu percebi assistindo às gravações um pouco”, declarou Darnold, em entrevista a Brian Costello, do ‘New York Post’, antes de um jogo do NY Yankees.

– Von Miller, pass rusher do Denver Broncos, ganhou perto de 4,5kg desde o final da temporada 2018 e ele espera que essa maior massa muscular o ajude a dificultar ainda mais a vida dos bloqueadores. “(Nos) 106 (kg), você pode seguir uma determinada direção quando você está agarrado com um offensive lineman. (Nos) 111, você pode ir um pouco mais longe com isso. 111 (kg) é onde eu quero estar”, disse o outside linebacker, segundo Nicki Jhabvala, do ‘The Athletic’.

– Jay Gruden, técnico do Washington Redskins, não vê problema em ter Adrian Peterson e Derrius Guice como opções no backfield ofensivo. “Ter A.P. é bom. Ele correu para mais de 1.000 jardas. Ele é um pouco mais velho, mas não parece assim. Ele está em grande forma. Eu o vi outro dia. É um bom dilema ter aqueles dois caras”, falou o head coach, segundo o ‘Washington Post’.

– Courtland Sutton espera conquistar seu posto como wide receiver número 1 do Denver Broncos. “Eu estou empolgado de entrar nesta temporada sabendo que terei a chance de ser o número 1 e eu vou receber todas as olhadas e toda a pressão. Eu estou empolgado com isso. Quero que meus companheiros de equipe me olhem como aquele líder e aquele cara que vai assumir o papel e seguir com ele o máximo que eu puder”, declarou Sutton, segundo Mike Klis, do ‘9News’.

– O general manager Eric DeCosta, que está entrando em seu primeiro draft nesta posição no Baltimore Ravens, declarou que o time precisa arriscar mais na posição de wide receiver. “Uma das maiores coisas que precisamos fazer é arriscar mais tacadas. (…) Temos que dar algumas chances. Temos que encontrar alguns caras que gostamos e tentar apreciar os jogadores de futebol americano realmente bons, os caras que fazem jogadas”, afirmou o executivo, segundo o site oficial da franquia de Maryland.

Comments
To Top