NFL

NFL vai proibir o uso de máscaras de proteção ‘fora do padrão’ nos capacetes dos jogadores; veja exemplos

(Crédito: Instagram/reprodução)

(Crédito: Instagram/reprodução)

Alguns jogadores, como Justin Tuck (foto), ex-New York Giants e atualmente no Oakland Raiders, terão que mudar as máscaras de seus capacetes para a temporada 2014. De acordo com um documento de Troy Vincent, vice-presidente de operações de futebol americano da NFL, obtido por Ian Rapoport, do NFL.com, a liga vai proibir o uso de máscaras “não tradicionais ou modificadas” para esta próxima temporada.

De acordo com o documento, uma pesquisa feita pelo National Operating on Standart for Athletic Equipment, comitê que examina equipamentos esportivos, mostrou que as máscaras não tradicionais falham mais frequentemente em testes de segurança e certificação e não estão nos padrões de segurança exigidos pela NFL.

Exemplos de máscaras que serão proibidas (Crédito: NFL/divulgação)

Exemplos de máscaras que serão proibidas (Crédito: NFL/divulgação)

Entre as características das máscaras de capacetes que serão banidas estão “mais barras, espaços menores entre as barras e, geralmente, um maior espaço de cobertura do rosto”. Essa descrição foi escrita por Troy Vincent no documento.

Um estudo realizado para a NFL pela Universidade de New Hampshire mostra que um maior peso nas máscaras protetoras afeta a estrutura do capacete, bem como pode causar fadiga no pescoço, o que pode acarretar em uma postura errada do atleta na hora do contato como, por exemplo, abaixar mais a cabeça. Além disso, elas podem proporcionar um falso senso de segurança durante o tackle.

Ainda de acordo com o documento, jogadores com aprovação médica em relação às máscaras em 2013 terão que passar por nova avaliação em 2014 e diretrizes estritas para futuras dispensas médicas serão determinadas.

Comments
To Top