NFL

No Huddle: Antonio Gates na cerimônia do Hall da Fama e estudo sobre maconha

Antonio Gates e LaDainian Tomlinson

(Crédito: Twitter/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Após reunião entre Anthony Lynn, head coach do Los Angeles Chargers, e Antonio Gates nesta semana, ficou determinado que o tight end irá comparecer na cerimônia de introdução ao Hall da Fama LaDanian Tomlinson (LT) no sábado. O treinador também revelou que o quarterback Philip Rivers permanecerá para participar do treino conjunto com o Los Angeles Rams no StubHub Center.

“Antonio Gates vai estar com LT no Hall da Fama e Philip ficará com a equipe”, disse Lynn. “Estamos indo ao StubHub pela primeira vez. É um ensaio geral para nossa organização, para nossos jogadores. Temos muitas coisas para trabalhar neste dia e Philip quer estar lá. Ele ficou dividido. Ele queria estar com LT”.

– A NFL fez uma indicação clara de que talvez esteja disposta a trabalhar com a Associação de Jogadores (NFLPA) para estudar o uso de maconha como remédio para aliviar as dores. A liga, que já vem fazendo estudos sozinha, escreveu carta para a NFLPA oferecendo para trabalhar no estudo do potencial uso dessa possibilidade.

– Depois de Jamal Adams, safety calouro do New York Jets, ter dito que o “lugar perfeito para morrer” era no campo de futebol americano ao ser perguntado sobre a encefalopatia traumática crônica, Martellus Bennett foi pelo lado oposto.

“Espero que todos esses jovens que estão dispostos a morrer pelo esporte encontrem um propósito melhor na vida”, respondeu o tight end do Green Bay Packers no Twitter. “Olhe, futebol americano é legal, mas eu não vou morrer por essa m****”.

– O Cincinnati Bengals viu seus jogadores se confrontarem, nesta terça-feira, após o linebacker Vontaze Burfict ter feito um tackle na parte inferior do corpo no running back Giovani Bernard. Depois do lance, os jogadores do ataque foram repreender Burfict, contudo os dois envolvidos na jogada foram vistos conversando e rindo após o treino.

– O wide receiver Willie Snead acredita que o New Orleans Saints tem o melhor grupo de recebedores da National Football League e que isso trará bons frutos para a defesa. “Eu sinto que temos o melhor corpo de recebedores da liga, então vamos fazer (nossos cornerbacks) melhores. E quando chegar a hora do jogo, eles deverão estar prontos para jogar”.

– Bill O’Brien, head coach do Houston Texans, está impressionado com Deshaun Watson. “Deshaun, para um calouro, está realmente à frente de qualquer quarterback calouro que eu já treinei. (Ele) foi a campo e fez algumas jogadas, o que foi bom de se ver”.

– Ryan Malett, quarterback reserva do Baltimore Ravens, não teme a possível contratação de Colin Kaepernick. “Estamos preocupados com os Ravens agora. Se ele vier, legal. Se ele não vier, tudo bem. Nós realmente não estamos preocupados com isso agora”.

– Quando Darrelle Revis chegou ao New York Jets, a franquia nova-iorquina não hesitou em dar a camisa 24 para ele, no entanto, agora que o veterano não está mais na equipe, os Jets não deram o número para Morris Claiborne, que utilizava este número nos Cowboys. “Desculpe, o New York Jets disse que ele não estava disponível. Ele pertenceu a Darrelle Revis e eles gostariam de manter o número fora de circulação porque ele pode ser aposentado algum dia”.

– Terence Newman, cornerback do Minnesota Vikings, vai completar 39 anos e quer vencer o Super Bowl. Para falar isso, ele fez uma comparação um pouco estranha. “Garotas gostosas da faculdade. Você pode ter contato nos olhos, talvez um sorriso e então nunca escuta ela novamente certo? Então estou perseguindo essa garota gostosa que é o troféu (Vince) Lombardi”.

– Marty Lyons, lenda do New York Jets que está no Ring of Honor da equipe, está se recuperando de uma leve pancada que levou três semanas atrás e irá perder os dois primeiros jogos de pré-temporada da franquia nova-iorquina, mas espera estar pronto para o confronto contra o New York Giants no dia 26 de agosto.

– Pai de Jared Goff acredita no potencial de seu filho. “Julgue o quanto você quiser, mas dê a ele algum tempo. Ele será excelente. Ele nunca não foi”, afirmou o pai do quarterback do Los Angeles Rams.

– Caleb Benenoch, offensive lineman dos Buccaneers, e A’Shawn Robinson, defensive tackle do Detroit Lions, estão sendo processados por uma conta de uma boate no valor de US$ 9,332 referente a março. Segundo relatos, os dois foram convidados da festa e os cartões de créditos deles foram negados na hora de pagar a conta.

– Michael Thomas teve 92 recepções em sua temporada de calouro, o que é a segunda maior marca para um estreante na NFL, contudo o wide receiver do New Orleans Saints não está satisfeito. “Eu tive que parar, reagrupar e descobrir que eu ainda vou superar meus números e ainda fazer o que eu faço, porque eu sou um jogador que estabelece metas e ataca”.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top