NFL

NFL está monitorando furacão e jogo entre Dolphins e Bucs pode ser mudado

Hard Rock Stadium, casa do Miami Dolphins

(Crédito: Instagram/reprodução)

A National Football League está monitorando a atividade no Furacão Irma no sudeste do Atlântico e já está estudando a possibilidade de mudar o primeiro jogo do Miami Dolphins na temporada 2017, contra o Tampa Bay Buccaneers.

Há a possibilidade de a partida, marcada atualmente para o domingo (10), ser transferida para outro dia ou até mesmo para outro estádio, segundo uma reportagem da ‘Associated Press’. Atualmente, o duelo está marcado para ser realizado às 14h (de Brasília) no Hard Rock Stadium, casa dos Dolphins.

A tempestade é um furacão de Categoria 4. O Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos emitiu um alerta nesta segunda-feira dizendo que as chances de o Irma afetar partes da Flórida neste final de semana, possivelmente começando na sexta-feira, estão aumentando.

Um porta-voz da NFL disse: “nós vamos monitorar a situação ao longo da semana e nos manter em constante comunicação com os dois times e autoridades locais”.

Uma fonte próxima à situação disse ao jornalista Dan Graziano, da ‘ESPN’ norte-americana, que “é muito cedo para dizer se o jogo será mudado ou não”.

Os treinadores de ambas as equipes tentaram minimizar um pouco a situação nesta segunda, mesmo com a chance de a partida de estreia ser adiantada.

O técnico Adam Gase, do Miami Dolphins, disse: “realmente isso está meio que fora das minhas mãos agora. Estou acompanhando o alerta. Quando essas coisas surgirem, estaremos prontos. Nós sempre temos uma ideia do que podemos fazer neste momento e do que não podemos fazer. Mas coisas assim estão, definitivamente, fora do nosso controle”.

Dirk Koetter, head coach do Tampa Bay Buccaneers, também deu seu parecer: “eu não sei o que eles vão fazer. Acabei de dar aos jogadores um grande discurso sobre ‘controlar o que você pode controlar e não se preocupar com o resto’. Não tenho nenhum controle sobre essas coisas”.

Koetter espera ter mais informações para seus jogadores durante a reunião do time na quarta-feira. Os Bucs têm a noite de segunda de folga, bem como a terça-feira. O treinador espera que, se as mudanças forem de fato feitas pela liga, elas sejam feitas pensando nos jogadores e em suas famílias, bem como considerando o que aconteceu com o Furacão Harvey, que atingiu Houston, no Texas.

Comments
To Top