NFL

No Huddle – Carson Wentz evoluindo em recuperação e Eli Manning de cabeça fria

Carson Wentz, quarterback do Philadelphia Eagles

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– O quarterback Carson Wentz, do Philadelphia Eagles, ainda não está totalmente recuperado da fratura nas costas que encerrou sua temporada 2018 precocemente. Apesar disso, o signal caller se mostrou otimista em relação à sua reabilitação.

“Ainda estamos chegando lá. Ainda está chegando lá. Algumas dessas coisas apenas levam tempo, mas essa realmente não é a preocupação principal. É apenas como me sinto, e me sinto muito bem em relação ao estágio em que me encontro”, falou Wentz nesta segunda-feira (15), na abertura do programa de treinamentos de offseason dos Eagles, ao ser questionado se o osso está totalmente recuperado.

Wentz, que teve uma fratura por estresse descoberta em um exame em dezembro, disse que já foi liberado para algumas atividades relacionadas ao futebol americano e o QB não mudou seus planos de estar pronto para as OTAs (organized team activities) que começam em outubro.

“Esse é o objetivo, mas realmente não há um cronograma, sem pressa. Mas me sinto bem com a progressão em que estou. Neste momento, estamos meio que levando semana a semana. Estou lançando um pouco, correndo um pouco e levando semana a semana, e me sinto bem”, observou.

– O quarterback Eli Manning, do New York Giants, está entrando no ano final de seu contrato, que paga um salário-base de US$ 11,5 milhões para 2019, e vive uma situação inusitada em sua carreira de 15 anos de duração (e que inclui dois títulos de Super Bowl). E o astro sabe que os Giants devem buscar seu sucessor no draft deste ano e não se mostrou incomodado com isso.

“Eu acho que os Giants vão conseguir um jovem quarterback. Eu entendo isso. Eu tenho que fazer o meu trabalho e vou fazer minha parte. Meu trabalho, como eu vejo, é ir jogar como quarterback e ganhar jogos de futebol americano”, afirmou Manning aos repórteres, em uma teleconferência nesta segunda.

– O running back Todd Gurley, do Los Angeles Rams, compareceu nesta segunda ao primeiro dia do programa voluntário de treinamentos de offseason e um dos principais tópicos foi a situação de seu joelho esquerdo. E ele foi enfático.

“Estou me sentindo realmente bem. Levando dia a dia”, falou Gurley, que acrescentou que não houve realmente nenhuma conversa sobre uma cirurgia em seu joelho durante a offseason.

– O quarterback Tom Brady e o defensive end Michael Bennett não compareceram ao início do programa de treinamentos de offseason do New England Patriots, nesta segunda, como confirmou o jornalista Field Yates, da ‘ESPN’ norte-americana. Brady não participou dos treinos voluntários no ano passado e a expectativa era a de que isso fosse se tornar comum, já que o astro deseja passar mais tempo com sua família.

Já Bennett, que foi adquirido em troca pelos Pats nesta offseason, quase sempre não treina junto com seu time na offseason, optando por treinar por conta própria em sua casa durante a offseason, no Havaí.

Brady, segundo o jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, aparentemente deseja aumentar um pouco seu peso atual (de 102kg) e ganhar um pouco mais de massa muscular.

– O wide receiver Antonio Brown, do Oakland Raiders, chegou a um acordo em um processo de grande repercussão pública no sul da Flórida. Brown estava enfrentando duas acusações judiciais depois de um incidente em abril no qual o wideout gritou com seguranças e arremessou objetos da varanda de um apartamento, segundo documentos obtidos pela ‘ESPN’. Ambas as ações foram por “danos superiores a US$ 15 mil, excluindo honorários advocatícios e juros”.

Brown resolve o processo trazido pelo guardião de um menino de dois anos de idade, alegando “infligir intencionalmente sofrimento emocional e agressão” depois que os objetos arremessados do 14º andar do The Mansions at Acqualina quase atingiram a criança, de acordo com os arquivos do tribunal do Condado de Miami-Dade.

– Matt LaFleur, novo head coach do Green Bay Packers, garantiu a Albert Breer, jornalista do ‘The MMQB’, que ele não está preocupado com o passado do seu time e as recentes turbulências pelas quais os Packers passaram, incluindo o relacionamento entre o quarterback Aaron Rodgers e o ex-técnico Mike McCarthy.

“Honestamente, não pensei muito nisso. Eu não estava aqui, então não sei o que aconteceu. E, francamente, eu realmente não ligo para o que aconteceu. Tudo o que me interessa é como seguiremos em frente como um time de futebol americano. Tudo o que me interessa é a parceria que estamos formando, como isso vai rolar, e nossa comunicação. Isso é tudo o que realmente me importa”, observou LaFleur.

– Mesmo em meio a uma investigação na Justiça, o wide receiver Tyreek Hill está comparecendo aos treinamentos de offseason do Kansas City Chiefs nesta segunda, como confirmou o técnico Andy Reid. O wideout está sendo investigado pelas autoridades locais por um possível incidente doméstico envolvendo uma criança. Hill não foi indiciado por um crime até agora e as investigações continuam.

– O cornerback Chris Harris, do Denver Broncos, não vai comparecer ao minicamp voluntário de seu time, depois de deixar claro que deseja um novo contrato. Em entrevista ao jornalista Mike Klis, do ‘9News’, Harris insistiu que perder os treinos voluntários não vai afetar seu desempenho em 2019. “Estou preparado. Este facilmente vai ser o meu melhor ano. Nesses próximos três anos, eu vou dar tudo de mim. Se eles querem que eu esteja aqui, eu vou à loucura nesses próximos três anos, eu garanto isso”, falou.

– Nesta segunda, 23 times da National Football League abriram seus treinamentos de offseason. São eles: Atlanta Falcons, Baltimore Ravens, Buffalo Bills, Carolina Panthers, Chicago Bears, Dallas Cowboys, Detroit Lions, Houston Texans, Indianapolis Colts, Jacksonville Jaguars, Kansas City Chiefs, Los Angeles Chargers, Los Angeles Rams, Minnesota Vikings, New England Patriots, New York Giants, Oakland Raiders, Philadelphia Eagles, Pittsburgh Steelers, San Francisco 49ers, Seattle Seahawks, Tennessee Titans e Washington Redskins.

Oito times que contrataram um novo head coach nesta offseason já haviam iniciado suas atividades nas últimas semanas. O New Orleans Saints é o único time que só vai abrir suas atividades na semana que vem.

Comments
To Top