NFL

NFL busca investigador para analisar fraude em acordo de concussão

NFL, National Football League

Crédito: Instagram/reproduçãoNFL

A NFL está buscando um investigador para lidar com o que ela alega ser uma fraude generalizada do seu acordo de concussão com os ex-jogadores, o que é mais um passo na disputa crescente entre os dois lados.

Em apresentação à Corte Distrital nesta sexta-feira, no Leste da Pensilvânia, a liga disse que quase metade das queixas recebidas foram marcadas para auditoria. Desse total, mais de 400 foram rejeitadas depois que uma pessoa independente alegou que elas eram fraudulentas.

A NFL está solicitando que o investigador especial ajude essa pessoa e recomende sanções.

“Queremos garantir que os jogadores e suas famílias recebam os benefícios que merecem”, disse Brad Karp, advogado que representa a NFL. “A fraude ameaça à integridade do acordo e o pagamento imediato de reclamações legítimas. Há evidências significativas de reivindicações fraudulentas sendo promovidas por médicos, advogados e até mesmo jogadores sem escrúpulos. A nomeação de um investigador foi especialmente contemplada no acordo e fornecerá importantes ferramentas adicionais para ajudar os administradores independentes, nomeados pelo tribunal, na identificação de reclamações fraudulentas e má conduta”.

Os advogados dos jogadores alegaram em uma queixa no mês passada que a NFL está intencionalmente retardando os processos, de acordo com o ‘Washington Post’. As alegações de demência têm sido especialmente pagas de forma mais lenta. Segundo o jornal, apenas seis das 1.113 reclamações de jogadores com diagnóstico de demência resultou em pagamento.

Até o momento, mais de 20 mil ex-jogadores fazem parte da classe elegível para participar do acordo que não tem limite valor, mas que pode se aproximar a US$ 1 bilhão ao longo de seus 65 anos de vida. O acordo aprovou 377 pagamentos e US$ 411 milhões foram comprometidos.

Christopher Seeger, principal advogado dos jogadores, afirmou em comunicado que a nomeação de um investigador seria apropriada. Mas ele alertou que a NFL não deveria usar a questão de fraude para reter pagamento aos jogadores que são merecedores da recompensa.

Comments
To Top