NFL

No Huddle: Chris Long declara apoio ao protesto de Malcolm Jenkins

Malcolm Jenkins, safety do Philadelphia Eagles

(Crédito: Twitter/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Malcolm Jenkins, safety do Philadelphia Eagles, continuou seu protesto levantando seu punho sobre a cabeça durante o hino nacional na última quinta-feira. O defensive end Chris Long ofereceu apoio ao seu colega de equipe ao manter sua mão nas costas de Jenkins, antes de abraçar seu amigo.

“Ouvi muitas pessoas dizendo que você precisa de atletas brancos se envolvendo nos protestos”, afirmou Long. “Eu disse que nunca me ajoelharia durante o hino porque a bandeira significa algo diferente para todos neste país, mas eu apoio meus colegas. E se você não entende por que você precisa de aliados para as pessoas que estão lutando pela igualdade, acho que você nunca viu isso. Então minha coisa é: Malcolm é um líder e eu estou aqui para apoiá-lo como atleta branco”.

– Jay Cutler, quarterback do Miami Dolphins, já está achando similaridades na sua nova equipe com o Chicago Bears. “Eu acho que (Devante Parker) é um Alshon (Jeffrey) mais rápido. Ele tem muito alcance, faz o back-shoulder, o over the tope. Ele tem boas mãos”.

– Depois de chamar a atenção da mídia com seus protestos durante o hino nacional, o quarterback Colin Kaepernick vai ganhar sua própria exibição no Museu Nacional de História e Cultura Afro-Americana.

– DeShone Kizer, quarterback calouro do Cleveland Browns, não descordou do left taclke Joe Thomas, que afirmou que ele não está pronto para ser o titular. “Ele está na NFL desde que estou na sétima série, então o que ele diz é provavelmente bastante preciso”, disse Kizer.

– O Chicago Bears assinou contrato com o veterano linebacker Kelvin Sheppard. Além disso, a franquia de Illinois dispensou o linebacker calouro Hendrick Ekpe.

– O New York Giants assinou contrato com Cannaan Severin, wide receiver ex-Pittsburgh Pirates, nesta sexta-feira. Ele está ocupando o lugar de Keeon Johnson – que quebrou o pé – no elenco.

– John Harbaugh, head coach do Baltimora Ravens, aprovou a atuação do quarterback reserva Ryan Mallett na vitória por 31 a 7 sobre o Miami Dolphins. “Eu acho que ele foi bem. Ele ficou longe de problemas algumas vezes e fez alguns lançamentos. Acho que vamos continuar trabalhando para construir isso. Ele estava sob pressão e acho que ele lidou bem com isso, não cometendo erros”.

– Doug Pederson, head coach do Philadelphia Eagles, ficou feliz com a estreia do cornerback Ronald Darby. “Sim foi impressionante. Muito animador, encorajador. Ele definitivamente irá ajudar a equipe”.

– Uma acusação relativa a uma arma contra Khaseem Greene, linebacker agente livre, foi retirada porque o homem que disse que lhe deu a arma admitiu que mentiu, informou o advogado do jogador. A acusação foi retirada no dia 17 de julho por um juiz após pedido dos promotores.

– Bruce Arians, head coach do Arizona Cardinals, teve que passar por uma dieta vegana de 27 dias por razões de saúde recentemente e ele está se sentindo bem após o tratamento. “Eu me sinto muito bem. É um pouco louco ser vegano por um tempo. Eu não sou mais vegano. Eu finalmente pude comer carne novamente”, declarou Arians, que teve câncer no rim no ano passado.

– Stefon Diggs, wide receiver do Minnesota Vikings, gosta tanto de Starbucks que ele está usando chuteiras personalidades com a empresa de café.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top